Bane of Bedlam: Nem datados, nem tendenciosos

Resenha - Monument of Horror - Bane of Bedlam

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

7


O Thrash Metal pode não ser o estilo mais popular dentro do leque do Metal, mas que é o mais explorado, isso não há dúvidas. E é exatamente este fator que faz com que optar por praticar esse gênero não seja das tarefas mais fáceis, afinal, ser original se torna cada vez mais difícil, quase impossível.

Exemplos: 10 músicos com deficiências ou problemas de saúdeVH1: 100 melhores músicas de hard rock de todos os tempos

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Bebendo nesta fonte que não seca, mas não se renova, os australianos do Bane of Bedlam traz um som sem muita inovação, mas que possui algumas coisas características. A principal é o fato de não soarem datados e ao mesmo tempo não serem tendenciosos, ou seja, fazem um som atual, mas sem serem acessíveis.

Sem dúvidas, o trabalho de guitarras é um dos principais destaques. Riffs muito bem elaborados e executados com precisão são um dos principais atrativos. A cozinha manda bem, principalmente pelas viradas certeiras, o baixo pulsante e a bateria que explora bem o bumbo duplo.

Brad Parker é um vocalista versátil que traz Phil Anselmo como sua principal influência, mas soa até mais agressivo que o ex-Pantera. Difícil destacar apenas uma composição, já que todas mostram suas qualidades. Vale mencionar a belíssima capa, que foge um pouco dos padrões do estilo.

http://baneofbedlam.wix.com/bane-of-bedlam
https://www.facebook.com/BaneOfFICIALBedlam




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Exemplos: 10 músicos com deficiências ou problemas de saúdeExemplos
10 músicos com deficiências ou problemas de saúde

VH1: 100 melhores músicas de hard rock de todos os temposVH1
100 melhores músicas de hard rock de todos os tempos


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor