Brunno Silva: Estreia solo é emocionante e versátil

Resenha - New Time - Brunno Silva

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Felipe Cipriani Ávila
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Brunno Silva é um guitarrista mineiro, natural de Itaúna, cidade localizada a setenta quilômetros da capital Belo Horizonte. O seu primeiro contato com o instrumento foi aos dez anos de idade, e de lá para cá não o largou mais, se mantendo em estudo e aperfeiçoamento constante. O seu álbum solo de estreia, “New Time”, é resultado de todo esse estudo e dedicação ao instrumento e à música como um todo.
5000 acessosKerrang!: listando 30 bandas que mudaram sua vida5000 acessosLed Zeppelin: 10 músicas para ouvir quando estiver na fossa

O guitarrista iniciou a produção do seu álbum solo em 2010, no Estúdio Ofício Música, na cidade de Itaúna, tendo concluído o processo em 2012. Entre as suas principais influências estão os guitarristas Steve Vai, Joe Satriani, John Petrucci, Michael Romeo e as bandas Van Halen, Metallica e Dream Theater. Todavia, procura desenvolver um trabalho próprio, o que é comprovado através dos oito temas instrumentais contidos em “New Time”, tocando cada nota com muita paixão e emoção.

Como pode ser observado prontamente, “New Time” é um trabalho muito versátil, que mescla rock e metal progressivo a baladas mais modernas e atmosféricas. A breve faixa de abertura, “Trip To Delays”, logo dá entrada para um dos grandes destaques do álbum. “Achieve” possui uma seção instrumental muito bonita, melódica e que mexe com os sentimentos do ouvinte. Temos aqui uma combinação de muito bom gosto e técnica.

Em “Moments Of Love” temos o exemplo de um tema que “toca na alma” de diversas maneiras, repleto de melodias memoráveis e sentimentais. É audível em cada segundo a paixão com a qual cada nota é tocada, fazendo com que procuremos por uma paz e serenidade interna. Só ouvindo-a mesmo para compreender tantos predicados.

As cinco faixas seguintes continuam muito interligadas, de modo que se complementam, como se fossem apenas uma, com vários momentos e variações. “Fusion” é muito intrincada e criativa, com várias nuances musicais. Entretanto, não soa exagerada em nenhum momento, mantendo o ouvinte encantado e atento a todos os detalhes. O tema seguinte, “Never Lost”, é bem pesado, jungindo momentos agressivos e encorpados a passagens mais melódicas. Enquanto que “New Time” soa como uma celebração à vida, que, assim como as anteriores, é carregada de paixão e beleza, com melodias que levam o ouvinte a vários lugares e mundos, fazendo-o procurar pela serenidade e pelo autoconhecimento. Espetacular, não menos que isso! Sem muito tempo para respirar, somos brindados com duas canções bem pesadas e criativas. “Eletricidade” é bem rápida e encorpada, repleta de excelentes riffs, intercalados com solos belíssimos e bem melódicos. A faixa de encerramento, “Majesty”, não poderia ser melhor, pois mantêm o peso, aliado a solos rápidos, marcantes, versáteis e muito técnicos.

É necessário mencionar algumas das várias participações especiais que certamente engrandecem ainda mais o conjunto da obra: os guitarristas Cacau Santos, Téo Dornellas, Augusto Nogueira, Alexandre Mariano e Celso Machado, juntamente com os contrabaixistas Ney Lima, Jonathans Marques e o baterista Jim Drummer.

“New Time” é um álbum instrumental não apenas indicado a guitarristas e músicos de um modo geral, mas a qualquer indivíduo que é apaixonado por música. Durante a sua breve audição integral, que totaliza vinte e três minutos, somos brindados por belas e intrincadas melodias, com temas que encantam nas suas mais variadas nuances. Altamente recomendável!

Faixas:
1 – Trip To Delays
2 – Achieve
3 – Moments Of Love
4 – Fusion
5 – Never Lost
6 – New Time
7 – Eletricidade
8 – Majesty

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Brunno Silva"

Kerrang!Kerrang!
Listando trinta bandas que mudaram sua vida

Led ZeppelinLed Zeppelin
10 músicas para ouvir quando estiver na fossa

MetallicaMetallica
Rock In Rio explica pane que ocorreu durante o show

5000 acessosMustaine: por que ele perdeu seu emprego no Metallica?5000 acessosRock In Peace: As mortes mais marcantes do Rock/Metal5000 acessosMike Portnoy: baterista explica a camisa "Fuck Paul Stanley"5000 acessosZakk Wylde: Os 10 "Álbuns de Guitarra" mais importantes5000 acessosGuns N' Roses: as duas mulheres que conduziram a reunião5000 acessosApocalipse: confira 5 das melhores músicas sobre o tema

Sobre Felipe Cipriani Ávila

Headbanger convicto e fanático, colecionador compulsivo de discos, não vive, de modo algum, sem música. Estudante de Jornalismo e Letras. Procura, sempre, se aprofundar no melhor gênero de música do mundo, o Heavy Metal, assim como no Rock’n’Roll, de um modo geral, passando pelo clássico, pelo progressivo, pelo Hard setentista e oitentista, e não se esquecendo do Blues. Play It Loud!

Mais matérias de Felipe Cipriani Ávila no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online