RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemA música de Raul Seixas que salvou a carreira de Chitãozinho e Xororó

imagemA opinião de Slash sobre Dave Mustaine e "Rust In Peace", clássico do Megadeth

imagemComo Tommy Lee e o Mötley Crüe ajudaram Axl Rose a escrever "November Rain"

imagemOs 10 maiores vocalistas de heavy metal de todos os tempos, em lista do Ruthless Metal

imagemOs 4 fatores determinantes que levaram Renato Russo a dependência química

imagemEx-guitarrista do Megadeth não liga para Mustaine e diz que está "fazendo dinheiro para ele"

imagemPara John Lennon, os Beatles poderiam ter acontecido sem George e Ringo

imagemMike Portnoy comprou "Piece Of Mind", do Maiden, em excursão escolar

imagemRolê aleatório: Geoff Tate e Rhapsody se divertem em aeroporto no aeroporto

imagemA medida extrema que Dio pensou em tomar por não curtir "Rainbow in the Dark"

imagemOs 10 maiores álbuns da história do grunge, em lista do Brave Words

imagemPor que Lemmy odiava tocar "Ace of Spades" nos shows do Motörhead

imagemQual era a opinião de Tony Iommi sobre Ozzy Osbourne solo e Randy Rhoads em 1984?

imagemPaul McCartney quase foi atropelado ao tentar recriar famosa cena de capa de disco

imagemO Raul Seixas não era nada daquilo que ele falava, diz ex-parceiro musical


Stamp

Bellini: Apenas Rock n' Roll (e precisamos disso)

Resenha - Bellini Rock - Bellini

Por Vicente Reckziegel
Postado em 24 de julho de 2018

Nota: 8

Após resenhar "#Rock", do Bluyus, nada como continuar no mesmo ritmo e pode falar sobre o (Quase) autointitulado "Bellini Rock", disco solo de estreia do já experiente vocalista e baterista Bellini, que está na ativa há duas décadas, tendo participado de uma serie de bandas durante todo esse período.

Mas, diferente do álbum resenhado anteriormente citado acima, "Bellini Rock" é, justamente, um pouco mais Rock. Guitarras levemente pesadas e um clima mais agitado dão todo aquele ar de "Banda Rock de Bar" (no bom sentido, obviamente), durante os 30 minutos de duração do álbum.

Inclusive, esse tempo mais exíguo das músicas faz com que algumas tenham até mesmo um clima "Pop/Punk/Rock", como em "O Que Aconteceu Aqui" e "Não" sendo que "Meu Bem" carrega no peso das guitarras. "Como Ser Sincero" é uma balada carregada de emoção e com um belo trabalho nas cordas, enquanto "Música" é uma verdadeira ode a... Música (que estranho). Ainda há espaço aqui para faixas, digamos, mais sacanas, com o maior exemplo na música "Sonho" e o álbum se encerra com "Queria Bem Mais", uma música com um refrão perfeito e grandes guitarras.

Além disso, "Bellini Rock" tem uma produção competente, com todo o instrumental e as vozes muito bem mixadas. Talvez a contra capa do disco funcionasse inclusive melhor que a própria capa, e foi uma jogada muito legal prensar a capa da mídia como se fosse um disco de vinil. Pequenos detalhes que às vezes fazem a diferença.

É apenas mais um disco, é apenar Rock n’ Roll. Mas talvez seja justamente mais disso que precisamos nos dias atuais...

Formação:
Bellini – Voz, Bateria
E. Damm – Baixo, Guitarras, B3, Backing
Glauber Ribat – Bateria
Dudu Chermont – Guitarra em "O que Aconteceu Aqui?" e "A Rua e a Lua"
Fred Nascimento – Violão e Gaita em "Sonho"

10 Faixas – 30:16

Tracklist:
01. O Que Aconteceu Aqui
02. A Rua e a Lua
03. Não
04. Quase Sempre Disfarço
05. Meu Bem
06. Seguir
07. Como Ser Sincero
08. Musica!
09. Sonho
10. Queria Bem Mais


Outras resenhas de Bellini Rock - Bellini

Resenha - Bellini Rock - Bellini

Resenha - Bellini Rock - Bellini

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:
Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps



LGBT: confira alguns músicos que não são heterossexuais


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Vicente Reckziegel

Servidor público, escritor, mas principalmente um apaixonado pelo Rock e Metal há pelo menos duas décadas. Mantêm o Blog Witheverytearadream desde Dezembro de 2007. Natural e ainda morador de uma pequena cidade no interior do Rio Grande do Sul, chamada Estrela. Há muitos anos atrás tentou ser músico, mas notou que faltava algo simples: habilidade para tocar qualquer instrumento. Acredita na música feita no Brasil, e gosta de todos os gêneros, desde Rock clássico até Black Metal.
Mais matérias de Vicente Reckziegel.