Bon Jovi: fãs antigos certamente ficarão desapontados

Resenha - What About Now - Bon Jovi

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Victor de Andrade Lopes, Fonte: Sinfonia de Ideias
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 4

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O BON JOVI sempre foi uma banda de altos e baixos no que diz respeito à qualidade de seus álbuns. É um risco que muitos grupos de hard rock ou punk corre ao flertar demais com o pop. Se o quarteto pareceu dar sinais de uma volta às raízes com The Circle, ele pôs tudo a perder com What About Now.

Rodz Online: Os dois dias de Rock N' Roll do Moscow Music Peace Festival (vídeo)Thrash Metal: 20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável

É com este disco, senhoras e senhores, que o BON JOVI chega ao ponto mais baixo de sua carreira. Muitos fãs (especialmente os da "velha guarda") não estavam gostando das direções da banda, e ficarão ainda menos felizes com o trabalho.

Resumo da ópera: há dois tipos de músicas no disco, basicamente: as de autoajuda e as bonitinhas. "Because We Can" e "Army of One" são dois exemplos do primeiro grupo. São canções perfeitas para a trilha sonora de um musical adolescente do tipo Glee.

Do outro grupo, temos vários exemplos. "I'm With You", "Pictures of You" e "Amen" ganham pontos pela beleza de suas melodias. Mas eu admito que, ao dizer isso, estou na verdade buscando desesperadamente um meio de elogiar o disco, só por consideração ao grupo.

Que fique bem claro: não é um problema fazer músicas melosas. Isso já virou marca registrada da banda há tempos, gostem os fãs ou não. Mas apostar num álbum meloso do começo ao fim foi um lance arriscado. Um grupo que se apoia em hits do hard rock e em baladas radiofônicas precisa usar os dois com equilíbrio. O AEROSMITH fez isso ano passado, e o resultado foi um disco muito bom (Music from Another Dimension). Chega a ser engraçado pensar nessas faixas sendo apresentadas ao vivo em pleno Rock in Rio 2013.

Outro problema de What About Now talvez seja a falta de algo especial. Uma influência country, um trabalho diferenciado nas guitarras, um vocal inovador... a banda não parece ter tentado nada para sair da mesmice, o que só ajuda a tornar o álbum ainda mais sonolento. E nem adianta ir atrás das faixas bônus, pois elas não trazem nada de muito interessante. Valem a pena, no máximo, "With These Two Hands" e "Every Road Leads Home to You", esta última cantada pelo guitarrista RICHIE SAMBORA.

Pode até ser um "álbum bom" na visão de alguns. De fato, algumas dessas canções até agradam. Mas não se trata de analisar um álbum, trata-se de analisar o álbum de uma banda. Sendo assim, este é um "álbum ruim do BON JOVI". Que pena.

Abaixo, o vídeo de "Because We Can":

Track-list:
1 Because We Can
2 I'm with You
3 What ABout Now
4 Pictures of You
5 Amen
6 That's What the Water Made Me
7 What's Left of Me
8 Army of Ones
9 Thick as Thieves
10 Beautiful World
11 Room at the End of the World
12 The Fighter


Outras resenhas de What About Now - Bon Jovi

Bon Jovi: um disco feito exclusivamente para o público americanoBon Jovi: 30 anos de sucesso e lançamento de ótimo discoBon Jovi: Em estúdio mostra-se apenas mais uma bandaBon Jovi: Uma banda de Pop-Rock com passado pesadoBon Jovi: Novo disco não coroa 30 anos de carreiraBon Jovi: investindo no óbvio, no padrão, no genéricoBon Jovi: inofensivo e, acima de tudo, com qualidade rasteira




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Bon Jovi"


Rodz Online: Os dois dias de Rock N' Roll do Moscow Music Peace Festival (vídeo)Bon Jovi: fãs brasileiros serão exibidos no telão durante os shows

Hair metal: os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling StoneHair metal
Os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling Stone

Bon Jovi: título do novo álbum já está definido, afirma Jon Bon Jovi

Bon Jovi: novo álbum já tem título e trará músicas com temáticas sociaisBon Jovi
Novo álbum já tem título e trará músicas com temáticas sociais

Bon Jovi: o Capital Inicial dos EUA, diz jornalista da ESPNBon Jovi
"o Capital Inicial dos EUA", diz jornalista da ESPN

Bon Jovi: vídeo oficial de Bad Medicine gravado em show em São PauloBon Jovi
Vídeo oficial de "Bad Medicine" gravado em show em São Paulo

Bon Jovi: vídeo da banda tocando "God Bless This Mess" em MadriBon Jovi: veja vídeo recente de "Wanted Dead Or Alive" em Wembley

Bon Jovi: em vídeo, os integrantes envelhecendo ao longo dos anosBon Jovi
Em vídeo, os integrantes envelhecendo ao longo dos anos

Bon Jovi: Di Ferrero vence Show dos Famosos com Livin' On A PrayerBon Jovi
Di Ferrero vence Show dos Famosos com "Livin' On A Prayer"

Bon Jovi: A coleção do paulista Flávio CelestinoBon Jovi
A coleção do paulista Flávio Celestino

Rock in Rio: foto traz membros de 4 bandas lendárias nos bastidoresRock in Rio
Foto traz membros de 4 bandas lendárias nos bastidores

Phil Lewis: Bon Jovi é chaaato, diz em entrevista ao LoKaosPhil Lewis
"Bon Jovi é chaaato", diz em entrevista ao LoKaos


Thrash Metal: 20 bandas brasileiras de qualidade inquestionávelThrash Metal
20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável

Slipknot: Ozzy quis entrar pra banda segundo Corey TaylorSlipknot
Ozzy quis entrar pra banda segundo Corey Taylor

Rolling Stone: as 10 melhores bandas de Heavy MetalRolling Stone
As 10 melhores bandas de Heavy Metal

Axl Rose: Um dos vocalistas com maior alcanceSeparados no nascimento: sou só eu, ou eles são parecidos?Dave Mustaine: "Taekwondo mudou a minha vida"Bruce Dickinson: deixando o cabelo crescer novamente em ato de rebeldia

Sobre Victor de Andrade Lopes

Victor de Andrade Lopes é jornalista (Mtb 77507/SP) formado pela PUC-SP com extensões em Introdução à História da Música e Arte Como Interpretação do Brasil, ambas pela FESPSP, e estudante de Sistemas para Internet na FATEC de Carapicuíba, onde mora. É também membro do Grupo de Usuários Wikimedia no Brasil e responsável pelo blog Sinfonia de Ideias. Apaixonado por livros, ciências, cultura pop, games, viagens, ufologia, e, é claro, música: rock, metal, pop, dance, folk, erudito e todos os derivados e misturas. Toca piano e teclado nas horas livres.

Mais matérias de Victor de Andrade Lopes no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336