Lazarus A.D.: Uma das melhores da nova safra de thrash

Resenha - Onslaught - Lazarus A.D.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar Correções  

9


Como é legal escutar um CD de uma banda até então desconhecida, e logo após a primeira audição, já se tornar fã da mesma. E acredito que essa será a situação de todos que ouvirem esse primeiro petardo destes americanos do LAZARUS A.D., uma das melhores bandas da nova safra de thrash metal que vem se espalhando mundo afora.

Você, meu amigo leitor, gosta de EXODUS, TESTAMENT e DEATH ANGEL? Então prepare-se para se deliciar com o som do LAZARUS A.D..

publicidade

A banda foi formada no ano de 2005, sendo este "The Onslaught" o seu primeiro álbum oficial (o segundo, "Black Rivers Flow", foi lançado no começo de 2011), lançado originalmente em 2007, e relançado em 2009 pela Metal Blade.

E a banda já debutou mostrando todo seu potencial, com um thrash metal muito pesado, agressivo e cativante, mesclando com maestria elementos da velha escola com algo mais moderno, na medida certa. Mas não espere encontrar aqui baladas, vocais melosos ou qualquer elemento industrial, e muito menos teclados, pianos, flautas, violinos ou coisas do tipo: o negócio aqui é thrash metal primitivo, com vocal agressivo, baixo martelado, bateria quebrada e marcante, com músicas embasadas em riffs pesados e destruidores, feitas para banger.

publicidade

Todos os músicos são muito talentosos, merecendo destaque os guitarristas Dan Gapen e Alex Lackner, que criaram em todas as composições riffs e mais riffs espetaculares, que elevam o som do LAZARUS A.D. ao patamar dos grandes novos nomes do estilo. As paradinhas clássicas do estilo também estão presentes, assim como os famosos coros de guerra.

publicidade

E o álbum é tão legal que é impossível escolher destaques sem fazer injustiça com as demais músicas. Além disso, apesar de todas as faixas apresentarem o peso e agressividade como características comuns, todas possuem elementos que as diferenciam entre si, fazendo da audição do álbum algo muito agradável.

A gravação também é excelente, sendo que a mixagem e masterização foi feita por James Murphy (ex-guitarrista de TESTAMENT, DEATH, etc.), e deixou o som da banda totalmente cristalino e encorpado. Alias, com o lançamento original do álbum, a mixagem e masterização já haviam sido feitas por James e, posteriormente, quando do relançamento pela Metal Blade, foi refeita pelo mesmo. Destacam-se as guitarras, com peso absurdo, e o baixo, bem audível, grave e preciso, lembrando o estilo de gravação do IRON MAIDEN.

publicidade

Portanto, escute o álbum no volume máximo, e comprove toda a qualidade do LAZARUS A.D., banda que tem tudo para se tornar uma das mais relevantes do thrash metal contemporâneo. Comprove toda a qualidade do grupo com o clipe da faixa "Revolution".

publicidade

The Onslaught – Lazarus A.D.
(2009 – Metal Blade - Importado)

Formação:

• Dan Gapen: Guitarra
• Jeff Paulick: Baixo e Vocal
• Alex Lackner: Guitarra
• Ryan Shutler: Bateria

Track List:

1. Last Breath
2. Thou Shall Not Fear
3. Damnation for the Weak
4. Every Word Unheard
5. Revolution
6. Rebirth
7. Lust
8. Forged in Blood
9. Absolute Power
10. Who I Really Am




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Discórdia: alguns dos maiores insultos entre artistasDiscórdia
Alguns dos maiores insultos entre artistas

Jared Leto: a reação ao se ver no papel do CoringaJared Leto
A reação ao se ver no papel do Coringa


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin