Atsphear: Para fãs de In Flames e Killswitch Engage

Resenha - New Line System - Atsphear

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Écio Souza Diniz, Fonte: Pólvora Zine
Enviar Correções  

publicidade

8


Se você é fã de IN FLAMES (época do álbum "Colony") e KILLSWITCH ENGAGE (fase do "The end of heartage"), vai curtir o som dessa banda madrilena. Os espanhóis já abrem com a pedrada, cheia de melodias e vocais marcantes de ‘Atmosphere X’, dando uma ideia do que se ouvirá no restante do álbum.

Gibson: os 10 maiores bateristas de todos os temposSlayer: a trágica e não revelada história do fim de Jeff Hanneman

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Na sequência ‘Psycho circle’ mantem a pegada, e ‘Supernova’ e ‘you strain’ expõem uma atmosfera agonizante, e nostalgia é apenas a primeira sensação que causam ao ouvinte. ‘Hall of mirrors’ é inspirada, com andamentos interessantes. Em ‘Sensory’ é notável o alto nível de equilíbrio melódico dos músicos, como suas aptidões técnicas para tal.

Uma pegada mais riffada com uma aura meio futurista é constituem ‘Eletrostatic nation’. O lado cheio de ira emerge em ‘Between love and hate’, e ‘State of coma’ dá o golpe de misericórdia no quisito dor humana. Confiram e confirmem o que digo.

Faixas:

1-Atmosfere X
2-Psycho circle
3-supernova
4-you strain
5-believe
6-family
7-hall of mirrors
8-sensory
9-eletrostatic nation
10-between love and hate
11-state of coma


Outras resenhas de New Line System - Atsphear

Resenha - New Line System - Atsphear



Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Gibson: os 10 maiores bateristas de todos os temposGibson
Os 10 maiores bateristas de todos os tempos

Slayer: a trágica e não revelada história do fim de Jeff HannemanSlayer
A trágica e não revelada história do fim de Jeff Hanneman


Sobre Écio Souza Diniz

Graduado em Ciências Biológicas e pesquisador na área de Ecologia e Evolução vegetal, sempre foi aficionado por leituras sobre o mundo do Rock/Metal. Além do metal, tem como paixões filmes de terror e épicos. Já participou como vocalista de várias bandas de Death/Grind, mas como nenhuma vingou se encontrou melhor em redigir matérias, fundando há alguns anos atrás o Pólvora Zine. Colabora também com vários sites especializados e com a revista Roadie Crew. Suas bandas preferidas são Iron Maiden, Black Sabbath, Dio, Dorsal Atlântica, Candlemass e Sarcófago.

Mais matérias de Écio Souza Diniz no Whiplash.Net.

Cli336x280