Matérias Mais Lidas

imagemMarcello Pompeu agradece mobilização de fãs

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemGene Simmons compartilha tweet com meme da ex-presidente Dilma Rousseff

imagemNicko McBrain, do Iron Maiden, mostra o seu novo (e enorme) kit de bateria

imagemEvanescence coloca baixista no cargo de guitarrista e anuncia nova baixista

imagemO reencontro entre Steve Harris e Paul Di'Anno na Croácia

imagemÍcone do metal é alvo de críticas por tocar com músico condenado por assassinato

imagemDave Mustaine, do Megadeth, inicia vida de youtuber e mostra o ônibus de turnê da banda

imagemMetallica divulga vídeo oficial da clássica "For Whom The Bell Tolls" ao vivo em SP

imagemLars Ulrich diz que shows do Metallica na América do Sul foram incríveis

imagemMark Tremonti, do Alter Bridge, revela que é grande fã de lendária banda de metal

imagemFrank Zappa disse a Steve Vai que ele soava como "um pão com mortadela elétrico"

imagemVocalista do Greta Van Fleet não entende os haters: "parece a p**** de uma religião"


Stamp

Resenha - Silver Step Child - USM

Por Thiago Sarkis
Em 07/01/02

Nota: 8

Por mais estranho que seja e mesmo com o nome anunciando o contrário, o United States Of Mind (USM) é exatamente a versão por completo inglesa do Balance Of Power. Na formação do projeto, estão três músicos da banda, incluindo Tony Ritchie nos vocais, ao invés do norte-americano Lance King.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

"Silver Step Child" é, no mínimo, um disco bem agradável. Uma mistura simples e eficiente de metal, hard rock e AOR. Em alguns instantes deste debute, pode se ver com clareza a imagem de Ozzy Osbourne e Zakk Wylde, refletida na química perfeita entre Tony e Pete Southern. Individualmente, não existem muitas semelhanças, mas como dupla, eles parecem dar os mesmos passos.

Lionel Hicks também merece destaque, pois além de um belo papel na bateria, ainda deu show na produção, deixando tudo límpido, impecável.

As músicas, em sua maioria, são corretas. "Beneath The Low", "Silver Step Shild", "The Time Of Our Lives", "Kiss The Sun", entre outras, têm lá suas passagens empolgantes, todavia, a ordem parece ser agradar com o básico e mais direto possível.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Apesar de não ser fantástico, o primeiro álbum do USM tem a vantagem de se adaptar a qualquer momento e hora. Não é um típico caso de não fede, nem cheira. Pelo contrário. Sozinho ou com os amigos, discutindo ou dormindo, transando ou jogando paciência, independe; as dez músicas aqui presentes sempre cairão bem.

Material cedido por:
Nightmare Records – http://www.nightmare-records.com
7751 Greenwood Drive, Saint Paul,
Minnesota (MN) – 55112 - USA
Email: [email protected]

Tony Ritchie (Vocais, Baixo & Teclados adicionais)
Pete Southern (Guitarras)
Lionel Hicks (Bateria & Teclados adicionais)

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis.