Dying Fetus: aversão às modas e entretenimento para massas

Resenha - Descend Into Depravity - Dying Fetus

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

8


Não foram as frequentes mudanças de formação que amoleceram o extremismo da música do Dying Fetus desde o início de sua trajetória, lá pelo ano de 1991. Agora reduzido a um trio que tem em John Gallagher (voz e guitarra) como fundador, esta banda norte-americana de Maryland está chegando ao sexto álbum que manterá a uniformidade de sua discografia, tão consistente em termos de Death Metal, Grindcore e Hardcore.

Mesmo sem a presença de um segundo guitarrista, "Descend Into Depravity" comprova que o Dying Fetus continua pesado. Absurdamente pesado. E, melhor, apresenta maior impacto que o antecessor "War Of Attrition" (07) ao seguir uma orientação algo mais rápida, mais Death Metal. Cada músico tem oportunidades de sobra para mostrar o quanto é íntimo de seu instrumento, disparando arranjos elaborados com a já familiar e apurada técnica que resulta em reviravoltas de ritmo bem planejadas e que ocorrem sem aparente esforço.

publicidade

Individualmente, novamente é o próprio Gallagher, com seu estilo todo intrincado de tocar guitarra, que se sobressai, inclusive investindo sutilmente em mais solos. O grande destaque fica para a complexa abertura "Your Treachery Will Die With You", com velocidade, groove e diversidade vocal, seguida de perto pelas excepcionais "At What Expense" (mas que baixo!), "Shepherd's Commandment" (mas que bateria! – cortesia do novo homem das baquetas, Trey Williams) e "Descend Into Depravity".

publicidade

Em pouco mais de 34 minutos o Dying Fetus mostra tal vagalhão sonoro que fatalmente atropelará qualquer não-iniciado no Heavy Metal extremo, mantendo inabalável a natureza que a banda ostenta orgulhosamente há quase duas décadas: sua aversão às modas ou outras formas de entretenimento para as grandes massas consumidoras acharem que estão ocupadas.

publicidade

Contato:
http://www.dyingfetus.com
http://www.myspace.com/dyingfetus

Formação:
John Gallagher - voz e guitarra
Sean Beasley - voz e baixo
Trey Williams - bateria

Dying Fetus - Descend Into Depravity
(2009 / Relapse Records - importado)

publicidade

01. Your Treachery Will Die With You
02. Shepherd's Commandment
03. Hopeless Insurrection
04. Conceived Into Enslavement
05. Atrocious By Nature
06. Descend Into Depravity
07. At What Expense
08. Ethos Of Coercion




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Heavy Metal: As melhores de 2012 segundo o LoudwireHeavy Metal
As melhores de 2012 segundo o Loudwire


Cretin: transexual rompe barreiras no metal extremoCretin
Transexual rompe barreiras no metal extremo

Ozzy Osbourne: dando chega mais em Mônica Apor na coletivaOzzy Osbourne
Dando "chega mais" em Mônica Apor na coletiva


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin