Crucifixion BR: Enfim o debut destes guerreiros do Metal nacional

Resenha - Destroying the Fucking Disciples of Christ - Crucifixion BR

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


Intenso! Esse pode ser um dos adjetivos pra definir o primeiro trabalho do Crucifixion BR, banda com quase 20 anos de atividades que antes lançara um álbum ao vivo, um split, um EP e duas demos. Este trabalho contou com o duo Juliana Dark Moon (bateria) e Lord Grave War (vocal/guitarra/baixo) – após o lançamento, a baixista Fernanda Gomes foi efetivada para tocar ao vivo.

A importância da revista Playboy na vida de alguns rockstarsAxl Rose: "Sobe na porra do palco ou você vai morrer!"

Desde as letras abordando o oculto e cheias de blasfêmias até o instrumental caótico, tudo soa brutal e agressivo no disco. Apostando mais na velocidade, a banda não se faz de rogada e investe em algumas quebradas bem encaixadas e algumas passagens acústicas que caíram perfeitamente à proposta.

Juliana destrói e explora seu kit de bateria com muita pegada e raiva, enquanto Grave War destila riffs insanos que seguem uma mescla tradicional entre o Black e o Death Metal. Além disso, Grave War (também conhecido como Márcio Guterres) destila vocais odiosos e muito versáteis, que passam por berros, guturais e rasgados.

A produção do disco a cargo de Sebastian Carsin (Symphony Draconis, Frost Despair) e pelo próprio Grave War traz a banda para uma sonoridade mais atual, mesmo sendo seu som bem influenciado pelas raízes do Metal extremo. Um grande trunfo para o Crucifixion BR que consegue transitar entre o antigo e o atual.

Os destaques ficam por conta de Crucifixion, Eternal Judgement, End of a Life, Apocalyptic Sentence e Future Memories of a Hell. Ainda há um cover para Schizo, do Venom, que saiu em um tributo à banda de Newcastle. Se aprecias extremidade em seu estado bruto, não podes perder esse trabalho!

https://www.facebook.com/crucifixionbr
http://www.crucifixionbr.com/


Outras resenhas de Destroying the Fucking Disciples of Christ - Crucifixion BR

Resenha - Destroying the Fucking Disciples of Christ - Crucifixion BR


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


A importância da revista Playboy na vida de alguns rockstarsA importância da revista Playboy na vida de alguns rockstars

Axl Rose: Sobe na porra do palco ou você vai morrer!Axl Rose
"Sobe na porra do palco ou você vai morrer!"


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin