Division Hell: Impressionante o vigor que emana das faixas

Resenha - Apokaliptika - Division Hell

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O Division Hell foi formado em meados de 2010, quando Ubour (vocal/guitarra) e Renato Rieche (guitarra), ambos do finado Legion of Hate, juntaram forças com Eduardo Oliver (bateria) e Gino Gaier (baixo).
5000 acessosHall Of Shame: as melhores músicas ruins da história do Metal5000 acessosPsicografia: uma suposta carta do espírito de Cássia Eller

É impressionante o vigor que emana das faixas deste trabalho. A cozinha tem um peso absurdo, principalmente as linhas de baixo. O som lembra bastante os holandeses do Gorefest, principalmente pelos vocais de Ubour. Os solos das composições também são muito bem executados.

A faixa título abre o trabalho e serve como um bom cartão de visitas, pesada e com uma quebrada surpreendente. “Pray & Cry” é a brutalidade nua e crua, até que, após um minuto descamba para riffs cavalgados, com um pouco de melodia, evidenciando a versatilidade da banda, mais uma vez com ótimos solos de guitarra!

Aliás, o trabalho de guitarras é fantástico no disco. “Flesh Blood Desire” não foge à risca e fecha o disco com chave de ouro. Belíssimo trabalho!

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Apokaliptika - Division Hell

581 acessosDivision Hell: Acima do que costumamos ouvir em debuts617 acessosDivision Hell: Apokaliptika esbanja categoria e competência589 acessosDivision Hell: Death Metal com flerte enorme com o Thrash

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Division Hell"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Division Hell"

Hall Of ShameHall Of Shame
As melhores músicas ruins da história do Metal

PsicografiaPsicografia
Uma suposta carta do espírito de Cássia Eller

Fãs de RockFãs de Rock
Você conhece o estilo de se vestir de cada um

5000 acessosNirvana: "Teoria é um desperdício de tempo", dizia Kurt5000 acessosZakk Wylde: O assassinato atribuido à "seita" do guitarrista5000 acessosRede Globo: em 1985, explicando o que são os metaleiros5000 acessosMegadeth: vídeo de "Poisonous Shadows" em 360º5000 acessosJoão Gordo: "Velho, o rock está morrendo!"5000 acessosMotorhead: veja foto de edição de homenagem da Jack Daniel's

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online