Matérias Mais Lidas

Angra: A gente demorou pra tirar o Aquiles da banda, afirma Felipe AndreoliAngra: "A gente demorou pra tirar o Aquiles da banda", afirma Felipe Andreoli

Paulo Baron: empresário fala sobre cobrar para bandas tocarem; palco custa dinheiroPaulo Baron: empresário fala sobre cobrar para bandas tocarem; "palco custa dinheiro"

Kiss: Brian May, do Queen, surpreende ao escolher sua música favorita da bandaKiss: Brian May, do Queen, surpreende ao escolher sua música favorita da banda

Angra: Pela 1ª vez, Aquiles Priester conta em detalhes como e por que foi demitidoAngra: Pela 1ª vez, Aquiles Priester conta em detalhes como e por que foi demitido

Angra: a curiosa frase de Dennis Ward que resume problemas na fase Aurora ConsurgensAngra: a curiosa frase de Dennis Ward que resume problemas na fase Aurora Consurgens

Angra: a reação de Edu Falaschi ao saber que Marcelo Barbosa entraria para a bandaAngra: a reação de Edu Falaschi ao saber que Marcelo Barbosa entraria para a banda

Rob Halford: Metal God escolhe música do Sabbath como a maior de todos os temposRob Halford: Metal God escolhe música do Sabbath como a maior de todos os tempos

Rock in Rio 2022: quantos dias do festival serão dedicados ao rock, segundo jornalistaRock in Rio 2022: quantos dias do festival serão dedicados ao rock, segundo jornalista

Kiss: Gene Simmons posta notícia de Bolsonaro comendo pizza em calçada de Nova YorkKiss: Gene Simmons posta notícia de Bolsonaro comendo pizza em calçada de Nova York

Guns N' Roses: ouça Hard Skool, música inédita da banda, lançada nesta sextaGuns N' Roses: ouça "Hard Skool", música inédita da banda, lançada nesta sexta

Iron Maiden: não gostar de Senjutsu não te torna menos headbanger que ninguémIron Maiden: não gostar de "Senjutsu" não te torna menos headbanger que ninguém

Metallica: em vídeos, pai mostra a impressionante coleção de discos de Cliff BurtonMetallica: em vídeos, pai mostra a impressionante coleção de discos de Cliff Burton

Red Hot Chili Peppers: banda confirma turnê mundial para 2022 com vídeo divertidoRed Hot Chili Peppers: banda confirma turnê mundial para 2022 com vídeo divertido

Mamonas Assassinas: a história das fotos dos músicos mortos, feitas para tabloideMamonas Assassinas: a história das fotos dos músicos mortos, feitas para tabloide

Slipknot: Corey Taylor diz que morte de Joey Jordison foi uma maldita tragédiaSlipknot: Corey Taylor diz que morte de Joey Jordison foi uma "maldita tragédia"


Tunecore 2

Dimmu Borgir: A obra prima "Puritanical Euphoric Misanthropia"

Resenha - Puritanical Euphoric Misanthropia - Dimmu Borgir

Por Edilson Luiz Piassentini
Em 03/12/14

Os noruegueses do Dimmu Borgir haviam lançado o álbum Enthrone Darkness Triumphant em 1997, grande clássico da banda até aqui, e o excelente Spiritual Black Dimensions em 1999.

Sempre executando um black metal melódico, com alternâncias entre vocais guturais e limpos, com riffs e solos matadores e ao mesmo tempo melódico, com belas passagens de teclados, atmosferas viajantes, uma bateria destruidora e ao mesmo tempo cadenciada, elementos que não são comuns quando falamos de black metal.

Pois bem. Puritanical Euphoric Misanthropia surge para se firmar como maior clássico da banda. Produção impecável, com excelentes músicos e ótimas composições, e com parceira de alguns músicos da orquestra de Gotemburgo.

O álbum começa a obscura introdução Fear and Wonder, digna de filmes de terror, nos preparando para os petardos que vem a seguir.

Difícil apontar destaques, pois todas as musicas são dignas de nota 10, mas aqui vai algumas.

Blessings Upon the Throne of Tyranny inicia os trabalhos, sendo uma das destaques do álbum, seja pela extremidade musical quanto pelas interpretações do vocalista Shagrath.

A próxima pode ser considerada a melhor música já composta pelo Dimmu Borgir. Kings of the Carnival Creation, com um breve introdução sombria, mostra os trabalhos de riffs pesados misturados com uma bateria quebrada, seguida de muita extremidade já ouvida na faixa anterior, sem contar com os belos trabalhos de teclado. Grande destaque da música são as passagens de vocais limpos, executadas pelo baixista Vortex.

Seguindo a mesma linha, a faixa Puritania vem acompanhada de orquestrações muito bem elaboradas. Sympozium resume bem a proposta da composição de todo o álbum. Uma música extrema, com belos trabalhos dos vocais, recheada de riffs melódicos, teclados psicodélicos, bateria fulminante e uma bela performance orquestral.

Para fechar o álbum, um belo cover do Twisted Sister, com a música Burn In Hell.

O Dimmu Borgir vem mostrando ao passar dos tempos o porque é considerado o maior ícone do black metal melódico. Puritanical Euphoric Misanthropia é uma obra de arte, e mesmo que você não curta o estilo, é de extrema importância ter o álbum em sua coleção, pois com certeza não se arrependerá do que vai ouvir.

Dimmu Borgir - Puritanical Euphoric Misanthropia
Ano: 2001
Gravadora: Nuclear Blast


Outras resenhas de Puritanical Euphoric Misanthropia - Dimmu Borgir

Dimmu Borgir: A banda no auge de sua criação...

Dimmu Borgir: Ainda soando atual após 16 anos

Resenha - Puritanical Euphoric Misanthropia - Dimmu Borgir

Resenha - Puritanical Euphoric Misanthropia - Dimmu Borgir

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Bloodstock 2022: Mercyful Fate e outras bandas são anunciadas como atrações do festivalBloodstock 2022
Mercyful Fate e outras bandas são anunciadas como atrações do festival

Música Macabra: Oito grandes músicas que foram inspiradas em filmes clássicos de terrorMúsica Macabra
Oito grandes músicas que foram inspiradas em filmes clássicos de terror

Heavy metal poliglota: dez músicas cantadas em idiomas diferentes do inglêsHeavy metal poliglota
Dez músicas cantadas em idiomas diferentes do inglês


Slayer: conheça outras capas do brasileiro Marcelo VascoSlayer
Conheça outras capas do brasileiro Marcelo Vasco

Shagrath: Se eles assistem Dimmu Borgir no youtube, eu sinto penaShagrath
Se eles assistem Dimmu Borgir no youtube, eu sinto pena

Pseudônimos no Black Metal: De entidades pagãs a O Senhor dos AnéisPseudônimos no Black Metal
De entidades pagãs a O Senhor dos Anéis


Death Metal: as 10 melhores bandas de acordo com a AOLDeath Metal
As 10 melhores bandas de acordo com a AOL

Lista: clássicos do rock e do metal que ninguém aguenta mais ouvir - Parte 1Lista
Clássicos do rock e do metal que ninguém aguenta mais ouvir - Parte 1


Sobre Edilson Luiz Piassentini

Amante do metal desde os 13 anos de idade, fã indiscutível de King Diamond e Mercyful Fate, e também um grande apreciador das cervejas estilo Weiss e um dos editores do site Rock N'Breja! Rock e Cerveja, a combinação perfeita.

Mais matérias de Edilson Luiz Piassentini.