Metallica: 33 anos depois do Kill'Em All

Resenha - Kill'Em All - Metallica

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Paulo Sérgio de Oliveira Borges
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Por que falar de um álbum lançado em 1983, em pleno 2016? Porque toda vez que o escuto, tenho a mesma reação: ele é muito foda!

354 acessosLars Ulrich: Há muita música boa por aí que não tem penetração5000 acessosNikki Sixx: "transei com a mulher do Bruce Dickinson"

É como se o METALLICA tivesse recebido dez musicas perfeitas, prontas e acabadas, diretamente do Deus Metal, da mesma forma que Moisés recebeu a tábua contendo os dez mandamentos, das mãos do criador.

As palhetadas de guitarra são rápidas perfeitas e os riffs geniais, principalmente para um álbum de lançamento de banda. Nenhuma música é parecida com a outra, e mais da metade do álbum tem condições de disputar o posto de melhor composição.

Quem tem o costume de "cantar" as guitarras, perceberá que se trata de um álbum muito bem concebido, do início ao fim. "Hit the lights" começa baixinho e vai aumentando o volume gradativamente,sugerindo uma violência sonora tipo motosserra, que só termina quando "Metal Militia" vai desaparecendo aos poucos, em meio a uma marcha militar.

Não há espaço para monotonia, pois toda música tem um solo estridente e rápido, daqueles que levanta até defunto. Até o vocal adolescente de James Hatfield se enquadra perfeitamente no álbum. Se fosse afinado não combinaria!

E não se pode creditar a genialidade desse álbum a um ou outro integrante da banda individualmente, pois nenhum deles conseguiu supera-lo sozinho em trabalhos posteriores. Enfim, não me lembro de outro "primeiro álbum" de banda de metal tão empolgante quanto este.

Artigo publicado originalmente no site
http://www.tocacultural.com.br

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Kill'Em All - Metallica

2688 acessosMetallica: Eles mudaram a história da música em 19835000 acessosMetallica: em 1983, quatro garotos repletos de energia


Lars UlrichLars Ulrich
Há muita música boa por aí que não tem penetração

1400 acessosMetallica: reveja performance completa em São Francisco0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Metallica"

MetallicaMetallica
Crítica do livro 'Metallica: A Biografia'

Heavy MetalHeavy Metal
Os 10 melhores solos de guitarra de todos os tempos

Machine HeadMachine Head
A incrível experiência de excursionar com o Metallica

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Metallica"


Nikki SixxNikki Sixx
Baixista diz ter transado com mulher de Bruce Dickinson

R.E.M.R.E.M.
Banda é dona da faixa que mais faz homem chorar

Avril LavigneAvril Lavigne
Aprenda com Rihanna como fazer um meet & greet

5000 acessosBlack Sabbath: inspiração para o Restart?5000 acessosGhost: Nergal revelou a identidade de Papa Emeritus II?5000 acessosThrash Metal: 20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável4887 acessosGuns N' Roses: Axl e Slash escaparam de acusação de abuso de menor5000 acessosCompressorhead: a banda de heavy metal mais pesada do planeta5000 acessosWhitesnake: nome da banda é homenagem ao pênis de Coverdale?

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 26 de abril de 2016


Sobre Paulo Sérgio de Oliveira Borges

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online