Resenha - 9.0: Live - Slipknot

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar Correções  

9


Não há muito que falar sobre os norte-americanos mascarados do Slipknot. Em dez anos de existência provaram que, por trás de um marketing poderoso, há bons músicos com muita vontade de se imporem num mercado musical bastante concorrido. Gostando ou não de suas bizarrices, a banda tem lançado discos que vendem horrores e de maneira merecida conquistou o respeito da mídia e amantes da música pesada.

Depois de três bem sucedidos álbuns de estúdio e apresentações concorridas por todo o globo, chegou a vez de "9.0: Live". Este seu primeiro registro ao vivo é duplo e traz canções capturadas entre 2004 e 2005, na tour de divulgação de "Vol. 3 (The Subliminal Verses)", trazendo 12 faixas em cada disco. Musicalmente, pode-se esperar seu heavy metal alternativo com muito de thrash metal, nu metal, hip hop, alguns efeitos eletrônicos e muita, mas muita energia.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O que mais chama a atenção neste ao vivo – além do peso e raiva absurdos que as canções exalam – é a atuação do vocalista Corey. Ele comanda, agradece e xinga num contato envolvente com seu público e obtendo uma resposta e tanto por parte deste. A atuação de Corey é tão matadora que percebe-se que ele perde um pouco de fôlego ao cantar algumas músicas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Há faixas de seus três últimos discos (nenhuma do independente "Mate.Feed.Kill.Repeat", de 97) e exemplos de como suas canções funcionam ao vivo são observadas em "Pulse Of Maggots", "Eyeless" e "Eeyore", com o baterista Joey alucinado, numa coordenação "descoordenada" que é brincadeira. E nunca iria faltar também um solo deste monstro das baquetas... A brutal "Three Nil" abre o segundo CD com um impacto e tanto. "The Heretic Anthem" e "Get This" são alguns dos vários momentos em que o público participa para valer, dando real sentido a um disco ao vivo.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Produzido pela própria banda, "9.0: Live" é uma ótima forma de conhecer o Slipknot em quase duas horas de brutalidade sonora. E, como passatempo extra, o ouvinte tem a difícil tarefa de contar a quantidade de "fucks" e derivados berrados pelo vocalista ao logo das canções... Indicadíssimo!

Formação:
- Corey #8 - Voz
- Mick #7 - Guitarra
- Sid #0 - Turntables
- Shawn #6 - Percussão
- Paul #2 - Baixo
- Joey #1 - Bateria
- Chris #3 - Percussão
- James #4 - Guitarra
- Craig #5 - Samples

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

SLIPKNOT – 9.0: Live
(2005 / Roadrunner Records – Sum Records)

Chapter nº One
01. The Blister Exists
02. (Sic)
03. Disasterpiece
04. Before I Forget
05. Left Behind
06. Liberate
07. Vermilion
08. Pulse of the Maggots
09. Purity
10. Eyeless
11. Drum Solo
12. Eeyore

Chapter nº Two
01. Three Nil
02. The Nameless
03. Skin Ticket
04. Everything Ends
05. The Heredic Anthem
06. Iowa
07. Duality
08. Spit It Out
09. People = Shit
10. Get This
11. Wait And Bleed
12. Surfacing

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Homepage: www.slipknot1.com


Outras resenhas de 9.0: Live - Slipknot

Resenha - 9.0: Live - Slipknot




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slipknot: eles já trabalham em músicas inéditas, sucedendo We Are Not Your KindSlipknot
Eles já trabalham em músicas inéditas, sucedendo We Are Not Your Kind

Knotfest Brasil: organização pergunta quais bandas devem tocar no festivalKnotfest Brasil
Organização pergunta quais bandas devem tocar no festival

Slipknot: bebê para de chorar ao ouvir o som da banda (vídeo)Slipknot
Bebê para de chorar ao ouvir o som da banda (vídeo)

Slipknot: Chris Fehn retira acusação e, ao que tudo indica, topa acordo com bandaSlipknot
Chris Fehn retira acusação e, ao que tudo indica, topa acordo com banda

Knotfest: festival é confirmado oficialmente no Brasil para 2021Knotfest
Festival é confirmado oficialmente no Brasil para 2021

Slipknot: entediado, fã recria shows da banda no jardim da casaSlipknot
Entediado, fã recria shows da banda no jardim da casa

Corey Taylor: Ele está o tempo todo com o filhão, e lamenta pela filha que foi emboraCorey Taylor
Ele está o tempo todo com o filhão, e lamenta pela filha que foi embora

Bolacha Mole Podcast: Corey Taylor sem Slipknot não seria grande coisa

Corey Taylor: ouça versão acústica de Black Eyes Blue, divulgada nesta quarta (21)Corey Taylor
Ouça versão acústica de "Black Eyes Blue", divulgada nesta quarta (21)

Slipknot: banda lança máscaras oficiais de We Are Not Your KindSlipknot
Banda lança máscaras oficiais de "We Are Not Your Kind"


Corey Taylor: vocalista acha que pode se afastar do SlipknotCorey Taylor
Vocalista acha que pode se afastar do Slipknot

Metal: E se as letras fossem posts motivacionais?Metal
E se as letras fossem posts motivacionais?


Mötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à bandaMötley Crüe
A ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda

Contra Costa Times: Os 25 melhores guitarristas da Bay AreaContra Costa Times
Os 25 melhores guitarristas da Bay Area


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Cli336 Cli336 Cli336 Cli336 Cli336