Huntress: Bem feito mas enjoativo às vezes

Resenha - Starbound Beast - Huntress

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Marco Túlio Armindo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 7

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Um ano depois de lançar seu debut, o HUNTRESS retorna rapidamente com “Starbound Beast”. Já havia me impressionado em “Spell Eater” onde nota-se uma variação rítmica bem interessante, riffs velozes (a velocidade estava presente na maioria das faixas) e uma vocalista (JILL JANUS) no mínimo peculiar. Dotada de uma capacidade vocal e uma dramaticidade pouco comum, além de valer-se um pouco (para alguns até demais) de seus atributos físicos, sem dúvida foi o destaque do trabalho anterior. Tudo isso calcado em um Heavy Metal que, mesmo não tendo características Oldscholl é bem interessante.
5000 acessosSeparadas no nascimento: Pitty e Amy Winehouse5000 acessosEmo: gênero que todos amam odiar sem conhecer absolutamente nada

Estamos diante de um álbum que de cara já surpreende, por se mostrar mais coeso que o antecessor. A velocidade acima citada aparece mais como um tempero do que ingrediente principal, porém está lá, sobretudo na faixa “Zenith” (que inclusive conta com um videoclipe). Nota–se também um menor uso dos drives por parte de JILL JANUS, que opta em muitas passagens por linhas vocais mais melodiosas e menos berros.

O trampo de guitarras, a cargo dos competentes BLAKE MEAHL e ANTHONY CROCANO é bem bacana também, trazendo riffs e solos bem encaixados e uma dose marcante de boas melodias. A cozinha formada por IAN ALDEN - Baixo (que ocupava a função de guitarrista até 2012) e CARL WIERZBICKY - Bateria é bem competente e precisa. A produção segue o padrão de qualidade das atuais bandas norte-americanas, prezando pela modernidade e clareza.

Trata-se de um bom álbum, com muitos bons momentos, e supera “Spell Eater”, porém ainda não é aquele álbum que você vai ouvir de novo e de novo, sair por aí cantarolando refrãos, etc. Apesar de muito bem feito acaba soando meio enjoativo às vezes. Recomendado, em doses salutares.

Starbound Beast - Huntress
Formação: JILL JANUS (vocais)
BLAKE MEAHL (guitarra)
ANTHONY CROCANO (guitarra)
IAN ALDEN (baixo)
CARL WIERZBICKY (bateria)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Starbound Beast - Huntress

625 acessosHuntress: abaixo das expectativas, mas ainda interessante

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Huntress"

HuntressHuntress
Foto pelada após um caso brutal de infecção alimentar

HuntressHuntress
Jill Janus ensina como se faz "Flrlrlrlrlrlrlrlrlrlrlrlrlr"

HuntressHuntress
10 coisas que a vocalista Jill Janus precisa na estrada

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Huntress"

Separadas no nascimentoSeparadas no nascimento
Pitty e Amy Winehouse

EmoEmo
Gênero que todos amam odiar sem conhecer absolutamente nada

Max CavaleraMax Cavalera
Explicando o que houve com seus dentes

5000 acessosHeadbangers: o preconceito mostrado em vídeo bem-humorado5000 acessosSlipknot: 12 histórias que retratam o quão insana a banda é5000 acessosCretin: transexual rompe barreiras no metal extremo5000 acessosReligião: pastor americano acusa Pantera, Sabbath e Priest de satanismo4022 acessosMetal Nacional: as 10 melhores músicas de 20155000 acessosSystem Of A Down: Daron Malakian ensina como ser músico

Sobre Marco Túlio Armindo

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online