Rhapsody of Fire: Confira como foi o show em São Paulo

Resenha - Rhapsody Of Fire (Carioca Club, São Paulo, 30/06/2012)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por João Paulo de Matos Mota
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

No último dia 30 de junho de 2012, os italianos do Rhapsody of Fire fizeram sua visita ao Brasil para nos brindar com o show de encerramento da turnê ”From Chaos To Eternity“, realizado no já conhecido pelo público paulista, Carioca Club.

1923 acessosBlind Guardian e Rhapsody: Como seria Hansi e Lione cantando juntos?5000 acessosReligião: os rockstars que se converteram

Em sua última visita em 2010, a banda tinha uma formação um pouco diferente do que atualmente. Hoje, com a saída de Luca Turilli, a banda é composta por: Fabio Lione (vocal), Alex Staropolli (teclado), Alex Holzwarth (bateria), Oliver Holzwarth (baixo), Roberto De Micheli e Tom Hess (guitarras).

Apesar do show começar um pouco cedo para um sábado, o local já estava bem cheio quando as luzes se apagaram e, pontualmente às 19:00, começamos a ouvir a intro “Ad Infinitum“, antecedendo a poderosa “From Chaos to Eternity“, faixa que leva o nome do último trabalho da banda lançado em 2011. Com o público em suas mãos, Fabio agradeceu a todos os presentes pela calorosa recepção e anunciou a próxima música, “Triumph of Agony”, do álbum homônimo lançado em 2006, sendo seguida pela cadenciada, mas não menos empolgante “The March of Swordmaster“.

O setlist do show foi bem variado e alternou entre os clássicos da banda e suas músicas mais recentes. Com seu power metal sinfônico, que inclusive já chegou a ser rotulado como Hollywood Metal, o Rhapsody of Fire conseguiu agradar a todos, principalmente nas músicas dos seus primeiros álbuns que se tornaram clássicos do estilo, demonstrando muito carisma e alegria por estarem tocando por aqui, inclusive elogiando o Brasil por seu modo de jogar futebol.

Após aproximadamente 1 hora e meia de apresentação, as luzes se apagaram, a banda fez aquela saída estratégica para um breve descanso e retornaram para encerrar o show com a clássica “Emerald Sword“, que era uma das mais aguardadas e foi cantada por todos que estavam ali no Carioca Club, afinal foi essa a música que deixou a banda famosa por aqui. Quem achou que o show se encerrava por ali, enganado estava, pois ainda foram tocadas a “Erian’s Lost Secrets” do EP “The Cold Embrace of Fear” de 2010 e a “The Splendour Of Angels’ Glory“, do álbum “From Chaos To Eternity“.

Para setlist completo e galeria exclusiva de fotos, acesse:
http://www.rockexpress.net.br/2012/07/03/rhapsody-of-fire/...

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Rhapsody Of Fire (Carioca Club, São Paulo, 30/06/2012)

1332 acessosRhapsody Of Fire: Mais uma apresentação histórica no Brasil4290 acessosRhapsody Of Fire: Como foi a apresentação em São Paulo

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

RhapsodyRhapsody
Confira o videoclipe de "Dawn of Victory" gravado em SP

1923 acessosBlind Guardian e Rhapsody: Como seria Hansi e Lione cantando juntos?2011 acessosLione: "Nos últimos anos não vi novas bandas com ideias legais"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Rhapsody"

Rhapsody Of FireRhapsody Of Fire
Quer ficar "bombado"? Alex Staropoli te ajuda!

AngraAngra
Banda errou na escolha de Fabio Lione?

AngraAngra
Análise vocal de Fabio Lione

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Shows0 acessosTodas as matérias sobre "Rhapsody"

ReligiãoReligião
Os rockstars que se converteram

Whiplash.NetWhiplash.Net
O site publica matérias pagas ou protege quem anuncia?

RhythmRhythm
Os bateristas mais influentes de todos os tempos

5000 acessosDream Theater: semelhanças na capa de álbum?5000 acessosMetallica: a banda mais influente dos últimos 30 anos5000 acessosFotos de Infância: Yngwie Malmsteen5000 acessosResenha - Marilyn Manson (Maximus Festival, São Paulo, 07/09/2016)5000 acessosGene Simmons: declarações polêmicas sobre bandas de sucesso5000 acessosTr00s Virtuais: Como se tornar um em 100 passos

Sobre João Paulo de Matos Mota

Nascido em São Paulo no ano de 83 e fanático por Heavy Metal desde os 12 anos, atualmente se diverte cantando na banda Masterkey, fazendo parte da equipe do site Rock Express e conduzindo o podcast Rock Express Cast.

Mais matérias de João Paulo de Matos Mota no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online