Matérias Mais Lidas

Iron Maiden: James LaBrie recusou audição para assumir o lugar de Bruce DickinsonIron Maiden: James LaBrie recusou audição para assumir o lugar de Bruce Dickinson

Andrea Meyer: família emite comunicado sobre vítima do ataque com flechas na NoruegaAndrea Meyer: família emite comunicado sobre vítima do ataque com flechas na Noruega

Dream Theater: confira A View From The Top Of The World, novo álbum da bandaDream Theater: confira "A View From The Top Of The World", novo álbum da banda

Skank: a frase homofóbica que Samuel Rosa se arrependeu de ter dito para livro de LeoniSkank: a frase homofóbica que Samuel Rosa se arrependeu de ter dito para livro de Leoni

Judas Priest: Rob Halford revela qual é a sua música definitiva da bandaJudas Priest: Rob Halford revela qual é a sua "música definitiva" da banda

Epica: quase fui queimada viva, relembra Simone Simons sobre acidente na HolandaEpica: "quase fui queimada viva", relembra Simone Simons sobre acidente na Holanda

Metal Sinfônico: os 25 melhores álbuns do gênero segundo a revista Metal HammerMetal Sinfônico: os 25 melhores álbuns do gênero segundo a revista Metal Hammer

Gene Simmons: Minha vista está boa e meu bilau funciona! Tá bom, né?Gene Simmons: "Minha vista está boa e meu bilau funciona! Tá bom, né?"

Doom Metal: Os 10 melhores grupos, pela Classic Rock HistoryDoom Metal: Os 10 melhores grupos, pela Classic Rock History

Black Label Society: Zakk Wylde finalmente concluiu Farewell Ballad e irá lançá-laBlack Label Society: Zakk Wylde finalmente concluiu "Farewell Ballad" e irá lançá-la

Mayhem: baixista conta porque é comparado ao baixinho irritado do MetallicaMayhem: baixista conta porque é comparado ao "baixinho irritado" do Metallica

Metal: 6 discos que serão lançados em novembro e merecem a sua atençãoMetal: 6 discos que serão lançados em novembro e merecem a sua atenção

Dream Theater: Petrucci frustrado por causa da turnê; essa decisão não foi unânimeDream Theater: Petrucci frustrado por causa da turnê; "essa decisão não foi unânime"

Dani Filth: Faust contou que havia matado alguém, mas ele duvidou; me senti cúmpliceDani Filth: Faust contou que havia matado alguém, mas ele duvidou; "me senti cúmplice"

David Ellefson: ele conta como esposa e filhos reagiram após vazamento dos vídeosDavid Ellefson: ele conta como esposa e filhos reagiram após vazamento dos vídeos


Stamp

Resenha - Dance of Shadows - Silent Cry

Por Rafael Carnovale
Em 19/01/03

Nota: 9

Após mudanças no Line-Up, os mineiros do Silent Cry retornam à cena com seu mais novo petardo. "Dance of Shadows" reforça o som gótico e com climas atmosféricos que já consagrou a banda, com uma grande diferença: agora, riffs agressivos de guitarra se juntam aos teclados e climas atmosféricos, dando uma sonoridade muito particular e agradável.

As duas primeiras faixas: "The Half Light" e "Two Worlds" nos remetem ao estilo gótico atmosférico propriamente dito. Com bons duelos vocais entre Ana Márcia (uma voz muito agradável) e Dilpho Castro, as músicas mostram o Silent Cry de sempre, afundado no estilo que já é conhecido, apesar de um riff mais heavy tradicional aqui e ali. "Dance of Shadows" já começa a mostrar algumas mudanças, principalmente no excelente trabalho de guitarras, que apesar de ainda tender para o metal gótico, já cai no gosto dos apreciadores do bom e velho heavy metal.

A coisa esquenta mesmo é nas faixas "My Evil", com sua pegada thrash à lá Metallica, que empolga logo de início e na quase black "Victory’s Time", que com suas mudanças de andamento consegue algo inusitado: mesclar a agressividade do black com os nuances do progressivo. A banda está afiadíssima, senão não conseguiria tais resultados.

Faixas como as baladas "Silent Scream" e "Only to Love You" são bem legais e muito bem arranjadas, e a banda cai de vez no heavy com a faixa "Beyond the Silent Night", que lembra de leve o trabalho dos finlandeses do Nightwish. Só que com muito mais peso.

Um grande cd. Parabéns a banda, que após várias mudanças no line-up consegue produzir um cd que foge diretamente do gótico, mas sem se descaracterizar.

Site oficial: www.silentcry.musicpage.com.br

Line Up:
Dilpho Castro – Guitarras, Vocais
Ana Márcia – Vocais
Albenez Carvalho – Vocais
Roberto Freitas – Baixo
Flávio Jr. – Bateria.

Material Cedido por:
Avernus Records / Silent Cry
http://www.silentcry.musicpage.com.br
email: [email protected]
Governador Valadares – MG

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Tunecore 2
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Blog Sutil Como Uma Granada: Musas do rock/metal nacionalBlog Sutil Como Uma Granada
Musas do rock/metal nacional

Gothic/Doom/Atmospheric/Neoclassical: Os melhores discos - Parte 1Gothic/Doom/Atmospheric/Neoclassical
Os melhores discos - Parte 1


Guns N' Roses: Mauricio de Sousa, o criador da Turma da Mônica, odeia a banda?Guns N' Roses
Mauricio de Sousa, o criador da Turma da Mônica, odeia a banda?

Túmulos: alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUATúmulos
Alguns dos jazigos mais famosos do Metal nos EUA


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale.