Semblant: no pisoteado caminho do Gothic, Doom e Dark Metal

Resenha - Last Night Of Mortality - Semblant

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

8


Desde que liberou a demo "Behold The Real Semblant" (08), várias foram as portas que se abriram para o Semblant. Natural de Curitiba (PR) e capitaneado pelos vocalistas Katia Shakath e Sergio Mazul (Maelström), o grupo vem trilhando desde 2005 o já tão pisoteado caminho do Gothic, Doom e Dark Metal, e com tanto afinco que o pessoal era mais do que merecedor de um álbum de estréia, que agora se concretiza com "Last Night Of Mortality".

E os caras são bons? Bem, sim... E muito! Desde as ambientações e orquestrações apocalípticas de Augusto, passando pela distorção das guitarras de Roberto Hendrigo, aliadas às vocalizações de Mazul – um dos mais eficazes e flexíveis do estilo em nosso underground – se contrapondo à bonita voz de colibri de Katia, o Semblant certamente soube como digerir e trabalhar seus arranjos, mantendo-se afastado de poder ser descrito como uma mera cópia de suas influências.

publicidade

Emocional, melódico e não abrindo mão de uma digníssima ferocidade, o repertório se desenvolve repleto de contrastes, elegante e sempre obscuro. Contando como convidados ninguém menos do que o potente vocalista sueco Charles Rytkonen (Morgana LeFay, Inmoria) e o tecladista Danne Eriksson (Tad Morose, Inmoria) em "Last Night Of Mortality", que é o prólogo de uma bela sequencia de composições matadoras como "Nightmare World", "Sleepless" e a poderosa "Deep In Dark Waters", além das três já conhecidas faixas da mencionada demo de 2008.

publicidade

Assim como a vampiresca ilustração de sua capa, todo o projeto visual do Semblant foi moldado por Gustavo Sazes (Arch Enemy, Andralls, God Forbid), velho parceiro dos curitibanos. Além do lançamento nacional via Free Mind Records, "Last Night Of Mortality" também está aportando na Europa, México e Estados Unidos, se revelando um item bastante convidativo àqueles que apreciam os primórdios do Tristania, Trail Of Tears, Moonspell e afins.

publicidade

Contato: www.myspace.com/semblant

Formação:
Katia Shakath - voz
Sergio Mazul - voz
Roberto Hendrigo - guitarra
Augusto - teclado
Leonardo Rivabem - baixo
Candido Oliveira - bateria

Last Night Of Mortality
(2010 / Free Mind Records – nacional)

01. Last Night Of Mortality
02. Nightmare World
03. Black Babylon
04. Evilbringer
05. Forever Failure
06. Sleepless
07. Legacy Of Blood
08. The Neptune Effect
09. Deep In Dark Waters
10. End Of Dusk

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Blog Sutil Como Uma Granada: Musas do rock/metal nacionalBlog Sutil Como Uma Granada
Musas do rock/metal nacional


Heavy Metal: quais as 10 melhores vozes da história?Heavy Metal
Quais as 10 melhores vozes da história?

Fotos de Infância: Avril LavigneFotos de Infância
Avril Lavigne


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin