Deathinition: Thrash Metal dinâmico

Resenha - Art of Manipulation - Deathinition

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Esse quinteto polonês surgiu em 2008, lançando um single em 2010 e uma demo em 2011. “Art of Manipulation” é o primeiro trabalho profissional da banda, que vem do interior do país, mais precisamente da cidade de Bydgoszcz.
5000 acessosDave Lombardo: o que ele realmente acha de Lars Ulrich?5000 acessosLista: assista dez micos em shows de rock

Embora seja europeu, o Deathinition bebe na fonte norte-americana do Thrash Metal, partindo por um lado mais dinâmico e menos ‘from hell’ do estilo. Nota-se também influências do Speed Metal oitentista, já que a banda opta por ritmos mais velozes e se utiliza de poucas alternâncias rítmicas.

Apesar de não exagerar na hora de executar as composições, a banda mostra habilidade através de seus membros, destilando riffs criativos, solos melódicos, além de ter uma cozinha bem consistente. O vocalista Adam Langowski não parte para o lado ‘escachado’ do estilo e procura cantar, possuindo um timbre de certa forma diferente.

São quatro composições e todas possuem suas qualidades, mas é bom ficar de olho na técnica e mais variada Art of Misunderstanding e na curiosa Kłamstwa dla mas, que é cantada na língua pátria da banda. Pelas informações o Deathinition ainda divulga este trabalho, mas se servir de parâmetro já podem lançar um debut.

https://www.facebook.com/deathinition
https://myspace.com/deathinitionthrash

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube
5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Deathinition"

Dave LombardoDave Lombardo
O que ele realmente acha de Lars Ulrich?

Em vídeoEm vídeo
Assista dez micos de rockstars no palco

Regis TadeuRegis Tadeu
"Lemmy era tão poderoso que seu corpo não teve coragem de contrariá-lo"

5000 acessosDio: "quero mais que Vivian Campbell morra"5000 acessosResenha - Kill'Em All - Metallica5000 acessosBlack Sabbath: a polêmica capa do polêmico Born Again5000 acessosMetallica: versão natalina de Nothing Else Matters5000 acessosKiko Loureiro: as polêmicas do Grammy e a vida de rockstar3386 acessosIron Maiden: a visão detalhada de "The Trooper"

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online