Matérias Mais Lidas

Kiko Loureiro comenta sobre sua perda de audição e aconselha fãs e músicosKiko Loureiro comenta sobre sua perda de audição e aconselha fãs e músicos

A gritante diferença entre o The Voice Brasil e o gringo, segundo Rodrigo SuricatoA gritante diferença entre o The Voice Brasil e o gringo, segundo Rodrigo Suricato

A opinião de Rafael Bittencourt sobre as cantoras Gloria Groove e LudmilaA opinião de Rafael Bittencourt sobre as cantoras Gloria Groove e Ludmila

Cazuza tinha medo do PT: tenho medo quando PT pegar o poder, que merda que vai darCazuza tinha medo do PT: "tenho medo quando PT pegar o poder, que merda que vai dar"

Professor de canto se impressiona com Belutti cantando Bon Jovi no CaldeirãoProfessor de canto se impressiona com Belutti cantando Bon Jovi no Caldeirão

Por que Freddie Mercury não gostava de se comparar com John LennonPor que Freddie Mercury não gostava de se comparar com John Lennon

O sacrifício que Bill Ward teve que fazer para ajudar a gravar Heaven And HellO sacrifício que Bill Ward teve que fazer para ajudar a gravar "Heaven And Hell"

Choque de Cultura: programa dedicado ao metal faz piadas com Sepultura, Maiden e maisChoque de Cultura: programa dedicado ao metal faz piadas com Sepultura, Maiden e mais

Power metal: 30 músicas para começar a se interessar pelo estiloPower metal: 30 músicas para começar a se interessar pelo estilo

Classic Rock History: Os 10 discos de rock mais pesados já lançados (mas, cuidado...)Classic Rock History: Os 10 discos de rock mais pesados já lançados (mas, cuidado...)

Por que Elize Ryd não passou no teste para o Nightwish, segundo Olof Mörck (Amaranthe)Por que Elize Ryd não passou no teste para o Nightwish, segundo Olof Mörck (Amaranthe)

Milton Leite, narrador do SporTV, encanta internet ao tocar versão de YesterdayMilton Leite, narrador do SporTV, encanta internet ao tocar versão de "Yesterday"

Helloween: a inesperada música que Weikath mais gostou de tocar no United AliveHelloween: a inesperada música que Weikath mais gostou de tocar no "United Alive"

Nightwish: o curioso animal de estimação que Floor Jansen gostaria de terNightwish: o curioso animal de estimação que Floor Jansen gostaria de ter

Megadeth: o que Dave Mustaine faria da vida se não fosse o líder da banda?Megadeth: o que Dave Mustaine faria da vida se não fosse o líder da banda?


Stamp

Fish: Os fãs driblaram a fraca divulgação do show de SP

Resenha - Fish (DirectTV MusicHall, São Paulo, 10/10/2001)

Por Thiago Sarkis
Em 10/10/01

Fotos por Thiago Correa

Os fãs de Fish driblaram a fraca divulgação do show e os elevados preços dos ingressos, e compareceram em peso ao DirecTV Music Hall, em São Paulo, para acompanhar o seu ídolo, que não se apresentava em terras brasileiras há seis anos. O cantor escocês subiu no palco cerca de dez minutos atrasado, mais ou menos às vinte e uma horas e quarenta minutos.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

A imagem que surge é de assustar. Os sinais da idade se fazem presentes em Fish, como em nenhum outro músico. O mito da ‘eterna juventude’ em figuras especiais como ele, numa junção de Peter Pan e Super Homem, vai por água abaixo. É uma sensação indescritível de cair na real e refletir sobre os anos, de 1996 (ano do último show dele no Brasil) ou 1983 (lançamento do debute do Marillion) a 2001.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

O incômodo causado por esse rápido flashback logo passa, com a apresentação de material novo, e a amostra de que em termos de talento e personalidade, Fish continua o mesmo, ou seja, sensacional. Sua comunicação e domínio sobre o público são fantásticos. Algo que nunca vi igual e que, com certeza, dificilmente verei. Conversa, brinca, fala de futebol e guerra, toma ‘umas’ com os fãs, e ainda pega a câmara de um fotógrafo e sai tirando fotos da platéia e da banda. Enfim, chama os presentes para participar e fazer o show a seu lado. Nada mais ideal e de bom gosto.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Em relação a voz, houve uma perda de potência e alcance, mas esta foi compensada com um significativo aprimoramento em interpretações. É quase inacreditável, mas ele conseguiu ficar ainda melhor nesse quesito. Mais emotivo e expressivo que nunca. O set list, como você pode ver ao lado, com uma dedicatória ao Whiplash!, foi muito bem montado e proporcionou momentos inesquecíveis aos fãs.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

As músicas mais recentes, como "3D", "So Fellini" e "Long Cold Day", vindas do disco "Fellini Days", ficaram bem superiores a suas versões de estúdio. Isso graças à alta qualidade sonora do local e às atuações impecáveis de John Wesley e do próprio Fish.

As canções mais antigas da carreira solo também apavoraram, com destaque especial para "The Perception Of Johnny Punter", que caiu como uma luva para o triste momento de guerra pelo qual passamos. Ficou provado por ‘a + b’ que Fish não precisaria das composições da ‘era Marillion’ para fazer uma grande apresentação. Mas, com a presença delas, fica ainda melhor. Já se foram dezesseis anos, e "Kayleigh" continua aquela balada transcendental, bem composta e interpretada, e sempre com elementos novos, como neste caso, alguns improvisos magníficos do guitarrista John Wesley.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O que dizer então de um ‘medley’ com "Jungle Ride", "Assassing", "Fugazi", "White Feather", "Market Square Heroes", "Black Night" (Deep Purple) e "My Generation" (The Who)? Precisava mais alguma coisa?

Fish achava que sim e fechou o show com chave de ouro, numa versão estendida de "Lavender". O público, grudado no palco, cantou sozinho, acompanhado apenas pelo teclado de John Young. Na seqüência, o vocalista voltou e cantou com seus admiradores, fechando quase duas horas de interação total, em uma noite espetacular.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Fish – http://www.the-company.com

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Iron Maiden: Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo HorizonteIron Maiden
Fã em cadeira de rodas emociona Bruce em Belo Horizonte

Dead Fish: A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo FacebookDead Fish
A proposta mais indecente que a banda já recebeu pelo Facebook


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis.