Resenha - Greater Of Two Evils - Anthrax

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar Correções  

8


Não dá pra entender as atitudes de Scott Ian e Charlie Benante. Primeiro tiraram Joey Belladonna, depois ficaram quase uma década tentando fixar John Bush. Bem, quando finalmente o fazem, com os excelentes "We’ve Come For You All", "Music Of Mass Destruction", e este admirável "The Greater Of Two Evils", decidem voltar com Belladonna. Uma zorra!

Em 21/07/1998: Anthrax lançava Volume 8; The Threat is Real

Wonder Years: O soundtrack do grande sucesso de público e crítica

A despeito de tudo isso, falemos deste álbum lançado pela Century Media no Brasil, contendo quatorze dos maiores clássicos do Anthrax na voz de seu terceiro vocalista.

Discutir questões técnicas é bobagem, pois Bush dá um baile em seus dois predecessores. Todavia, algumas músicas tomaram dimensão tal pelas performances aguerridas de Neil Turbin e Joey Belladonna, que é difícil desprenda-las de seus respectivos cantantes. É o que acontece

com "Deathrider", "Gung-Ho", "A.I.R", "Panic", apesar de suas regravações melhores produzidas em 2004 do que 1984, ’85, ’87, por fatores óbvios.

A prática, porém, fez John Bush colocar sua própria marca e até superar as primeiras versões de várias músicas, dentre elas, "Caught In A Mosh", "Keep It In The Family", "Belly Of The Beast", "N.F.L.". Em tantas outras ele chega muito próximo às originais, e nunca, em quaisquer delas, prejudica ou faz feio.

Frank Bello, Scott Ian, e Charlie Benante são destruidores em seus respectivos instrumentos, com a crueza e ferocidade de décadas atrás, unidas a um toque mais experiente e técnico que têm na atualidade. Já Rob Caggiano, até que segura a onda, mas sem dúvida se o Anthrax fez algo de muito certo, nessas idas e vindas de sua carreira, foi chamar Dan Spitz de volta para a guitarra solo.

A realidade agora é outra e, inversamente à mensagem deste álbum, o Anthrax limita-se e, com Belladonna nos vocais, elimina parte de sua trajetória. Será que ele leva "Only", "What Doesn’t Die", "Room For One More", "Fueled" e "Inside Out" com a tranqüilidade de John Bush ao interpretar músicas de outras eras, como evidencia-nos "The Greater Of Two Evils"? Eu duvido...

John Bush (Vocais)
Scott Ian (Guitarras – Backing Vocals)
Rob Caggiano (Guitarras)
Frank Bello (Baixo – Backing Vocals)
Charlie Benante (Bateria)

Material cedido por:
Century Media Records – http://www.centurymedia.com.br
Caixa Postal 1240 São Paulo SP 01059-970 BRASIL
Telefone: (0xx11) 3097-8117 / +55-11-3097-8117
Fax: (0xx11) 3816-1195 / +55-11-3816-1195
Email: [email protected]


Outras resenhas de Greater Of Two Evils - Anthrax

Anthrax: Em 2004, John Bush mostrava quem manda

Resenha - Greater of Two Evils - Anthrax




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Em 21/07/1998: Anthrax lançava Volume 8; The Threat is Real

Anthrax: Frank Bello pede que as pessoas utilizem as máscarasAnthrax
Frank Bello pede que as pessoas utilizem as máscaras

Kiss: Charlie Benante e namorada gravam cover de C'mon And Love MeKiss
Charlie Benante e namorada gravam cover de "C'mon And Love Me"

Lista: a melhor banda de metal de cada estado dos EUA, segundo a KerrangLista
A melhor banda de metal de cada estado dos EUA, segundo a Kerrang

O Mapa do Metal: grandes bandas de metal dos Estados Unidos - Parte 1O Mapa do Metal
Grandes bandas de metal dos Estados Unidos - Parte 1

Lista: clássicos do metal lançados a partir do ano 2000Lista
Clássicos do metal lançados a partir do ano 2000

Anthrax: guia com (quase) todas as formações da bandaAnthrax
Guia com (quase) todas as formações da banda

Sepultura: guitarrista Scott Ian toca Cut-Throat junto da banda (vídeo)Sepultura
Guitarrista Scott Ian toca "Cut-Throat" junto da banda (vídeo)

Anthrax: Charlie Benante se junta a Darryl McDaniels e grava medley do Run-D.M.C.

Anthrax: Edição comemorativa de Persistence Of Time com DVD inéditoAnthrax
Edição comemorativa de Persistence Of Time com DVD inédito


Heavy Metal: os 10 melhores EPs de todos os temposHeavy Metal
Os 10 melhores EPs de todos os tempos

Rap e Metal: cinco colaborações que funfaramRap e Metal
Cinco colaborações que funfaram


Wonder Years: O soundtrack do grande sucesso de público e críticaWonder Years
O soundtrack do grande sucesso de público e crítica

Slipknot: veja a evolução das máscaras de cada integrante da estreia aos dias atuaisSlipknot
Veja a evolução das máscaras de cada integrante da estreia aos dias atuais


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin adWhipDin adWhipDin