Resenha - Return Of The Champions - Queen + Paul Rodgers

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

10


Quem acreditou que após a morte de Freddie Mercury, os remanescentes Brian May (guitarra) e Roger Taylor (bateria) não iriam usar mais o nome Queen se enganou profundamente (exeção feita ao baixista John Deacon). Passados 14 anos da morte de Mercury, e inúmeras coletâneas, DVDs, participações especiais, e após muitas especulações sobre quem iria cantar na banda (George Michael, Elton John e Jeff Scott Soto foram alguns dos nomes), eis que o duo May / Taylor volta a ativa com o nome de "Queen plus Paul Rodgers", tendo como vocalista o carismático líder do Free / Bad Company. Inicialmente pensava-se que o trio iria apenas tocar músicas do Queen, mas na verdade até que eles mantiveram o respeito pela memória de seu eterno vocalista, a começar pelo nome, que mostra que Rodgers, por mais que seja talentosíssimo, jamais poderá ocupar oficialmente o posto de um dos maiores (senão o maior) "frontmans" do rock and roll.

Sabe o termo "jogo ganho"? Este se encaixa perfeitamente ao conteúdo deste DVD (lançado inicialmente em CD duplo). 29 músicas, a maioria do Queen, e alguns números da carreira de Rodgers, interpretados com competência ímpar pela banda, que é acompanhada por Spike Edney nos teclados, Jamie Moses na segunda guitarra e Danny Miranda no baixo (o titular do posto John Deacon não quis participar desta empreitada). Juntos, eles percorreram a Europa numa série de shows super-lotados, com muito sucesso. A apresentação filmada ocorreu em Sheffield, em 9 de maio de 2005.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Rodgers inicia os trabalhos sozinho em "Reaching Out", mas rapidamente May e Taylor juntam-se a ele para "Tie Your Mother Down", "I Want To Break Free", "Fat Bottomed Girls", "Another One Bites The Dust" e "Crazy Little Thing Called Love". É revigorante ouvir estes clássicos novamente, interpretados por alguns dos músicos que os criaram e gravaram. Acerca de Rodgers, ele desempenha com competência seu papel, não imitando Freddie Mercury em nenhum momento, o que pode até soar estranho em algumas músicas, mas mostra o respeito que o vocalista mantém pelo eterno ídolo que imortalizou o rock com seu jeito único de ser e se apresentar.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Neste momento ocorre um fato inusitado no DVD: Rodgers sai de cena e várias músicas são executadas com May e Taylor se revezando nos vocais: enquanto Taylor se dá muito bem em "Say It´s Not True", "Let There Be Drums" (eita batera porreta!), "I´m In Love With My Car", "These Are The Days of Our Lives" e sua cria "Radio Ga Ga" (ótima execução por sinal), May emociona a platéia com "Love Of My Life", sozinho no violão (faltava Mercury para lhe complementar), uma versão acústica de "Hammer To Fall" e "Last Horizon".

publicidade

Paul volta a cena para a execução de números seus, como "Feel Like Making Love" e "All Right Now", enquanto que o grupo completo arrasa em "Bohemian Rhapsody", "I Want it All", "The Show Must Go On" (mas falta o clima emocionante de Freddie Mercury) e encerram com chave de ouro com o trio "We Will Rock You", "We Are The Champions" e "God Save the Queen". De bônus, uma linda versão de "Imagine" (John Lennon), gravada no Hyde Park, em Londres, em memória ás vítimas dos atentados de 7 de julho na capital inglesa.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uma estrutura suntuoso e com uma ponte que vai até o meio do palco, e um jogo de luzes eficiente completam o grande espetáculo aqui mostrado. Um show forte, firme e coeso, que realmente é digno de levar o nome Queen. Um DVD sem extras, mas com uma apresentação muito convincente.

Fiquei em dúvida se daria ou não a nota máxima para este produto, pois a palavra "oportunista" não saía de minha cabeça (afinal May não conseguiu emplacar nada de relevante em sua carreira solo, apesar de ter lançado o excelente "Another World", e Taylor nada fez também). Mas tirar o 10 deste produto seria injusto, já que o único elemento que faltou para a perfeição do evento estava assistindo tudo lá de cima: Freddie Mercury.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Site Oficial:www.queenpluspaulrodgers.com

EMI – 2005 (Nacional)




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Queen: na época, eles acharam que show no Live Aid havia sido até que meio okQueen
Na época, eles acharam que show no Live Aid havia sido "até que meio ok"

Queen: apoiadores de Trump cantam We Are The Champions e internautas repudiamQueen
Apoiadores de Trump cantam "We Are The Champions" e internautas repudiam

Brian May: Ele espera que ainda dê tempo para os EUA se curarem do dano que foi feitoBrian May
Ele espera que ainda dê tempo para os EUA se curarem do dano que foi feito

Rock in Rio: festival terá mais pop e menos rock em 2021, diz jornalistaRock in Rio
Festival terá mais pop e menos rock em 2021, diz jornalista

Brian May: Grato por estar vivo após a hemorragia estomacal, diz o guitarristaBrian May
Grato por estar vivo após a hemorragia estomacal, diz o guitarrista

Brian May: Sai versão matadora de I Am a Woman em apoio a batalha contra o câncerBrian May
Sai versão matadora de "I Am a Woman" em apoio a batalha contra o câncer

Queen: banda indiana grava ótima versão para Bohemian RhapsodyQueen
Banda indiana grava ótima versão para "Bohemian Rhapsody"

Eddie Van Halen: Eu amo sua música, e sempre amarei, disse Brian MayEddie Van Halen
"Eu amo sua música, e sempre amarei", disse Brian May

Queen: Rihanna zoa time adversário cantando clássico da bandaQueen
Rihanna zoa time adversário cantando clássico da banda

Queen: Brian May revela sua música favorita da banda - e a escolha é inusitadaQueen
Brian May revela sua música favorita da banda - e a escolha é inusitada


Queen: Freddie Mercury é o melhor vocalista da história, segundo a ciênciaQueen
Freddie Mercury é o melhor vocalista da história, segundo a ciência

Freddie Mercury: Gloria Maria não falava inglês mas conseguiu entrevistá-loFreddie Mercury
Gloria Maria não falava inglês mas conseguiu entrevistá-lo


Tarja: agredida sexualmente por fã durante show no México em 2000Tarja
Agredida sexualmente por fã durante show no México em 2000

Ozzy Osbourne: Fim do Guns foi a maior tragédia do rockOzzy Osbourne
Fim do Guns foi a maior tragédia do rock


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

Cli336 Cli336 WhiFin Cli336 Cli336