Resenha - Colours - NEXX

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Nexx se originou na cidade de Madri em 2000, sendo que nos últimos tempos vinha tendo ótimas avaliações pelas suas apresentações ao vivo, chamando tanta atenção que foi convidado a fazer parte do cast do selo inglês Now & Then, o que permitiu ao conjunto debutar em grande estilo com este "Colours" em 2003, que agora está chegando ao mercado brasileiro.

Nightwish: Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãsOrtografia: como deveriam realmente se chamar as bandas?

Em sua formação estão Patricia Tapia (voz), Bernardo Llobregat (guitarra), Jose A. De La Banda (baixo), Francisco J. Rodriguez (teclados) e Oscar Pérez (bateria), todos grandes músicos que souberam colocar ótimos momentos nas doze canções deste registro, tornando sua audição bastante prazerosa.

As referências do hard rock melódico e AOR oitentista são inúmeras, porém estão misturadas de maneira tão convincente que resultaram em um trabalho que atingiu um nível bastante pessoal. A competência da vocalista Patrícia mostra facilmente que ela não está lá só porque o Nexx quis uma mulher à frente da banda; ela canta muito bem, de maneira clara e apaixonada suas bonitas letras. Outro destaque é o versátil guitarrista Bernardo, que domina seu instrumento tanto nos momentos com mais de peso como nas canções com andamento swingado ou lento.

Todas as canções de "Colours" são dignas de atenção, trazendo em suas estruturas as linhas de guitarras com teclados misturados de maneira eficaz, porém "Get Fire", com seu ótimo trabalho nas seis cordas e refrão marcante merece relevância. "Arches Of Faith" e "Wake Up" mostram o quanto Patrícia tem uma voz interessante e uma banda inspirada em suas composições. E este disco não poderia fechar de maneira diferente: "40 Days & 40 Nights" é a curta balada orientada pelo piano onde a cantora prima pela emoção.

Se você aprecia aquela música acessível, quase pop, na linha dos melhores momentos Heart, Jouney e similares, não deixe de conferir as belas harmonias que "Colours" apresenta. Haverá grandes chances dos espanhóis do Nexx irem parar em sua prateleira e o CD não parar de rolar no aparelho...

NEXX - Colours
(2003/Now & Then - 2005/Hellion Records)

01. Arches Of Faith
02. Remember
03. Get Fire
04. Indifference
05. Sitting There
06. Wake Up
07. After The Storm
08. In A Blue Moon
09. One More Day
10. Good Time Comes
11. If You Could Read My Mind
12. 40 Days & 40 Nights

Homepage: www.webnexx.com




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Nexx"


Nightwish: Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãsNightwish
Participação de Dawkins em álbum irritou alguns fãs

Ortografia: como deveriam realmente se chamar as bandas?Ortografia
Como deveriam realmente se chamar as bandas?

Cinema: As 10 melhores aparições de bandas em filmesCinema
As 10 melhores aparições de bandas em filmes

Metal sueco: site elege as dez melhores bandas da SuéciaMetal sueco
Site elege as dez melhores bandas da Suécia

Rolling Stone: As 500 melhores músicas segundo a revistaRolling Stone
As 500 melhores músicas segundo a revista

Iron Maiden: a origem da introdução da música The PrisonerIron Maiden
A origem da introdução da música The Prisoner

Noisecreep: os 10 melhores álbuns duplo do rockNoisecreep
Os 10 melhores álbuns duplo do rock


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336