RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas

imagemRoger Waters se defende, mas David Gilmour fica do lado da esposa e confirma tudo

imagemEm 1974, Raul Seixas explicava detalhes dos significados por trás da letra de "Gita"

imagemA reação de King Diamond ao ouvir Metallica tocando músicas do Mercyful Fate

imagemO ponto fraco de Yngwie Malmsteen segundo Ronnie James Dio, em 1985

imagemRoger Waters atende a Rússia e faz discurso para o Conselho de Segurança da ONU

imagemRodinha de mosh gigantesca em show do System of a Down viraliza e impressiona

imagemQuem ganhou e quem devia ter ganhado o Grammy de metal desde 1989, segundo Loudwire

imagemVeja o que esperar da turnê do Mayhem no Brasil

imagemVeja Dave Grohl cantando e agitando em show do Mercyful Fate

imagemPor que Herbert Vianna gosta muito do riff de "Eu Quero Ver o Oco" do Raimundos?

imagemMegadeth é processado por artista que criou capa do último disco da banda

imagemRússia pede para que Roger Waters fale com a ONU sobre a situação da Ucrânia

imagemAs 20 melhores músicas do Nightwish, em lista da Metal Hammer

imagemO show do Engenheiros do Hawaii sem Humberto, que eles achavam que havia sido sequestrado

imagemIron Maiden está atrás de George Michael e Cyndi Lauper em votação do Rock Hall Of Fame


Stamp

Aygan: Hard Rock, mas muito além do convencional

Resenha - Plastic City - Aygan

Por Ben Ami Scopinho
Postado em 24 de novembro de 2011

Nota: 8

Que beleza de música...! Ainda que já tivesse liberado os EPs "Plastic City" (07) e "Neural Groove" (09), passou-se praticamente uma década desde a sua fundação para que o paulistano Aygan conseguisse marcar sua estreia com um álbum completo, também batizado como "Plastic City", e que chegou de forma independente ao mercado no ano de 2010.

Tentar encaixar "Plastic City" em uma categoria musical específica é uma tarefa bastante difícil. Sua proposta aproxima-se do Hard Rock, mas o Aygan usa a criatividade para levar o gênero a caminhos bem mais amplos do que aqueles a que estamos acostumados, oferecendo arranjos bastante trabalhados e geralmente de fácil assimilação, muito groove, distorção e melodias repletas de feeling ao longo das 10 canções que cronometram mais de uma hora – sim, algumas composições são longas, mas tudo é estruturado com muito bom gosto e elegância.

O resultado é uma coleção interessantíssima de estilos diferentes em que o Aygan tenta combinar e manter uma coesão, na maioria das vezes com o devido sucesso. Com uma bem-vinda camada contemporânea, surgem destaques como "Turn Around", "Shadows", a mais pesada "Bloody Meanings", "Now It's Over" e a própria "Aygan", instrumental repleta de variações que revela um talento distinto para se infiltrar na memória e conquistar o ouvinte.

Em suma, o Aygan é mais um conjunto independente cujos integrantes trabalham lado a lado e de maneira harmoniosa para fazer uma música seguindo seus próprios termos e que não soe pretensiosa, simples assim. "Plastic City" pode ser uma aquisição bastante digna, pois possui potencial para agradar a uma ampla fatia do público Rock´n´Roll, e que venha o sucessor!

Contato: www.myspace.com/aygan

Formação:
Marcelo Lane - voz e guitarra
Rodrigo Curvo - guitarra
Bruno Vellutini - baixo
Vitor Rodrigues - bateria

Aygan - Plastic City
(2010 / independente – nacional)

01. To Turn Around
02. Shadows
03. From The Fire
04. Days
05. Bloody Meanings
06. Back At Moon Street
07. Neural Groove
08. Hollywoodian Roses
09. Now It's Over
10. Aygan

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp


publicidadeAdemir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | André Silva Eleutério | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Euber Fagherazzi | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Henrique Haag Ribacki | José Patrick de Souza | Julian H. D. Rodrigues | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Sergio Luis Anaga | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".
Mais matérias de Ben Ami Scopinho.