Matérias Mais Lidas

imagemRegis Tadeu se garante e não retira uma palavra do que disse sobre Di'Anno e Iron Maiden

imagemBruno Valverde diz que preconceito contra ele veio mais da igreja do que dos metaleiros

imagemPaul Di'Anno detona Regis Tadeu após vídeo em que critica seu encontro com Iron Maiden

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemGeezer Butler, Heavy Metal e a clássica canção do Black Sabbath inspirada por Jesus

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemStjepan Juras retruca comentário de Regis Tadeu sobre reencontro de Di'Anno e Harris

imagemA dura crítica de Angus Young a Led Zeppelin, Jeff Beck e Rolling Stones em 1977

imagemComo foram os últimos meses de Renato Russo e a causa da sua morte

imagemAC/DC: Angus Young recorda como fazia para ouvir rock em seus tempos de garoto

imagemHelloween divulga vídeo de "Best Time", com participação de Alissa White-Gluz

imagemIron Maiden: Bruce fala sobre groupies; "parei de transar com elas quando me apaixonei"

imagemComo era a problemática relação do Angra no "Aurora Consurgens", segundo produtor

imagemIggor Cavalera manda ver em "Dead Embryonic Cells" ao vivo; confira drumcam

imagemTobias Forge, do Ghost, diz que ABBA deveria receber um Prêmio Nobel


Stamp

Comando Nuclear: energia e animalidade no Triumph Of Metal

Resenha - Comando Nuclear (Triumph Of Metal, Pouso Alegre, 10/11/2012)

Por Willba Dissidente
Em 28/11/12

Representante do Heavy Metal cantando em Português, tal qual nos gloriosos anos oitenta, o COMANDO NUCLEAR era uma das atrações mais esperadas no segundo dia da sexta jornada do tradicional festival mineiro Triumph Of Metal. Mesmo tendo no cast de 2012 bandas extremas como o VULCANO, KRISIUM e CORPSE GRINDER, o quinteto paulista foi um dos grupos que mais agitou os headbangers do festival. O COMANDO NUCLEAR soube fazer um show enérgico, que mesclava canções de seus dois álbums e que com certeza arrebatou mais fãs à sua música.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Não há quem discorde que as principais contribuições de Minas Gerais ao gênero metal foram o SEPULTURA, OVERDOSE e SARCÓFAGO. Imagine então uma banda "iniciante" de São Paulo se apresentar logo após o UGANGA, grupo que conta com o ex-SARCÓFAGO Manu Joker; tarefa árdua, não concorda? Ainda assim os headbangers de mais de 50 cidades atenderam ao chamado do coloborador do Whiplash.Net Willba Dissidente, que foi o cerimonialista desta edição do Triumph Of Metal, e se amontoaram em frente ao palco socando o ar em recepção à banda. Willba ainda frisou que havia no público pessoas que vieram de longe só pra curtir o som do grupo. O COMANDO NUCLEAR apresentava à galera sua nova formação como quinteto e o que se viu foi a banda com o visual menos carregado de arrebites e menos rasgado do quem relação à fase "Batalhão Infernal" (além de todos os membros não estarem usando camisetas de bandas nacionais), mas de maneira alguma uma apresentação menos enérgica e contagiante.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Willba Dissidente apresentando o festival. Foto: Rogerio Seiji Kubometal
Willba Dissidente apresentando o festival. Foto: Rogerio Seiji Kubometal

O ataque sonoro teve início com a introdução do disco Batalhão Infernal e na sequência - quando todos esperavam a faixa título da banda - o Comando emendou Unidos pelo Metal, música de abertura de seu novo CD. Vale lembrar que a emenda de músicas na sequência, mal deixando tempo para os headbangers pegarem fôlego, foi uma constante na apresentação da banda, assim como a enorme roda do mosh que se formou de imediato com a apresentação do grupo. Finalmente, a faixa Comando Nuclear veio para deleite dos presentes, demonstrando que ambos os discos da banda cairam no gosto dos headbangers.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

COMANDO NUCLEAR ao vivo. Foto: Rogerio Seiji Kubometal
COMANDO NUCLEAR ao vivo. Foto: Rogerio Seiji Kubometal

O tempo apertado para a apresentação e 'quase metade' do palco ocupado pela bateria do KRISIUM não foram empecilhos para o COMANDO NUCLEAR. A dupla de guitarristas, os mais novos no grupo, Eric e Rex se moviam livremente pelo espaço disponível, sempre que a oportunidade pintava agitando com os demais membros da banda. Ron e Rodrigo, os membros fundadores, estavam em sincronia com a platéia, a todo momento cantando junto em unissono com o público. O baterista Guilherme era o olho do furação, marcando o tempo e bangueando atrás do palco em meio à toda movimentação à sua frente.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O público invade o palco para participar (ainda mais) do show. Foto: Rogerio Seiji Kubometal
O público invade o palco para participar (ainda mais) do show. Foto: Rogerio Seiji Kubometal

Princesa Infernal e Guerreiros da Noite, do último cd mantiveram o pique insano da apresentação. Caçada Mortal aos falsos, com sua divisão numa parte acelerada e outra na velocidade da luz, fez com que os heabangers invadissem o palco para cantar juntos e protagonizar os famosos mergulhos no público. O massacre nuclear do Comando ainda estava pela metade quando o baixista Rodrigo perguntou: "Quem aqui nunca sentiu vontade de ter uma vingaça"?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Vingança Metal" foi a resposta imediata da platéia mostrando a popularidade do COMANDO NUCLEAR em terras mineiras. Ritual Satânico, fez com que todos berrassem juntos o tradicional background vocal "oooo". Lembramos que antes da execução deste som, o baterista e o baixista dedicaram essa apresentação à platéia insana, a organização do festival e ao referido colaborador do Whiplash.Net pela "preza". Era chegada a hora de se ouvir uma das faixas preferidas dos fãs do Comando, Resistir. O riff certeiro, andamento direto e letras falando do quanto temos de lutar para lograr algum êxito nessa existência arrebataram TODO o público, inclusive quem não conhecia a banda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Rogerio Seiji Kubometal
Rogerio Seiji Kubometal

Para aumentar a energia e a animalidade durante Resistir, o baixista Rodrigo, que tocava usando unidade sem fio, deu a volta no palco, surgindo em frente à roda do mosh pitt. Foi a alegria dos headbangers que agitaram e cantaram junto ao idólo uma de suas canções favoritas do COMANDO NUCLEAR. Nesse momento o salão de shows do Clube Fernão Dias (que sedia o Triumph Of Metal desde 2009) veio abaixo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Foto: Rogerio Seiji Kubometal
Foto: Rogerio Seiji Kubometal

Os outros integrantes da banda não deixaram barato. Ron ajoelhou para cantar junto aos bangers que estavam no gargarejo do palco. Rex e Eric se moveram livremente pelo palco, enquanto Guilherme socava fortemente sua bateria ao fundo. Cozinha baixo - bateria, solos de guitarra e voz excelentes como durante toda a apresentção. Finda a canção, o baixista volta ao palco e o grupo anuncia que essa foi sua última canção.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Foto: Rogerio Seiji Kubometal
Foto: Rogerio Seiji Kubometal

O público reagiu ativamente pedindo "mais um", "mais um". Ainda conscientes que seu horário havia acabado de estourar, o COMANDO NUCLEAR ataca com Mestre das Mentiras, sendo muito ovacionado pela legião banger presente. Uma ótima escolha para finalizar o show, seja por ser a última faixa de seu disco atual e conter uma paradinha para o baixista Rodrigo se exibir um pouco mais, Mestre das Mentiras encerrou o show com 'chave de ouro' fazendo com o COMANDO NUCLEAR fosse muito aplaudido pelo público.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Foto: Rogerio Seiji Kubometal
Foto: Rogerio Seiji Kubometal

O saldo final da apresentação foi deveras benéfico. O COMANDO NUCLEAR está conquistando espaço em todo território nacional e Minas Gerais não é exceção. Um show enérgio, em que os músicos dão tudo de sí, respaldados por ótima organização e ótima qualidade de iluminação e som só podem resultar na grande celebração aos diversos gêneros do metal que foi o Triumph Of Metal. Ao fim do show, Willba Dissidente sobe novamente ao palco avisando que o festival deixaria um pouco os tênis brancos de cano alto para adentrar no lado mais extremo do metal. E a jornada continuava...

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

COMANDO NUCLEAR:

Ron Cygnus - Vocal
Rodrigo Exciter - Baixo
Guilherme Incitatus - Bateria
Éric Würz - Guitarra
Rex - Guitarra

Set list:

01 . Chamado ao Combate
02 . Unidos pelo Metal
03 . Comando Nuclear
04 . Princesa Infernal
05 . Guerreiros da Noite
06 . Caçada Mortal aos Falsos
07 . Vingança Metal
08 . Ritual Satânico
09 . Resistir
10 . Mestre das Mentiras

Confira no vídeo abaixo uma filmagem amadora de alta qualidade do COMANDO NUCLEAR mandando a dobradinha Princesa Infernal e Guerreiros da Noite no Triumph of Metal.

Discografia:

Batalhão Infernal (2006)
Guerreiros da Noite (2011)

Bandas que se apresentaram no Triumph Of Metal:

09/11/12 - Overture - Sexta-Feira:

KING BIRD (SP) – Hard/Heavy
ATACKE NUCLEAR (MG) – Thrash/Crossover
EVIL EYES (SP) – Heavy Metal/Dio Tribute
PENUMBRA (MG) - Gothic Metal
REBORN (MG) – Heavy Metal

10/11/12 - Sábado:

KRISIUN (RS) – Death Metal
VULCANO (SP) – Thrash/Black Metal
CARRO BOMBA (SP) – Rock/Heavy/Thrash
CORPSE GRINDER (MG) - Death Metal
COMANDO NUCLEAR (SP) – Heavy Metal 80’s
UGANGA (MG) – Thrash/Hardcore
TRAY OF GIFT (MG) – Folk Metal
DEADLINESS (MG) - Heavy Metal
SLIPPERY (SP) – Hard Rock 80’s

Foto: Rogerio Seiji Kubometal
Foto: Rogerio Seiji Kubometal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Metal Brazuca: algumas bandas que você precisa conhecer



Sobre Willba Dissidente

Willba Dissidente é fã das bandas de hard rock dos anos 70 e 80 e de metal oitentista dos mais variados países. Quem quiser saber mais deve acessar seu canal no youtube. Obrigado! Stay Hard (True As Steel)!

Mais matérias de Willba Dissidente.