De Profvndis Clamati: Indicado às almas tristes e mais obscuras

Resenha - Transylvanian Mountainside Aria - De Profvndis Clamati

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Impressiona a qualidade das bandas que investem no Doom Metal e seus segmentos, mesmo tendo menos públicos que alguns outros gêneros do Metal. Os curitibanos do De Profvundis Clamati é um bom exemplo disso e neste seu segundo trabalho mostra um Funeral Doom de cortar o coração.
5000 acessosAmon Amarth: nunca suba no palco em show de Viking Metal5000 acessosLoudwire: as 10 melhores músicas do Nirvana

Após uma introdução com partes de Adagio For Strings, do compositor erudito Samuel Barber (a música tema do filme Platoon, de 1986), a faixa título mostra um andamento arrastado, arranjos extremamente tristes e uma melodia agonizante. Bons riffs e fraseados tendo um vocal gutural ininteligível à frente mostram uma composição de ótimo nível e mesmo com quase 20 minutos não soa cansativa devido à variação.

A segunda e última faixa, Olden Winter Woods é mais rápida e possui uma veia mais Gothic/Doom Metal. Intensa, a música ainda possui belíssimos arranjos e uma melodia interessante.

A produção pode atingir um nível melhor e agregar mais peso em um trabalho futuro, mas não chega a comprometer a qualidade das músicas. É nítido que o De Profvndis Clamati sabe bem onde pisa e sua música é indicada às almas mais tristes e obscuras possíveis. Um belo trabalho.

https://www.facebook.com/deprofvndisclamati
http://deprofvndisclamati.bandcamp.com/

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "De Profvndis Clamati"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "De Profvndis Clamati"

Amon AmarthAmon Amarth
Nunca suba no palco em show de Viking Metal

LoudwireLoudwire
As 10 melhores músicas do Nirvana

CâncerCâncer
Festival aceita "cabelo" como ingresso

5000 acessosGuns N' Roses: a história das tours, de 85 a 20075000 acessosLars Ulrich: como ele deixou de usar cocaína?5000 acessosAstros mortos: como estariam alguns se ainda estivessem vivos?5000 acessosDr. Sin: Felipe Andreoli, do Angra, lamenta o fim da banda5000 acessosPastore: esse é o país do Carnaval, e não do Metal5000 acessosPhil Anselmo: "Minha missão era matar o glam rock"

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online