Matérias Mais Lidas

Guns N' Roses: a curiosa e humilde reação de Axl Rose ao ser eleito melhor vocalistaGuns N' Roses: a curiosa e humilde reação de Axl Rose ao ser eleito "melhor vocalista"

Luísa Sonza: roqueira, ela cita blues como gênero predileto e revela banda favoritaLuísa Sonza: roqueira, ela cita blues como gênero predileto e revela banda favorita

Metallica: banda fará 4 shows no Brasil em maio de 2022; confira datas e locaisMetallica: banda fará 4 shows no Brasil em maio de 2022; confira datas e locais

Foo Fighters: Dave Grohl surpreende ao revelar significado da letra de Learn to FlyFoo Fighters: Dave Grohl surpreende ao revelar significado da letra de "Learn to Fly"

Adrian Smith: quando Roy Z o chamou na xinxa para apontar falta de técnica na guitarraAdrian Smith: quando Roy Z o chamou na xinxa para apontar falta de técnica na guitarra

Slash: explicando o título do novo álbum para quem não entendeuSlash: explicando o título do novo álbum para quem não entendeu

After Forever: Há chance de retorno? Floor Jansen comenta e alfinetaAfter Forever: Há chance de retorno? Floor Jansen comenta e alfineta

Charlie Brown Jr: Thiago e Marcão saem de tributo e citam ego, vaidade e ganânciaCharlie Brown Jr: Thiago e Marcão saem de tributo e citam "ego, vaidade e ganância"

David Ellefson: Ficou claro que a parceria no Megadeth acabou, era a banda do MustaineDavid Ellefson: "Ficou claro que a parceria no Megadeth acabou, era a banda do Mustaine"

Paul McCartney: ele não vai mais dar autógrafos nem quer fazer selfiesPaul McCartney: ele não vai mais dar autógrafos nem quer fazer selfies

Slipknot: 11 covers de músicas deles surpreendentemente ótimos, pelo site Hard NoiseSlipknot: 11 covers de músicas deles surpreendentemente ótimos, pelo site Hard Noise

Floor Jansen: vocalista do Nightwish relembra quando ainda fumava; parece outra vidaFloor Jansen: vocalista do Nightwish relembra quando ainda fumava; "parece outra vida"

Guns N' Roses: Por que estão regravando material antigo? Slash explicaGuns N' Roses: Por que estão regravando material antigo? Slash explica

Iron Maiden: o grande segredo para não fazer músicas longas serem chatas, segundo JanickIron Maiden: o grande segredo para não fazer músicas longas serem chatas, segundo Janick

Eddie Van Halen: Os bastidores de uma vida extraordináriaEddie Van Halen: Os bastidores de uma vida extraordinária


Tunecore 2
Casa do Rock

Os Paralamas do Sucesso: show especial em Porto Alegre

Resenha - Os Paralamas do Sucesso (Opinião, Porto Alegre, 11/10/2011)

Por Paulo Finatto Jr.
Em 16/10/11

Embora contasse com um ótimo e recente disco na bagagem, intitulado "Brasil Afora" (2009), OS PARALAMAS DO SUCESSO desembarcaram na capital gaúcha na véspera do último feriado para um show especial. O repertório da banda homenageava o clássico "Selvagem?" (1986), álbum que marcou definitivamente o pop rock brasileiro vinte e cinco anos atrás. Os ingressos esgotados com antecedência proporcionaram que o Opinião se transformasse no ambiente perfeito para o espetáculo comandado por Herbert Vianna & Cia.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Fotos: Liny Rocks (http://www.flickr.com/linyrocks)

Com a casa surpreendentemente lotada para uma véspera de feriado, uma das bandas percussoras do rock/ska subiu ao palco pontualmente às 22h30. Os dois telões do Opinião mostraram um curto vídeo com trechos de entrevistas e de shows realizados na década de oitenta enquanto que OS PARALAMAS DO SUCESSO se acomodava em cena para iniciar o repertório de cerca de 1h40. O público, que era constituído por uma enorme massa de fãs em contraponto ao pequeno número de curiosos, se mostrou extremamente empolgado desde a abertura do set. A faixa "Selvagem", provavelmente uma das mais famosas do seu álbum homônimo, destacou a perfeita sintonia entre Herbert Vianna (vocal e guitarra), Bi Ribeiro (baixo) e João Barone (bateria) com os gaúchos. O sorriso do líder da banda ao ser ovacionado após executar a abertura da noite revelava o quanto valiosa era a oportunidade para os três membros estarem de volta à cidade.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Não há dúvidas de que o perfeito som do Opinião – disparada a melhor casa de shows de Porto Alegre – contribuiu muito para que o show do grupo carioca fosse impecável do início ao fim. Na sequência, a banda emendou outras músicas retiradas de "Selvagem?" (1986), que seria executado na íntegra, mesmo que não na sua ordem: "Teerã" e "A Novidade". As duas músicas contaram com o apoio incondicional da plateia, que cantou junto com Herbert Vianna e confirmaram a importância do álbum para a história do rock brasileiro. O repertório montado por OS PARALAMAS DO SUCESSO ainda trouxe "Melô do Marinheiro" e "A Dama e o Vagabundo" – que apresentaram uma nova roupagem sonora – mais influenciada pelo rock dos dias de hoje e menos pelo ska.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Na última passagem do power-trio carioca por aqui, em 2008 para um show conjunto com o TITÃS, Herbert Vianna & Cia. não convenceram o modesto público que compareceu ao Pepsi on Stage. No entanto, a banda que parecia pouco segura em cima do palco três anos atrás, se mostrou renovada e com um fôlego inacreditável no seu show mais recente na capital gaúcha. De certo modo, a vinda de Liminha, produtor de renome nacional que atuou como guitarrista do PARALAMAS DO SUCESSO no espetáculo realizado no Opinião, trouxe tranquilidade para que Herbert Vianna não se sobrecarregasse com as suas duas funções. O líder do conjunto ainda se ressente ao vivo, mas é emocionante a sua vontade e o seu empenho mesmo após tudo o que passou desde o acidente aéreo em 2001. Não há dúvidas de que o ver no palco tocando e cantando sobre a cadeira de rodas – com uma felicidade pouco vista até mesmo em artistas internacionais – vale por si só todo o dinheiro do ingresso. Porém, o show seguiu com músicas menos conhecidas de "Selvagem?" (1986), o que diminuiu um pouco a resposta da plateia. No entanto, depois de "There’s a Party" e "O Homem", a banda recuperou o pique com "Você". O público cantou junto e não poderia ser diferente disso.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

O encerramento da primeira parte do espetáculo – dedicado ao disco homenageado da noite – foi com "Alagados". A música foi ovacionada já nos seus primeiros acordes e contou com o público gaúcho entoando boa parte da letra de maneira forte e espetacular. Em seguida, OS PARALAMAS DO SUCESSO recuperaram boa parte dos seus clássicos intercalando com músicas mais recentes. A ótima "O Calibre" e a famosíssima "Ela Disse Adeus" foram muito bem recebidas. Por outro lado, "Quanto ao Tempo" – a única faixa retirada de "Brasil Afora" (2009) e escrita por CARLINHOS BROWN – não obteve o mesmo retorno.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Em seguida, a animada "O Beco" e a balada "Cuide Bem do Seu Amor" – que inclusive chegou a fazer parte da trilha sonora de uma famosa novela da Rede Globo – impressionaram pela capacidade de serem cantadas em uníssono pelo público. Os gaúchos deixaram Herbert Vianna em silêncio em vários momentos. A fórmula da segunda parte do espetáculo confirmou a sua excelência ao emendar as famosas "Meu Erro" e "Lanterna dos Afogados" – que obteve ótima resposta – à faixa anterior retirada de "Longo Caminho" (2002). Com Liminha de volta ao palco e com o Rafael Ribeiro (irmão mais novo de Bi Ribeiro) no baixo, a banda ainda tinha diversos sucessos para apresentar – e que obviamente não poderiam ficar de fora do show. O público cantou junto em "Caleidoscópio" e viu a dupla de guitarristas arriscarem pequenos solos antes da ótima "La Bella Luna", outro destaque absoluto do set-list.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O grupo foi bastante aplaudido depois das contagiantes "Lourinha Bombril" e "Uma Brasileira" – que foram executadas na sequência. O show impecável de OS PARALAMAS DO SUCESSO evidenciou ainda toda a destreza de João Barone na bateria. O cara toca muito e não por acaso é frequentemente apontado como um dos melhores instrumentistas nacionais na área das baquetas. Na primeira volta para o bis, a banda veio com o medley "Sonífera Ilha" (TITÃS) e "Ska". O público, que provavelmente não espera por esse momento, mostrou que tem os sucessos do outro ícone do rock brasileiro também na ponta da língua. No entanto, nada se compara com que Herbert Vianna & Cia. fizeram durante "Vital e Sua Moto". A música, que abrira o debut "Cinema Mudo" (1983), foi um presente especial para todos aqueles que ainda não eram nascidos no início dos anos oitenta, bem com frisou Vianna. Na nova despedida, o líder do grupo entregou para o fã mais exaltado da plateia, que trouxe o LP "O Selvagem?" (1983) supostamente para ser autografado, o seu boné. O gesto foi bonito.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

O espetáculo, que parecia que tinha chegado ao fim, ainda reservava mais um momento ímpar para a noite. De volta ao palco do Opinião, OS PARALAMAS DO SUCESSO executaram a esperada e inesquecível "Óculos" e mais uma vez "Alagados". A música repetida tirou os gaúchos literalmente do chão e contou ainda com um pequeno trecho de "Sociedade Alternativa" (RAUL SEIXAS). A derradeira despedida da banda deixou certamente duas certezas no ar: o rock brasileiro ainda está vivo e OS PARALAMAS DO SUCESSO ainda tem muito que render em um futuro próximo. A oportunidade de conferir a performance ao vivo de Herbert & Vianna deveria ser item obrigatório para todos aqueles que admiram o rock feito em nosso país. Não há palavras para mensurar toda a energia positiva que os caras transmitem para os fãs sobre o palco.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Set-list:

01. Selvagem
02. Teerã
03. A Novidade
04. Melô do Marinheiro
05. A Dama e o Vagabundo
06. There’s a Party
07. O Homem
08. Você
09. Alagados
10. O Calibre
11. Ela Disse Adeus
12. Quanto ao Tempo
13. O Beco
14. Cuide Bem do Seu Amor
15. Meu Erro
16. Lanterna dos Afogados
17. Caleidoscópio
18. La Bella Luna
19. Lourinha Bombril
20. Um Brasileira
21. Sonífera Ilha/Ska
22. Vital e Sua Moto
23. Óculos
24. Alagados/Sociedade Alternativa

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

7 de setembro: nomes do rock e do metal nacional se posicionam contra as manifestações7 de setembro: nomes do rock e do metal nacional se posicionam contra as manifestações

Rolling Stones: João Barone lamenta morte de Watts e compara banda com super-heróisRolling Stones: João Barone lamenta morte de Watts e compara banda com super-heróis

Spotify: as 10 bandas brasileiras de rock mais ouvidas na plataforma de streamingSpotify: as 10 bandas brasileiras de rock mais ouvidas na plataforma de streaming


Rock nacional: 10 solos de guitarra essenciaisRock nacional: 10 solos de guitarra essenciais

Inesquecíveis: 20 músicas que marcaram o rock brasileiro nos anos 1990Inesquecíveis: 20 músicas que marcaram o rock brasileiro nos anos 1990

BRock: Os 10 melhores álbuns dos anos 80BRock: Os 10 melhores álbuns dos anos 80


Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo HorizonteIron Maiden
Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo Horizonte

Dead Fish: A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo FacebookDead Fish
A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo Facebook


Sobre Paulo Finatto Jr.

Reside em Porto Alegre (RS). Nascido em 1985. Depois de três anos cursando Engenharia Química, seguiu a sua verdadeira vocação, e atualmente é aluno do curso de Jornalismo. Colorado de coração, curte heavy metal desde seus onze anos e colabora com o Whiplash! desde 2000, quando tinha apenas quinze anos. Fanático por bandas como Iron Maiden, Helloween e Nightwish, hoje tem uma visão mais eclética do mundo do rock. Foi o responsável pelo extinto site de metal brasileiro, o Brazil Metal Law, e já colaborou algumas vezes com a revista Rock Brigade.

Mais informações sobre

Mais matérias de Paulo Finatto Jr..