RECEBA NOVIDADES ROCK E METAL DO WHIPLASH.NET NO WHATSAPP

Matérias Mais Lidas


Summer Breeze 2024

Hellfueled: próximo da vibração lamacenta do Stoner

Resenha - Memories In Black - Hellfueled

Por Ben Ami Scopinho
Postado em 06 de maio de 2008

Nota: 8

Mesmo com dois bons registros que os tornaram conhecidos principalmente na Europa, o fato é que as comparações e reclamações em função de sua semelhança com a carreira-solo de Ozzy Osbourne e Black Label Society com certeza influenciaram na decisão do Hellfueled em organizar novas idéias que permitam se aventurar por novos territórios, mas sem descaracterizar seu estilo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 1

Assim sendo, agora os suecos investem em mais melodias, tornando o quadro geral de seu terceiro álbum, "Memories In Black", próximo da vibração lamacenta do Stoner Metal e com boas doses do Hard Rock. Geralmente tudo se mantém bastante pesado, repleto de groove, com uma excelente seção rítmica e guitarras ainda melhores. Como não poderia deixar de ser, até mesmo Andy Alkman procura – mas não encontra – alternativas para deixar de ser taxado de clone do Ozzy, mas o cara nasceu com um timbre idêntico, fazer o quê...?

Com a competente produção de Fredrik Nordström (Dream Evil, Arch Enemy, Dimmu Borgir), o álbum é um prato cheio para qualquer um que aprecie o estilo. E não faltam destaques. Todas as características citadas no parágrafo anterior são encontradas em "Down", com o acréscimo de um refrão insistentemente grudento; "Monster" e "Face Your Demon" com suas bonitas estruturas melódicas; "Warzone" com algum jeitão de, oras vejam, Deep Purple... Ou ainda aquela que mais se aproxima do termo balada, a ‘viajandona’ "Again".

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 2

E, enquanto Mr Ozzy segue por uma (cansativa) fase cujos discos vêm deixando grande saudade entre os fãs da velha geração, o Hellfueled solta aquele que muitos considerarão como sendo seu trabalho mais maduro até então. Confira! "Memories In Black" está disponível no Brasil via Hellion Records, e haverá grandes chances de alguém entre os leitores ser agradavelmente surpreendido...

Formação:
Andy Alkman - voz
Jocke Lundgren - guitarra
Henke Lonn - baixo
Kent Svensson - bateria

Hellfueled – Memories In Black
2007 / Black Lodge Records – 2008 Hellion Records – nacional)

01. Rewinding Time
02. Monster
03. Sky Walker
04. Again
05. Warzone
06. Search Goes On
07. Queen Of Fire
08. Right Now
09. Face Your Demon
10. Down
11. Master Of Night
12. Slow Down

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - TAB 3

Homepage:
http://www.hellfueled.com
http://www.myspace.com/hellfueled

Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Stratosphere Project: O eco estrondoso da Via-Láctea fundindo-se nas dimensões ocultas

Perc3ption: A arte em situações extremas

"Here Comes The Rain", último registro do Magnum com Tony Clarkin, é mais um bom registro

Resenha - Nebro - Vesperaseth

Sepultura: Em plena forma e com mais um disco brilhante

Deep Purple: Who Do We Think We Are é um álbum injustiçado?

Deep Purple: Stormbringer é um álbum injustiçado?

Megadeth: recuperando a fúria que faltava


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".
Mais matérias de Ben Ami Scopinho.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS