Paul McCartney: "Sgt. Peppers foi um risco e sabíamos disso."

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Lucas César, Fonte: MOJO Magazine, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 23/04/17. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

No clima das comemorações dos 50 anos do legendário álbum Sgt. Peppers Lonely Hearts Club Band, Sir. PAUL MCCARTNEY cedeu uma entrevista exclusive à MOJO para refletir sobre a história do disco.

228 acessosRio Rock City: Por que há poucas parcerias no Rock e no Metal?5000 acessosEmos: 23 músicas que já estiveram na sua playlist

Ele relembra as circunstâncias na época de gravação deste que foi o álbum mais ousado da carreira dos Beatles.

Antes de Sgt. Pepper vir a se tornar o ícone que é hoje, houve um período de perplexidade e estranhamento em relação ao novo estilo musical. Como os Beatles puderam ter a ousadia de se tornarem tão “esquisitos”?

“Eles ficavam nos falando o tempo todo, ‘Vocês vão perder todos os seus fãs com isso aí,” Macca conta. “E a gente dizia, ‘ Bem, nós vamos perder alguns - mas vamos ganhar outros. Nós temos que evoluir!’”

No ano de 1967, a banda enfrentava o desafio de uma mídia em pânico devido ao novo frenesi das drogas e da ascensão da nova ideologia “Nova Era”. As coisas estavam mudando. A moda, o mundo, as pessoas. O estereótipo dos rapazes comportadinhos de terno já estava ultrapassado.

“Sgt. Peppers teve uma péssima recepção pelo The New York Times,” relembra Paul. “O crítico da época, Richard Goldstein, disse que ele havia odiado o álbum, o que acabou sendo um erro. Com o tempo ele passou a ver o que as pessoas estavam dizendo e acabou retirando o que disse (numa edição seguinte da Village Voice). Mas a gente estava acostumado a isso. “She Loves You” já havia sido considerada como algo “banal”. Mas se a gente gostasse dela e achasse legal, a gente iria lutar por ela.”

“... Pense, George compondo Within You Without You,” Continua Paul, “uma gravação num estilo completamente indiano – não era nada do tipo que alguém tinha escutado antes, pelo menos não do nosso contexto. Era tudo um risco, e a gente sabia disso.”

Comente: Qual a sua opinião sobre este clássico dos Beatles?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 23 de abril de 2017


BaixistasBaixistas
Quais são os dez mais ricos do mundo

228 acessosRio Rock City: Por que há poucas parcerias no Rock e no Metal?698 acessosClassic Rock: edição especial com os 100 melhores discos497 acessosAlta Fidelidade: vale a pena ir no show de Paul McCartney?1810 acessosVinil: álbum mais vendido nos EUA tem 50 anos de idade265 acessosSom De Peso: George Harrison, "Living In The Material World"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Beatles"

CuriosidadesCuriosidades
Quarenta fatos inacreditáveis sobre artistas de rock

SuperBowlSuperBowl
Os melhores shows do intervalo segundo a UCR

EleiçãoEleição
VH1 escolhe os melhores e maiores do rock

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Beatles"0 acessosTodas as matérias sobre "Paul McCartney"


EmosEmos
23 músicas que já estiveram na sua playlist

Iron MaidenIron Maiden
Veja a banda como você não gostaria de vê-la

TatuagensTatuagens
Forma de expressão artística há mais de 3.500 anos

5000 acessosMilho Wonka: quem são os Posers do Rock hoje em dia?5000 acessosAs regras da NWOBHM5000 acessosHistóricas: Fotos de encontros inusitados entre rockstars5000 acessosA história do órgão Hammond e das caixas Leslie5000 acessosGaleria - Tatuagens em homenagem ao Nightwish e Tarja2991 acessosWatchMojo: 10 músicas que definiram rock e metal nos anos 2000

Sobre Lucas César

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online