Vorum: aquele Death Metal com uma aura maléfica

Resenha - Poisoned Void - Vorum

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


Os finlandeses do Vorum surgiram em 2006 e acabam de lançar seu primeiro trabalho, este "Poisoned Void". Inicialmente chamada Haudankaivaja, a banda já lançou o EP "Grim Death Awaits" (2009) e o split "Profane Limbs of Ruinous Death" (2010) ao lado dos americanos do Vasaeleth.

O som da banda é aquele Death Metal com uma aura maléfica, bem influenciado pela sonoridade 'old school' do estilo, porém focados em nomes de seus vizinhos da Suécia, como o Entombed de início de carreira e o Unleashed. Tudo devidamente dentro de suas próprias características, já que a banda possui uma pegada bem na linha das bandas primitivas do Metal extremo.

publicidade

É só ouvir composições como a veloz e brutal Thriving Darkness, pra sentir a pegada grotesca e enraizada da banda. Tudo soa sujo, agressivo e de forma direta, com guitarras despejando riffs e bases/solos, enquanto a cozinha estridula tudo com algumas quebradas bem interessantes.

Os vocais de Jonatan Johansson (também guitarrista) soam naquela linha gutural bêbado, o que faz das composições ainda mais 'old school'. Outros destaques ficam por conta de Evil Seed e o show do batera Mikko Josefsson, além da faixa título que fecha o disco de forma brilhante.

publicidade

"Poisoned Void" também foi lançado em uma bela embalagem digipack e em LP. O trabalho foi produzido por Afshin Piran and Julius Jansson, e a bonita arte gráfica ficou por conta de Alexander L. Brown. Se o leitor é fã do verdadeiro Metal da morte, não perca tempo, o Vorum possui todos os quesitos do estilo.

http://www.vorumdeath.com
http://www.facebook.com/Vorumdeath

publicidade



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Fotos de Infância: Ozzy OsbourneFotos de Infância
Ozzy Osbourne

Capas de disco: como seriam se fossem gifs animadosCapas de disco
Como seriam se fossem gifs animados


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin