Matérias Mais Lidas

imagemPaul Di'Anno detona Regis Tadeu após vídeo em que critica seu encontro com Iron Maiden

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemStjepan Juras retruca comentário de Regis Tadeu sobre reencontro de Di'Anno e Harris

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemA dura crítica de Angus Young a Led Zeppelin, Jeff Beck e Rolling Stones em 1977

imagemMorre Andy Fletcher, tecladista e membro fundador da banda Depeche Mode

imagemJohn Bonham, Keith Moon ou Charlie Watts, quem era o melhor segundo Ginger Baker?

imagemMorre Alan White, baterista do Yes e que gravou a clássica "Imagine", de John Lennon

imagemProdutor de "Temple of Shadows" conta problemas que teve com voz de Edu Falaschi

imagemA banda de forró que uniu Nenhum de Nós, Legião, Titãs e Paralamas na mesma música

imagemZakk Wylde relembra ídolo: "tão relevante quanto Bach, Beethoven e Mozart"

imagemComo era a problemática relação do Angra no "Aurora Consurgens", segundo produtor

imagemEncontro entre Paul Di'Anno e Steve Harris resultou em "algo que será discutido"

imagemA apaixonada opinião de Elton John sobre "Nothing Else Matters", clássico do Metallica

imagemMichael Anthony diz que "Van Halen III" foi "a coisa mais louca que a banda já fez"


Stamp

Resenha - Wet Animal - Wet Animal

Por Ben Ami Scopinho
Em 18/01/06

Nota: 7

Muitos dos leitores com certeza se lembram do Trouble, banda cristã formada em 77, e que em dezoito anos de atividades liberaram seis bons álbuns de estúdio ("Psalm 9" de 84 é um clássico!), adquirindo a merecida reputação de serem uma das bandas precursoras do doom/stoner e até mesmo white metal nos EUA.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

O mentor do Trouble foi o guitarrista Rick Wartell, que montou o Wet Animal em 1995 e, por inúmeros problemas acabou lançando este seu primeiro e auto-intitulado álbum somente agora em 2005. O conjunto se completa com Shane Pasqualla (voz e guitarra), Michael ‘Vito’ Diprima (baixo) e Jeff ‘Oly’ Olson (bateria e também ex-Trouble). E... Caramba! Este disco pegará de surpresa quem espera uma sonoridade similar à do velho Trouble!

Obviamente as conhecidas guitarras saturadas aparecem com boa frequência, mas é só o Shane abrir a boca e aí a coisa pega. A semelhança de sua voz com a de Layne Staley (Alice in Chains) é muito grande, o que pode dar a impressão equivocada de se estar ouvindo grunge.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Porém a proposta aqui é nada mais, nada menos que rock´n´roll todo distorcido com os dois pés lá nos anos 70, totalmente orientado pelas guitarras, cozinha cheia de groove, passagens acústicas e um vocalista que acerta em várias ocasiões, seja quando canta de maneira mais melódica ou crua. Wet Animal é um disco que possui ótimas canções, em especial aquelas que trilham pelo lado mais pesado da coisa.

Faixas como "Don´t Put Me Down" (perfeita, com todos os membros brilhando!), a rifframa sabbathica de "Wreathe Of The Roses", "Soul Alone" e o ótimo bônus "Relentless" conseguem levantar qualquer defunto. A simplicidade de "Outside A Hole" também contagia; como faz bem escutar músicas como estas aqui apresentadas!

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Temos também "Landminds", que pende para o hard rock de ótimos riffs e um longo solo feito por quem realmente entende do assunto. E estas são canções que possuem aquela energia atemporal, mesmo daqui a vinte anos com certeza as mesmas não deixarão de soarem atualizadas.

Mas nem tudo é brilhante, pois quando o Wet Animal se envereda pelos lados acústicos ou se deixa influenciar pelo blues, infelizmente o nível de adrenalina cai. Esta opção gerou canções que estão longe de serem ruins, mas também não possuem a energia das faixas acima citadas.

Com certeza este é um bom debut, com faixas de grande qualidade que compensam algumas poucas canções que não atraem tanta atenção. Pode não ser inovador, mas são músicos veteranos que sabem o que querem e quando acertam a mão se tornam incríveis.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Wet Animal - Wet Animal
(2005 / Escapi Music – importado)

01. Soul Alone
02. Lost In My Head
03. Outside A Hole
04. Left Behind
05. Land Mines
06. Don’t Put Me Down
07. Fade Away
08. Nomad’s Land
09. Wreathe Of The Roses
10. Relentless (faixa-bônus)

Homepage: www.wetanimal.net

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Câncer na língua: entenda a doença de Bruce Dickinson


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.