Heroes Of War: sonoridade do grupo é mais direta e crua

Resenha - Life And War - Heroes Of War

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

7


Primeiramente vou aproveitar a brecha para parabenizar a cidade de São Carlos/SP pela união que tenho visto entre o rockers/headbangers que ali habitam e engrandece a cena, coisa rara de se ver aqui pela região. Oriundo de lá, o Heroes Of War surgiu em 2006 sempre com a proposta de fazer um som próprio, mas homenageando os clássicos do Metal tradicional com alguns covers em seus shows.

O som da banda é bem influenciado pelo Grave Digger, além de ter uma pegada na linha da finada banda paranaense Steellord. As características próprias ficam por conta de a sonoridade do grupo ser mais direta e crua, bem característica da pegada do Metal oitentista.

publicidade

Em 32 minutos a Heroes Of War destila excelentes riffs, além de executar ótimas bases/solos que é acompanhada por uma cozinha que segue uma variação digna da NWOBHM. Destaque para faixas como Princess of Blood, Fire In The Hell e a sensacional The Life and War, que fecha o disco com chave de ouro!

A gravação um pouco abafada tirou um pouco do brilho do som, mas nada que prejudique tanto a audição e não possa ser consertada num próximo trabalho. Pude acompanhar um show dos caras no festival Rock Na Estação e garanto que a banda manda melhor ainda no palco! Que venha mais!

http://heroesofwar.tnb.art.br/
http://www.facebook.com/pages/Heroes-Of-War/175597675871269

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Separados no nascimento: Sebastian Bach e Fernanda LimaSeparados no nascimento
Sebastian Bach e Fernanda Lima

Slayer: fãs hardcore dão (literalmente) o sangue pela bandaSlayer
Fãs hardcore dão (literalmente) o sangue pela banda


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin