Tempo De Cinzas: fazendo um som focado na nova onda do Metal

Resenha - Tempo De Cinzas - Tempo De Cinzas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

8


Que o Metalcore é o retrato do som pesado moderno todo mundo sabe. E assim como toda tendência, há coisas muito boas e outras (a maioria) que caem na mesmice, além daqueles que realmente são descartáveis. O caso do Tempo De Cinzas, graças à competência da banda, é o primeiro.

Fazendo um som focado na nova onda do Metal, os caras ainda possuem influências de Prog Metal e Melodic Death Metal. Sim, a sonoridade é moderna, mas dá pra perceber fácil essas influências quando ouvimos as duas composições que contém neste trabalho. Riffs pesados, cozinha concisa e quebradas insanas, fazem do som dos caras um diferencial.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Outro fator que chama atenção são os vocais de Danilo Valle. O cara urra muito bem e quando se envereda para os vocais limpos (muito comuns no estilo) foge daquele padrão 'bonitinho pra conquistar as menininhas' e prima pela agressividade.

As duas composições são muito boas, ambas cantadas em português e com bom refrão, mas confesso que ainda estou cantarolando Trilhas Das Mentiras. Para uma banda que surgiu em 2011 eles estão um passo a frente de muitos ditos ícones do estilo, basta não se deixar levar pelo ostracismo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Baixe o disco aqui
http://www.facebook.com/tempodecinzas
http://www.youtube.com/user/tempodecinzas?feature=guide




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slash: Só dá para exceder até certo pontoSlash
"Só dá para exceder até certo ponto"

Filmes sobre rock: A história do gênero no cinemaFilmes sobre rock
A história do gênero no cinema


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Cli336 Cli336