Jimi Hendrix: uma breve resenha de "Somewhere"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Fernando Portelada, Fonte: Ultimate Classic Rock, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 09/01/13. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

1620 acessosMarty Friedman: por que ele prefere comer vidro que ouvir Hendrix?5000 acessosDia do Rock: dez tentativas brasileiras de assassinar o gênero

Jimi Hendrix é um dos músicos mais exaustivamente estudados da história do rock. Ainda que ele tenha lançado só três álbuns de estúdio em sua vida, ele já foi objeto de uma quase infinita série de lançamentos póstumos, e em sua grande maioria de forma exploratória.

Em 5 de março, o Experience Hendrix espera retificar um pouco disso com lançamento de “People, Hell & Angels”, e agora você pode ouvir a uma faixa desta coleção, intitulada “Somewhere”.

Originalmente baseada em uma diferente versão do Box “The Jimi Hendrix Experience”, a faixa possui Buddy Miles na bateria e Stephen Stills no baixo. Ela compreende vários dos elementos clássicos da marca registrada do som de Hendrix, com acordes limpos, wah-wah solos e seu inimitável estilo de vocal. Tudo isto encabeçado por um bizarro fio de consciência lírica imaginativa, que caracterizou muito do trabalho do lendário guitarrista.

Mas ela faz jus ao nome? Na verdade não. Certamente não é ruim, diabos, é um trabalho de Hendrix, ela não vai ser ruim, mas ainda que “Somewhere” sirva de demonstração para vários de suas qualidades, ela ainda tem um produção crua, com aspecto de demo, que indica uma qualidade não finalizada. E por mais que isto seja certamente porque Hendrix não viveu para finalizá-la com o inovador acabamento em estúdio que marcava seus trabalhos, ela simplesmente não consegue ficar ao lado de suas maiores obras. Ela é o que é: um grande solo de guitarra em uma faixa de guitarras bem previsível.

Dito isto, ainda é Jimi Hendrix tocando guitarra, e somente isso a faz mais que merecedora de ser ouvida. Só não espera a segunda “Purple Haze”

http://www.rollingstone.com/music/videos/jimi-hendrix-goes-e...

(Nota do editor: ao que tudo indica, esta "nova versão" se trata de uma demo instrumental mixada com os vocais de Hendrix registrados posteriormente e já usados em outras versões lançadas comercialmente).

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Liam GallagherLiam Gallagher
Ele não gosta de Queen e odeia o som de Brian May

1620 acessosMarty Friedman: por que ele prefere comer vidro que ouvir Hendrix?1425 acessosGrunge: "Seattle falha em honrar os seus ícones da música"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Jimi Hendrix"

Top 500Top 500
As melhores músicas da história segundo a Rolling Stone

TúmulosTúmulos
Alguns dos jazigos mais famosos nos EUA

Marty FriedmanMarty Friedman
"Prefiro mastigar vidro que ouvir Jimi Hendrix"

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Jimi Hendrix"


Dia do RockDia do Rock
Dez tentativas brasileiras de assassinar o gênero

ProstitutasProstitutas
3 das mais famosas e devassas do cenário Rock

Ultimate GuitarUltimate Guitar
Site elege os 100 melhores solos de guitarra

5000 acessosDi'Anno: "Harris é como Hitler e o Maiden é entediante!"5000 acessosMetallica: Lars Ulrich quase saiu no tapa com Lou Reed5000 acessosEpica: foto original de Simone Simons nua em capa é revelada?5000 acessosPearl Jam: fama fazia Vedder se esconder na lavanderia5000 acessosDuane Allman: o auge do Derek And The Dominos5000 acessosMetallica: Kirk Hammett admite que a banda pensou em demitir Lars Ulrich

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 09 de janeiro de 2013


Sobre Fernando Portelada

25 anos, Blogger, Podcaster, Gamer, Leitor de Quadrinhos, Ouvinte de Rock, Jornalista, e chato acima de tudo. Ouviu Imaginations From The Other Side do Blind Guardian aos 13 anos, emprestado por um amigo de escola. Ainda é um de seus álbuns preferidos.

Mais matérias de Fernando Portelada no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online