Division Hell: Impressionante o vigor que emana das faixas

Resenha - Apokaliptika - Division Hell

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O Division Hell foi formado em meados de 2010, quando Ubour (vocal/guitarra) e Renato Rieche (guitarra), ambos do finado Legion of Hate, juntaram forças com Eduardo Oliver (bateria) e Gino Gaier (baixo).
5000 acessosIron Maiden: Divulgadas fotos comprometedoras de Nicko McBrain5000 acessosDave Mustaine: as diferenças entre o Megadeth e o AC/DC

É impressionante o vigor que emana das faixas deste trabalho. A cozinha tem um peso absurdo, principalmente as linhas de baixo. O som lembra bastante os holandeses do Gorefest, principalmente pelos vocais de Ubour. Os solos das composições também são muito bem executados.

A faixa título abre o trabalho e serve como um bom cartão de visitas, pesada e com uma quebrada surpreendente. “Pray & Cry” é a brutalidade nua e crua, até que, após um minuto descamba para riffs cavalgados, com um pouco de melodia, evidenciando a versatilidade da banda, mais uma vez com ótimos solos de guitarra!

Aliás, o trabalho de guitarras é fantástico no disco. “Flesh Blood Desire” não foge à risca e fecha o disco com chave de ouro. Belíssimo trabalho!

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Apokaliptika - Division Hell

581 acessosDivision Hell: Acima do que costumamos ouvir em debuts616 acessosDivision Hell: Apokaliptika esbanja categoria e competência582 acessosDivision Hell: Death Metal com flerte enorme com o Thrash

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Division Hell"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Division Hell"

Iron MaidenIron Maiden
Divulgadas fotos comprometedoras de Nicko McBrain

Dave MustaineDave Mustaine
As diferenças entre o Megadeth e o AC/DC

SlayerSlayer
Treinando antes de fazer no próprio braço

5000 acessosBlack Sabbath: avó de Iommi era brasileira e pais eram católicos5000 acessosDuff McKagan: "Axl está sempre falando bobagens"5000 acessosKim Kardashian: usando camiseta do Metallica de dois mil dólares?5000 acessosBlack Sabbath: Geezer Butler fala de vida, animais e religião5000 acessosMetallica: Ulrich comenta sobre seu maior erro5000 acessosSebastian Bach: por que ele continua tocando "I Remember You"?

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online