Bumblefoot: "acham que somos aqueles caras do 'Appetite'"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Samuel Coutinho, Fonte: Blabbermouth.net, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

A Radio Metal recentente fez uma entrevista com o guitarrista do GUNS N'ROSES Ron "Bumblefoot" Thal; acompanhe um trecho da conversa:

Radio Metal: Como está a formação atual do Guns?

Thal: Se tivéssemos uma foto da formação atual da banda, então as pessoas poderiam dizer, "Ah sim, eles são uma banda", mas nós não temos uma merda de uma foto de uma banda de verdade ou algo parecido! Portanto, ainda não nos apresentamos para o mundo como uma banda, embora sejamos uma. As pessoas que nos conhecem sabem, mas o resto do mundo pensa que nós somos aquele grupo de cinco caras das imagens da época do 'Appetite', e isto não ajuda em nada! Eu queria que nós pudéssemos fazer mais em prol da banda, fazer com que ela seja do jeito que deveria ser, sem sombras do passado.

Radio Metal: O Guns N'Roses sempre começa os shows com atrasos, porque acontece?

Thal: Bem, em primeiro lugar, as pessoas não percebem que é um grande show, com tanta coisa acontecendo e que dura no mínimo 45 minutos. Eu chego cedo. Pego a primeira van que consigo pegar e vou para o hotel jantar, geralmente alguém já está lá, ou da banda ou da equipe. Pego meu violão para me aquecer um pouco antes de assitir o show de abertura. E é isso. Então eu tenho certeza de que o meu trabalho será bem feito e é só esperar para entrar no palco. "Quem atrasa os shows então?" Eu sei quem você está pensando mas não vou cair nessa (risos). Quero dizer, as vezes acontece por razões estúpidas. Houve uma vez que o Axl e o motorista se perderam a caminho do show, eles demoraram meia hora. Quando ele chegou todos estávam zangados, tipo: "Que porra é essa? O que aconteceu?". Pra você ver, o hotel ficava a cinco minutos do lugar do show, e eles conseguiram se perder, aí é foda.

Radio Metal: Sobre os futuros planos do Guns N'Roses?

Thal: Se você me perguntar sobre os meus planos, posso dizer-lhe todos os tipos de planos que tenho para o futuro e o que vai acontecer, agora se perguntar sobre o futuro do GN'R, será uma dúvida, que realmente é. Nada está escondido mas também nada está previsto (risos), é uma coisa estranha, cara.

Radio Metal: O que você sentiria se o GN'R fizesse uma reunião da formação clássica da banda?

Thal: Se este reencontro acontecer, eu espero que eles me dêem dois ingressos para mim e minha esposa (risos).

Veja a matéria completa (em inglês) no link abaixo:
http://www.radiometal.com/en/article/flight-of-the-bumblefoo...


Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal


GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção EntrevistasTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"


Slash: ele gravou em digital pois acha analógico caro demaisSlash
Ele gravou em digital pois acha analógico caro demais

Slash: falando dos comentários de Simmons de que o rock morreuSlash
Falando dos comentários de Simmons de que o "rock morreu"


Iron Maiden: O que a equipe consome quando vai a um pub?Iron Maiden
O que a equipe consome quando vai a um pub?

Rock: A história dos primórdios aos anos 90Rock
A história dos primórdios aos anos 90


Sobre Samuel Coutinho

Nascido no interior de SP no dia 15/12/1986, em uma cidade chamada Ilha Solteira, Samuel Coutinho se entregou ao heavy metal logo na adolescência. Seu forte sempre foi o heavy metal melódico, variando desde o prog-metal até ao power-metal.

Mais matérias de Samuel Coutinho no Whiplash.Net.

Goo336x280