Matérias Mais Lidas

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemTestament está confirmado na edição brasileira do Summer Breeze, segundo jornalista

imagemRick Wakeman relembra época em que o Yes abria show para o Black Sabbath

imagemA dura bronca dos Titãs em Nando Reis durante gravação de "Titanomaquia"

imagemRolling Stones: Keith Richards compara tocar com Brian Jones, Mick Taylor e Ron Wood

imagemShow do Dream Theater em São Paulo não será mais realizado no Pavilhão Pacaembu

imagem4 hits do Deep Purple cujos riffs Ritchie Blackmore já confessou ter copiado

imagemA reação de Stevie Ray Vaughan ao ouvir Jimi Hendrix pela primeira vez

imagemRob Trujillo presta tributo ao Rage Against The Machine após shows em Nova Iorque

imagemThin Lizzy e o álbum picareta de covers do Deep Purple que garantiu sua sobrevivência

imagemO hit dos Engenheiros sobre Humberto não querer ser guru dos jovens igual Renato Russo

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"

imagemPor que o processo de composição da Legião Urbana e Engenheiros era tão diferente?

imagemCinquenta grandes músicas lançadas por bandas de rock e heavy metal em 2022


Stamp

Resenha - Illusion Existence - Orion

Por Rafael Carnovale
Em 10/10/03

Este cd demo possui uma falha imperdoável em se tratando de demos: falta de informação e falta de emails/telefones para contato. Como pode-se conhecer a banda ou se saber algo dela se sequer ela informa algo para você? Claro que pode-se pesquisar pela net, mas uma demo que se preze precisa ter cuidado de mostrar pelo menos algo da banda.

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

A banda apresenta 5 faixas, aonde investe num heavy/death com vocais ora guturais ora limpos: "Living Agony" e "Lord Byron" são duas pancadas que honram qualquer trabalho de death/heavy, com belas guitarras e uma produção impecável.

Já "Tragedy" traz um lado mais calcado para o gótico, com uma levada mais cadenciada, mas marcada por mudanças de andamento que misturam heavy e death. O vocalista tem um potencial marcante, tanto para vocais limpos e agudos, como para os guturais.

"Slaves of Yourselves" é um bom exemplo de como fazer um heavy calcado em bases góticas sem parecer cansativo, com bom trabalho coletivo e um resultado cativante. De bônus, um excelente cover para "Blood of the Kings" do Manowar, com resultados excelentes, principalmente no vocal, mesmo que o vocalista evite os tons altos de Mr. Eric Adams.

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Um bom trabalho. Um cuidado maior na confecção da embalagem seria bem vindo, pois o conteúdo é excelente.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net



publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Van Halen: o constrangedor encontro de Eddie com o Nirvana

A importância da revista Playboy na vida de alguns rockstars


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale.