Division Hell: Impressionante o vigor que emana das faixas

Resenha - Apokaliptika - Division Hell

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Vitor Franceschini
Enviar Correções  

publicidade

9


O Division Hell foi formado em meados de 2010, quando Ubour (vocal/guitarra) e Renato Rieche (guitarra), ambos do finado Legion of Hate, juntaram forças com Eduardo Oliver (bateria) e Gino Gaier (baixo).

Sabaton: Exército brasileiro retribuiu homenagem da banda sueca

Thrash Metal: 20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável

É impressionante o vigor que emana das faixas deste trabalho. A cozinha tem um peso absurdo, principalmente as linhas de baixo. O som lembra bastante os holandeses do Gorefest, principalmente pelos vocais de Ubour. Os solos das composições também são muito bem executados.

A faixa título abre o trabalho e serve como um bom cartão de visitas, pesada e com uma quebrada surpreendente. "Pray & Cry" é a brutalidade nua e crua, até que, após um minuto descamba para riffs cavalgados, com um pouco de melodia, evidenciando a versatilidade da banda, mais uma vez com ótimos solos de guitarra!

Aliás, o trabalho de guitarras é fantástico no disco. "Flesh Blood Desire" não foge à risca e fecha o disco com chave de ouro. Belíssimo trabalho!


Outras resenhas de Apokaliptika - Division Hell

Division Hell: Acima do que costumamos ouvir em debuts

Resenha - Apokaliptika - Division Hell

Division Hell: Death Metal com flerte enorme com o Thrash




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Sabaton: Exército brasileiro retribuiu homenagem da banda suecaSabaton
Exército brasileiro retribuiu homenagem da banda sueca

Thrash Metal: 20 bandas brasileiras de qualidade inquestionávelThrash Metal
20 bandas brasileiras de qualidade inquestionável


Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin