Bon Jovi: Sambora pode voltar a qualquer momento

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Nathália Plá, Fonte: classicrockmagazine.com, Tradução
Enviar Correções  

Jon Bon Jovi diz que as portas estão abertas para Richie Sambora voltar à banda assim que ele se sentir pronto.

Rachel Sheherazade: uma bela versão de Iron Maiden a capella em novo vídeo

Separados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do Chaves

Ainda assim ele não discutirá sobre a causa da ausência do guitarrista no início da última turnê do Bon Jovi – mas insiste que não é por dinheiro e que a dupla não se separou.

Bon Jovi disse ao Mirror: "Estávamos todos em Calgary. O Richie chegaria no dia do show, mas acabamos vindo na véspera porque é um vôo longo".

"Às 15:30 do dia do show o empresário disse: ‘Adivinha?’ Ele nem precisou terminar a frase. Porque já tínhamos previsto isso antes de nos apresentarmos naquela noite. Não podíamos decepcionar os fãs".

Ele admite que não viu seu colega de banda desde então. "Eu conversei com ele uma vez – uma vez em seis semanas e 18 shows. Ele não foi demitido, nós não brigamos, e com certeza não há dinheiro envolvido. Ele pode voltar assim que estiver pronto para dar sua vida a cada noite, assim como eu faço quando estou no palco. Ninguém está com raiva, ninguém está triste".

Bon Jovi ainda está assimilando a overdose sofrida por sua filha adolescente – Stephanie, de 19 anos, foi levada a um hospital em novembro após ter sido encontrada inconsciente no dormitório de sua faculdade. Ela foi denunciada por envolvimento com drogas mas as acusações foram retiradas posteriormente.

"Passamos por algo que muitos pais passam; muito mais do que imaginava", disse ele. "Acho que foi uma terrível e trágica lição de vida, mas agradeço a Deus todos os dias por ela estar sã e salva. Aconteceu e já passou. Conheço gente que passou por coisa muito pior. Poderia ter sido com a Stephanie".

Ele acredita que é uma luta para os pais compreender o ambiente que cerca seus filhos, porque as coisas estão bem diferentes hoje em dia. "Há muita pressão nessa geração – muitas tentações, caminhos e pressões que há apenas uma geração atrás nem se sabia a respeito".

"Nosso mundo é muito mais relativo ao dos nossos pais do que ao de nossos filhos. Há muito mais pressão sobre nossos filhos: o que o curso universitário vai me proporcionar, o que vou ser quando crescer, será que eu serei capaz de conquistar coisas?"

Datas da turnê do Bon Jovi no Reino Unido no mês que vem:

8 de Junho: Manchester Etihad Stadium
9 de Junho: Birmingham Villa Park
12 de Junho: Cardiff City Stadium
13 de Junho: Sunderland Stadium Of Light
15 de Junho: Dublin Slaine Castle
16 de Junho: Isle of Wight Festival
3 de Julho: Glasgow Hampden Park
5 de Julho: British Summer Time Festival, London




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Rachel Sheherazade: uma bela versão de Iron Maiden a capella em novo vídeoRachel Sheherazade
Uma bela versão de Iron Maiden a capella em novo vídeo

Separados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do ChavesSeparados no nascimento
Paul McCartney e Kiko do Chaves


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin