Putridity: Uma avalanche de uma ignorância sem tamanho

Resenha - Degenerating Anthropophagical Euphoria - Putridity

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Por Christiano K.O.D.A., Fonte: Som Extremo
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Se “Paradogma”, da banda Hour of Penance, definitivamente colocou a Itália no mapa da cena extrema mundial no ano passado, esse aqui, meus amigos, veio para reforçar o fato em 2011. E sim, podem apostar que esses desumanos conseguiram fazer algo ainda mais brutal do que o H.O.P..

5000 acessosVan Halen: intestinos de Eddie literalmente explodiram em 20125000 acessosTommy Lee: baterista zombou da habilidade de Ulrich no Twitter

Vou confessar uma coisa: literalmente julguei pela (linda) capa... e acertei em cheio! Quando você dá o play no disco, tem a impressão de que um grande terremoto se iniciou em seu ouvido. Nunca se desejou tanto uma tragédia sonora dessas. Fabuloso! Chega a ser absurdo o grau de brutalidade que a banda atingiu. Fenomenal, e melhor, muito bem gravado.

O vocalista Paolo é excelente. O timbre lembra um pouco o de Matti Way, do Disgorge americano. Quanto às guitarras com baixa afinação e baixo bem metalizado, fazem seu trabalho, sem contudo haver um solo sequer. Pecaram nisso. E sem dúvidas, quem rouba a cena é o insano baterista Davide. O cara é técnico e muito, muito veloz.

E sai debaixo, que o álbum é pedrada... melhor dizendo, é uma avalanche de uma ignorância sem tamanho. Não há destaques. É impossível.

Eles mostram que não é só fazer barulho que conta, mas sim ter qualidade no que apresentam. Pois é, meus amigos, pode ser uma ousadia minha, mas declaro que o negócio aqui é um dos melhores álbuns de brutal death já lançados.

Podre, desgraçado, maravilhoso! Quando você acha que já conheceu tudo de brutal, aparece o Putridity. Na verdade, a banda já tem outros full-lengths, mas esse é o mais mortal. Um play que atordoa. Altamente indicado para fãs de Hate Eternal, Krisiun antigo e o próprio Hour of Penance. Você não sairá incólume a esse “Degenerating Anthropophagical Euphoria”. Muito impressionante e mais do que recomendado.

Só para dar o gostinho, 2 atrocidades do baterista Dave tocando as músicas “Pursue the Suicidal Breed” e “Molesting Vomited Decapitation”, do álbum “Mental Prolapse Induces Necrophilism” (2007).

PUTRIDITY- Degenerating Anthropophagical Euphoria
Willowtip – 2011 – Itália

http://www.myspace.com/putridity

TRACKLIST

1. Cannibalistic Post Climax Flesh Consumption
2. Sodomize Epileptic Chunks
3. Masturbating The Infibulated
4. Syphilc Menstrual Rejection
5. Wallowing In Aftermaths
6. Euphoric State Of Dementia
7. Innate Butchery Aptitude
8. Draining Necro Anal Disgorgement
9. Living Decomposition

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Putridity"


Van HalenVan Halen
Intestinos de Eddie literalmente explodiram

Tommy LeeTommy Lee
Baterista zombou da habilidade de Ulrich no Twitter

MetalMetal
Gibson.com enumera 50 melhores músicas do gênero

5000 acessosMetallica: prejudicando as finanças da Igreja Universal5000 acessosOito razões pra dormir com um baterista5000 acessosHaters: os nove álbuns de hard rock e heavy metal mais odiados5000 acessosJon Bon Jovi: de surpresa, ele apareceu em karaokê e festejou com fãs5000 acessosAngra: Fábio Lione comenta os estilo vocais de Andre Matos e Edu Falaschi2926 acessosRock And Roll: os 10 movimentos mais característicos

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.