Against Tolerance: nova face ainda mais pesada e interessante

Resenha - Redefined - Against Tolerance

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Confesso que, mesmo com o relativo sucesso que o primeiro disco do AGAINST TOLERANCE teve na mídia especializada quando de seu lançamento, "Undefined" acabou não chamando tanto minha atenção. Mas agora a banda, como um trio, volta com esse novo EP, que mostra uma nova face, ainda mais pesada e interessante.

Doom Metal: os dez trabalhos essenciais do estiloSociedade Alternativa: Fama proporcional à escassez teórica

O EP, que possui uma produção excelente de Adair Daumfebach, mostra que a banda mantém uma sonoridade bem moderna, mas ainda mais agressiva com seu metalcore, como se observa na ótima faixa de abertura, "No More", com guitarras pesadíssimas, e ótimas linhas vocais, seja nos momentos mais guturais, seja no refrão melódico, que não soa piegas, e remete a nomes como IN FLAMES e SOILWORK. Já "All to Nothing" consegue ser ainda mais pesada, com um instrumental intrincado, que traz vários elementos de Djent, e com linhas vocais brutais, e uma letra forte e envolvente.

As duas últimas faixas "With Our Own Hads" e "Stand as One" mantém a alta qualidade do material, e mostra uma grande evolução da banda, que tem tudo para se consolidar como um dos nomes mais fortes de nosso underground já no próximo disco. E lembrando que, liricamente, o EP conta a história de um jovem que não tinha mais nada na vida além de fortes convicções (há inclusive uma história em quadrinhos do tema, que pode ser baixada no site da banda). Confiram agora mesmo

Redefined - Against Tolerance
(2013 - Nacional)

Faixas:
1-Chapter one-No more
2-Chapter two-All to nothing
3-Chapter three-With our own hands
4-Chapter four-Stand as one


Outras resenhas de Redefined - Against Tolerance

Against Tolerance: Metalcore com pitadas de ProgressivoAgainst Tolerance: Deathcore ainda com nuances de Progressivo




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Against Tolerance"


Doom Metal: os dez trabalhos essenciais do estiloDoom Metal
Os dez trabalhos essenciais do estilo

Sociedade Alternativa: Fama proporcional à escassez teóricaSociedade Alternativa
Fama proporcional à escassez teórica

Hetfield: egos, Mustaine, Load e homossexualidade no MetallicaHetfield
Egos, Mustaine, Load e homossexualidade no Metallica

David Coverdale e a palavra "Love" - Parte IHeavy Metal: o Diabo e personagens bíblicas nas capasPra ouvir e discutir: os melhores discos lançados em 1995Guns N' Roses: Éramos mais Judas Priest que o Judas Priest!

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.