Wintter: Inspirados em Rush, mas com características próprias

Resenha - Wings - Wintter

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Ver Acessos

publicidade

Nota: 8


Desde 1998 na ativa, a banda Wintter surgiu fazendo covers do Rush e seu trabalho "Wings" tem influência direta do trabalho dos canadenses, guardadas as devidas proporções. O grupo mostra características próprias e o resultado disso é uma sonoridade interessante e pouco explorada atualmente.

Dave Mustaine: "Kiko é o primeiro que me intimida desde Friedman"Humor: Não basta um machado na mão para ser Black Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Unindo Classic Rock, Hard Rock e Progressivo, o trio consegue mesclar muito bem os três sub-estilos com um bom equilíbrio e sem se perder. Tanto que a objetividade das composições é um ponto positivo, assim como o peso na medida certa. Peso este que contrasta com arranjos mais sutis, dando à música um bom diferencial.

Isso fica evidente na composição See You In Hell que possui um riff pesadíssmo que em certo momento dá espaço para uma quebrada extremamente influenciada pelo trio canadense. The Letter também é outro destaque com suas boas vocalizações e mudança de ritmo interessante.

Atenção para a faixa Take Your Wings, pois sua melodia inicial se assemelha muito à música Vento no Litorial, da Legião Urbana. Porém, a música não soa como um plágio e possui um refrão simples, mas muito bem desenvolvido e um belíssimo solo de guitarra. Aliás, os refrãos são um dos pontos fortes da banda.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O Wintter conta com Elliot Wintter (vocal/baixo/teclado) e seus filhos Gabriel Wintter (guitarra) e Thiago Wintter (bateria) e mostram um som interessantíssimo em "Wings". Vale à pena conferir!

https://www.facebook.com/WintterRocks
http://www.recordswm.com/wintter


Outras resenhas de Wings - Wintter

Wintter: Hard/heavy que alia técnica e melodia de forma orgânica



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Wintter"


Dave Mustaine: Kiko é o primeiro que me intimida desde FriedmanDave Mustaine
"Kiko é o primeiro que me intimida desde Friedman"

Humor: Não basta um machado na mão para ser Black MetalHumor
Não basta um machado na mão para ser Black Metal


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280