AttracthA: Álbum forte candidato a revelação do ano

Resenha - No Fear to Face What's Buried Inside You - AttracthA

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Victor de Andrade Lopes, Fonte: Sinfonia de Ideias
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

O título deste álbum pode parecer ser "No Fear" para os incautos, mas o elaborado encarte que se abre aos poucos vai revelando o resto do longo nome que batiza a estreia do AttracthA: No Fear to Face What's Buried Inside You. E como se a capa extremamente elaborada não bastasse para chamar a atenção, ao virarmos o case ainda constatamos que ninguém menos que Edu Falaschi (Almah, ex-Angra, ex-Symbols) assina a produção do lançamento. O que levaria uma das principais vozes do metal brasileiro a querer trabalhar o som deste quarteto paulista?

83 acessosImpéria: "foi um prazer trabalhar com o Fernando (Barão Vermelho)"5000 acessosMetallica: fãs pediam que eles transassem com suas namoradas?

A resposta chega desprovida de qualquer tipo de formalidade: "Bleeding in Silence", faixa de abertura, já vem com todos os riffs e viradas de bateria que você precisa para sentir seus cabelos voando para trás conforme o som sai do alto-falante, seguida pelas igualmente pesadas "Unmasked (Revisited)" e "231".

E essa peteca pesada que eles levantam, eles demoram a deixar cair. O único momento de sossego é ma balada "No More Lies", mas o disco vai gradativamente recuperando sua força total, encerrando com a sabbathiana "Victorious" e a madura "Payback Time".

No Fear to Face What's Buried Inside You é aquele tipo de álbum que quanto você mais ouve, mais foda fica. Metal diretão, química afiada entre os membros e vocais tecnicamente impecáveis - eu só recomendaria ao vocalista praticar a pronúncia do inglês para perder o sotaque ainda carregado.

Não por um acaso, foi eleito por este que vos escreve como a revelação do ano no metal nacional, e acolhido pelo experiente Edu Falaschi. Se você anda desesperançoso com relação ao metal brasileiro, esta banda pode até te fazer mudar de ideia.

Abaixo, o vídeo de "Payback Time":

Track-list:
1. "Bleeding in Silence"
2. "Unmasked Files (revisited)"
3. "231"
4. "Move On"
5. "Mistakes and Scars"
6. "No More Lies"
7. "Holy Journey"
8. "Victorius"
9. "Payback Time"

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de No Fear to Face What's Buried Inside You - AttracthA

167 acessosAttracthA: Originalidade e capacidade de usar velhos clichês157 acessosAttractha: Se firmando como uma das melhores bandas nacionais289 acessosAttractha: Peso e técnica em disco de estreia76 acessosResenha - No Fear to Face What's Buried Inside You - Attractha343 acessosAttractha: O álbum de estreia da banda363 acessosAttractha: O futuro do Metal em boas mãos...


Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


83 acessosImpéria: "foi um prazer trabalhar com o Fernando (Barão Vermelho)"40 acessosAttractha: aprenda a criar grooves de metal38 acessosAttractha: revelando novos projetos ao programa Unimetal0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "AttracthA"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "AttracthA"


Lars UlrichLars Ulrich
Fãs pediam que eles transassem com suas namoradas?

Rock in RioRock in Rio
Os cachês e exigências dos artistas na edição de 1991

SlayerSlayer
Gary Holt é realmente um cara mal-agradecido

5000 acessosBlack Sabbath: mais uma do Tony Iommi pra cima do pobre Bill Ward5000 acessosOs roqueiros mais chatos das redes sociais5000 acessosSlipknot: Joey Jordison revela o verdadeiro motivo de sua saída5000 acessosAxl Rose: 12 momentos inesquecíveis no palco em vídeo5000 acessosExodus: "Dokken e Ratt OK, mas Enuff Z'Nuff é uma merda"5000 acessosMustaine: "O Diabo convence as pessoas de que não existe!"

Sobre Victor de Andrade Lopes

Victor de Andrade Lopes é jornalista (Mtb 0077507/SP) formado pela PUC-SP e membro do Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil. Paulistano e morador de Carapicuíba (Granja Viana), tem um blog de resenhas musicais e outros assuntos chamado Sinfonia de Ideias. Apaixonado por livros, ciências, cinema, games, viagens, ufologia, e, é claro, música: rock, metal, pop, dance, folk, erudito e todos os derivados. Além de ouvir, também toca piano e teclado, compondo algumas bobagens de vez em quando.

Mais matérias de Victor de Andrade Lopes no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online