Queen: Google presta homenagem a Freddie Mercury

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Lara Paiva, Fonte: Google
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 05/09/11. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Hoje, dia 5 de setembro, o cantor Farrokh Bulsara, conhecido como FREDDIE MERCURY faria 65 anos, se estivesse vivo. Ele nasceu na ilha Zanzibar, uma antiga colônia britânica que hoje pertence à Tanzânia, na África. Seus pais, Bomi e Jer Bulsara eram indianos. Mercury foi educado na St. Peter Boarding School, uma escola inglesa perto de Bombaim, na Índia. Foi lá que ele aprendeu a cantar, tocar piano e começou a ser conhecido como "Freddie".

761 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify5000 acessosGaleria - Tatuagens em homenagem ao Kiss

Aos 18 anos, ele e sua família mudaram-se para a Inglaterra, devido a uma revolução iniciada em Zanzibar. Formou-se em Design Gráfico e Artístico na Ealing Art College. Na faculdade, conheceu o baixista Tim Staffell, que tinha uma banda chamada Smile no qual Brian May e Roger Taylor era guitarrista e baterista, respectivamente, do grupo.

Freddie costumava ir aos ensaios da banda até que um dia foi convidado para assumir os vocais no lugar de Tim. Depois de sua entrada, o grupo passou a ser chamado de QUEEN e o mais novo vocalista aderiu o nome artístico "Freddie Mercury".

Durante sua passagem no Queen, o cantor teve duas mudanças no visual. A primeira fase foi nos anos 70, o cabelo comprido, delineador preto, unhas pintadas, os maillotes de dança e sapato de plataforma tornaram moda entre os rockstars da época. Nos anos 80, ele adere ao visual "macho": cabelo curto e meses mais tarde, bigode.

Mercury compôs muitos dos sucessos da banda, como "Bohemian Rhapsody", Somebody to Love, "Love of My Life" e "We Are the Champions", que depois se transformariam em hinos. Suas apresentações nos shows eram impressionante, tornando-se marca registrada da banda. Um dos shows mais marcantes da banda foi a 1ª edição do Rock in Rio (1985) e Montreal, Canadá (1981).

Em 1991, após ficar muito doente, surgiam rumores de que Mercury estava com AIDS, que se confirmaram em uma declaração feita por ele mesmo em 23 de novembro, um dia antes de morrer, vindo a falecer em sua própria casa, chamada de Garden Lodge.

Boa parte da sua herança foi dada a Mary Austin, sua ex-namorada, com quem viveu por cinco anos. Foi com ela que assumiu sua orientação sexual, já que Freddie era bissexual e os dois, mesmo separados, mantiveram forte laço de amizade até o fim de sua vida. A música "Love of My Live" foi dedicada a ela.

Em homenagem aos 65 anos que o cantor completaria, se estivesse vivo, o Google fez uma homenagem bacana. Hoje, o doodle mostra uma animação com a música "Don't Stop Me Now".

A título de curiosidade, o nome dessa modificação de logos que varia desde uma simples imagem até animações que ficam disponibilizadas na homepage do Google, em datas especiais, se chama Doodle.

Confira aqui a animação:

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 06 de setembro de 2011

Vanilla IceVanilla Ice
Rapper diz que "Under Pressure", do Queen, agora é dele

761 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify686 acessosGreen Day: 65 mil cantando "Bohemian Rhapsody" durante show254 acessosQueen: veja lyric video oficial de "Killer Queen"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Queen"

Planet RockPlanet Rock
As quarenta maiores vozes da história do rock

CensuraCensura
Ouvir Rock e Metal é porta de entrada para virar gay?

Rocky IIIRocky III
Queen não cedeu canção para Sylvester Stallone

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Queen"

TatuagensTatuagens
Homenagens à banda Kiss na pele dos fãs mais radicais

SlayerSlayer
"Kerry King: Black Metal norueguês é uma merda!"

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Jon Bon Jovi muito antes da fama

5000 acessosIron Maiden: em 1985, show "secreto" com Adrian no vocal5000 acessosBlack Sabbath: os vocalistas misteriosos da banda5000 acessosFolk Metal e Música Celta5000 acessosGlenn Danzig: "apanhei de propósito", diz sobre vídeo5000 acessosAerosmith: tocante homenagem a Chris Cornell com "Dream On"5000 acessosGuns N' Roses: Axl Rose se aposentará após turnê de reunião?

Sobre Lara Paiva

Estudante de jornalismo da UFRN. Aos 12 anos começou a escutar Black Sabbath. No início, os pais pensavam que isso seria uma fase, mas a fase virou uma tórrida paixão pelo Rock and Roll.

Mais matérias de Lara Paiva no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online