Resenha - Aeronautics - Masterplan

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9


Após dois anos do estrondoso e até mesmo inesperado sucesso de seu debut, o Masterplan chega agora com seu segundo trabalho denominado "Aeronautics". E, embora este não tenha o impacto de seu antecessor, apresenta uma ligeira mudança, trazendo maior homogeneidade em suas composições que com certeza proporcionará altas doses de satisfação aos amantes da música pesada.

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1987A7X: Curiosidades sobre a banda que talvez você não saiba

A sua formação conta com Jorn Lande (vozes), Roland Grapow (guitarras), Jan S. Eckert (baixo), Uli Kusch (bateria) e Axel Mackenrottn (teclados). Sobre Axel, aqui ele realmente toca seu instrumento (no primeiro registro o tecladista foi o talentoso e jovem Janne Wirman, do Children of Bodom) e este possui uma linha musical mais neoclássica, que se enquadrou muito bem na sonoridade do Masterplan.

As composições de "Aeronautics" desta vez trazem a participação de todos os membros e se firmou em uma sonoridade de um Heavy Metal clássico com ótimo trabalho nas guitarras e várias mudanças no andamento em sua música. Não é somente a potente e versátil voz de Jorn que brilha aqui, Grapow apresenta uma ótima e inspirada fase nas seis cordas de sua Gibson que, com o entrosamento que o time está, a banda conseguiu definir sua própria identidade, fugindo dos clichês do Heavy Metal.

Totalmente desnecessário citar algumas canções. Escutar "Aeronautics" é não saber o que vem pela frente, tal o nível de criatividade. São harmonias perfeitas, ora progressivas, ora mais hard, sempre cheias de distorção, com uma leve tendência retrô que, somada a uma gravação bastante encorpada e moderna, resultou num registro que será um dos destaques de 2005.

Finalizando, deixo uma dica: tente adquirir a versão argentina de "Aeronautics", pois esta vem com quatro faixas-bônus. No Brasil, estas quatro canções sairão em um EP, ou seja, o prezado consumidor terá que pagar bem mais para adquirir somente duas canções inéditas. Foram-se os tempos em que as distribuidoras de nosso país davam aquela força ao público headbanger...

MASTERPLAN - Aeronautics
(2005 - AFM Records / Icarus Music)

01. Crimson Rider
02. Back For My Life
03. Wounds
04. I'm Not Afraid
05. Headbanger's Ballroom
06. After This War
07. Into The Arena
08. Dark From The Dying
09. Falling Sparrow
10. Black In The Burn

bônus:

01. Back For My Life (versão de single)
02. Love Is A Rock
03. Killing In Time
04. Killing In Time (versão instrumental)

Homepage: www.master-plan.net


Outras resenhas de Aeronautics - Masterplan

Resenha - Aeronautics - MasterplanResenha - Aeronautics - Masterplan




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Masterplan"


Uli Kusch: Michael Jackson utilizava ingredientes do Metal em seu trabalhoUli Kusch
"Michael Jackson utilizava ingredientes do Metal em seu trabalho"

Power Metal: As bandas mais populares segundo o FacebookPower Metal
As bandas mais populares segundo o Facebook

Masterplan: segundo Grapow, Jorn Lande nunca fez nada pela bandaMasterplan
Segundo Grapow, Jorn Lande nunca fez nada pela banda


Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1987Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1987

A7X: Curiosidades sobre a banda que talvez você não saibaA7X
Curiosidades sobre a banda que talvez você não saiba

Motorhead: a gafe nazista de Lemmy em NurembergMotorhead
A gafe nazista de Lemmy em Nuremberg

Ozzy Osbourne: O Rio de Janeiro é uma porra duma merda!Ozzy Osbourne
"O Rio de Janeiro é uma porra duma merda!"

Bruce Dickinson: foi difícil evitar as drogas durante toursBruce Dickinson
Foi difícil evitar as drogas durante tours

Tony Iommi: Eu não faço música para ofender as pessoasTony Iommi
"Eu não faço música para ofender as pessoas"

Aquiles Priester: Os cinco álbuns mais marcantes da vida deleAquiles Priester
Os cinco álbuns mais marcantes da vida dele


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336