Resenha - Into The Dust - Into The Dust

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos


Formado em 1996, o brasiliense Into The Dust apostam no doom pesado, com fortes influências de Black Sabbath e Candlemass (principalmente no vocal). Estas influências geram um som pesado, lento e cadenciado, que se assemelha muito ao praticado pelo Cathedral.

Slipknot: Corey explica as nojentas desvantagens das máscarasLoudwire: as dez melhores bandas da era Grunge

Este cd-demo (muito caprichado por sinal) vêm com 5 faixas (mais uma surpresa escondida), sendo todas basicamente inspiradas em ritmos cadenciados, com vocais guturais e guitarras pesadas em baixa afinação. O resultado é bom, principalmente em faixas como "Unclean" e a mais agressiva "Guilty as a Sin" (com boas mudanças de andamento).

A faixa "Signs (New Order's Human) é a que mais se aproxima do som "sabbathico", principalmente nos riffs de guitarra. Já "Overturned" parece saída de um álbum do Candlemass, com sua levada lenta, mas por outro lado ecos do trash oitentista ecoam não só nesta faixa (algumas semelhanças com "Propaganda" do Sepultura aparecem nitidamente) mas em todo o cd.

O conjunto é competente e a demo merece atenção, sendo seu único senão a produção, que ficou meio abafada, comprometendo um pouco a qualidade do conjunto, mas nada que não se possa acertar no futuro. Bom começo.

Line Up:
Sandro Santos - Baixo
Betto Nossat - Guitarra/Vocal
Glauber Rodrigues - Guitarra
Humberto Medeiros - Bateria

Contatos:
Cx. Postal 2647 - Brasília - DF
Cep: 70279-970
Email: into_the_dust@hotmail.com e nossat@hotmail.com




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Into The Dust"


Slipknot: Corey explica as nojentas desvantagens das máscarasSlipknot
Corey explica as nojentas desvantagens das máscaras

Loudwire: as dez melhores bandas da era GrungeLoudwire
As dez melhores bandas da era Grunge

Metallica: James Hetfield imitando Dave Mustaine na TVMetallica
James Hetfield imitando Dave Mustaine na TV

Fotos de Infância: Dave Mustaine, do MegadethFotos de Infância
Dave Mustaine, do Megadeth

Sgt. Peppers: O mais importante disco da história?Sgt. Peppers
O mais importante disco da história?

Roqueiro poser: 100 regras essenciais para se tornar umRoqueiro poser
100 regras essenciais para se tornar um

Whitesnake: em raro momento, Coverdale elogia John SykesWhitesnake
Em raro momento, Coverdale elogia John Sykes


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.