Em 16/04/2011 | Behemoth: Primeira entrevista com Nergal após o tratamento

WHIPLASH.NET - Rock e Heavy Metal!

Behemoth: Primeira entrevista com Nergal após o tratamento


  | Comentários:

Segurar o fôlego por sete meses é um longo tempo, mas isso é o que os fãs de metal fizeram desde o final de agosto, quando o vocalista do Behemoth, Adam "Nergal" Darski, foi diagnosticado com leucemia. Nergal, um adversário formidável de fanáticos religiosos e seu desprezo pelos seus direitos humanos, agora já não lutava por sua liberdade, mas por sua sobrevivência.

Para os fãs, o anúncio foi um novo choque que veio impiedosamente logo após as perdas de Peter Steele e Ronnie James Dio. Mas Nergal foi submetido a um transplante de medula óssea bem-sucedido em dezembro. Porém outro susto veio no final de janeiro após uma infecção, levando Nergal de volta ao hospital.

Em recente entrevista para o site MetalSuck, Nergal revelou detalhes do seu tratamento, como se sentiu e mais algumas outras curiosidades, como foi a batalha para se manter forte frente à doença, e como foi importante o apoio de todos (fãs, colegas, amigos, esposa, etc). Portanto pare o que você estiver fazendo e leia as palavras de um homem enfraquecido, mas que continua tão forte, como o mais poderoso entre nós. Nós amamos o cara - e nós temos a prova. Nergal está de volta.

MetalSucks: É ótimo ouvir sua voz novamente! Como você está se sentindo hoje?

Na verdade, estou muito bem, obrigado. Estou progredindo. Não é como eu estivesse completamente saudável ou algo assim. Mas eu tenho uma nova medula óssea e foi tudo bem com o transplante. A nova medula óssea foi aceita pelo meu organismo. Ela não está lutando contra o meu organismo, que é o que acontece muito frequentemente em tais casos. Mas no meu caso, tudo está indo conforme o planejado. Não houve atrasos. Meu sangue foi verificado a cada semana, e agora a cada duas semanas, então na verdade eu reduzi a quantidade de exames de sangue que estavam sendo feitos. Tudo está indo quase perfeito e na direção que deveria ir. Não há nenhuma razão para estar preocupado. Fisicamente eu estou ficando melhor. Obviamente, os meus músculos não são os mesmos, não estão tão fortes. Eu me canso muito facilmente ainda. Mas está ficando melhor. Por exemplo, «risos», há três semanas, eu tentei fazer flexões, eu fiz três. Eu hoje fiz 11. Isso lhe prova que estou melhorando a cada momento, e cada flexão que conseguir, me fará feliz. «Risos»

MetalSucks: «Risos» Que um alívio.

Parece engraçado, talvez, mas quando você assiste a filmes como “Rocky” e “The Wrestler”, você vê o cara cair e, em seguida, ele ainda se levanta e fica mais forte - é quase a mesma coisa. É a partir de zero, a partir da própria fundação. Isso me mantém lutando.

MetalSucks: Isso é uma notícia incrível. De volta para quando o diagnóstico foi divulgado pela primeira vez, as pessoas do metal entraram em ação e colocaram em cena unidades de medula óssea em todo o mundo. Foi gratificante informar várias pessoas sobre essa doença?

Primeiro de tudo, eu nunca esperava um suporte massivo, para ser honesto. Não só de amigos e apoiadores do Behemoth, mas as pessoas que não estiveram em contato durante anos. Chegavam assim: "Existe alguma coisa que podemos fazer para ajudar?" e tinham muitas pessoas que solicitavam exames de medula óssea – pois você tem que ser testado primeiro - e essas pessoas estavam tentando contribuir. O que foi incrível.

E a comunidade do metal reagiu imediatamente e continuamente, era grande. Eu recebi milhares de e-mails quando a notícia se espalhou, e a resposta a esta notícia ... não houve um único comentário negativo. Eu realmente não esperava que a comunidade do metal extremo fosse muito simpática, ter empatia, e ficar «pausa» ... preocupada. Mas eles estavam totalmente dentro da causa, pois eles estavam todos prontos para me apoiar e me ajudar. Eu realmente não preciso de dinheiro, o meu seguro de saúde pagou tudo direitinho. Mas eu tinha ofertas de pessoas do tipo: "Nós vamos coletar e enviar-lhe dinheiro." Então eu dizia, "Eu não preciso de dinheiro, caras. Mas o que você pode fazer é conversar com outras pessoas e aumentar a consciência do que é a leucemia. Converse com eles sobre as doações de medula óssea e a respeito de se registrado para doar". Isso é tudo que eu precisava.

Posso dizer-lhe isso agora «pausa» ... logo depois que eu fiquei doente a fundação encontrou uma combinação perfeita de doadores. Mas nós não queriamos revelar isso para o público pelo do movimento de ajuda ter sido tão incrível. A coisa estava progredindo! E todo mundo estava batalhando, então eu pensei: "Porra, não! Eu não quero acabar com essa merda!". Foi louco pra mim! As pessoas ficaram doidas, fazendo tudo para me ajudar. Foi simplesmente fantástico. Posso dizer-lhe - não apenas para fazer as pessoas chorar - mas houve momentos em que eu estava lendo os comentários e e-mails de pessoas, e havia lágrimas nos meus olhos. Foram muito humanitárias. Merda, eu não sei como você chama isto, mas foi incrível. Há muitas pessoas que apreciam o que você faz, musicalmente, elas o apreciam como pessoa e como indivíduo, e eles têm fé em você. Isso é maravilhoso. «Risos»

Isto realmente trouxe de volta um monte de fé nos seres humanos depois do que aconteceu. Eu era muito cético sobre toda a raça humana, e ainda sou. Há muita coisa que me irrita e me torna... «pausa» pessimista sobre o futuro da raça humana. Mas agora é, porra, algo sim, nem está tudo perdido! Ainda existem seres humanos reais lá fora, que sentem, que são reais. Essa é uma lição que eu sou muito grato.

MetalSucks: Fiquei chocado com a amplitude e a rapidez de reação da comunidade do metal. Eu acho que vamos olhar para trás para isto como um grande momento para nós.

Você sabe o que é engraçado Às vezes uma banda recebe muito amor e outras vezes você tem pessoas «pausa» ferrando a banda e tendo essa atitude “foda-se” sem razão. Eu acho que isto é realmente fraco; mas mostra o quão baixos estas pessoas são. Mas quando a merda real acontece, lhe faz despertar do foda-se e dizer: "Chega de besteira. Agora nós temos que ser sérios sobre esta merda". Todos eles estavam falando sério, não houve mentiras. Eles estavam dentro. Como eu disse, eu nunca esperava isso. Eu pensei que poderia ser o contrário, poderia funcionar no sentido contrário. Mas não foi. Estou feliz com isso. Eu sempre fui muito simpático com as pessoas, mas agora estou ciente do fato de que devo a elas.

MetalSucks: Você prevê mudanças no nível de atividade do Behemoth? Quer dizer, eu assisti o DVD “Evangelion Heretika” e ele mostra vocês sempre nos bastidores, em locais mal cheirosos e em ônibus de turnê. Vocês quer agora, por assim dizer, trabalhar menos e viver mais?

Bem, tudo que posso dizer é que eu estive trabalhando arduamente praticamente pelas duas últimas décadas. E quanto mais sucesso tínhamos, mais eu me envolvia. Então, quanto mais eu trabalhei, mais sucesso tivemos. Foi impressionante. Mas eu vou dizer, depois que eu saí do hospital, eu tentei prosseguir com calma. Mas eu rezei pela tour. Eu ansiava por estar de volta ao estúdio e gravar novas faixas para o próximo disco. Eu estou animado com isso, mas sei que é o tempo que vai fazer acontecer. Tudo precisa de tempo. Não vai acontecer amanhã, mas virá com o tempo, na verdade, quando eu chegar a esse ponto de novo, serei ainda mais consciente de mim mesmo, da banda, e de nossas habilidades. Por isso, definitivamente isto trouxe alguma luz para o meu modo de ver as coisas.

MetalSucks: Legal.

Cara, quando eu estava no hospital, liguei para Seth «Patryk "Seth" Sztyber, guitarrista do Behemoth» e lhe disse: "Eu vivo tendo esse sonho sobre a turnê Demigod «em 2004», quando estávamos tocando em todos esses buracos nos EUA para cem ou duzentas pessoas, recebendo US$ 200 e tendo pizza para o jantar. E quer saber? Eu sinto falta daquela pizza! Sinto falta do cheiro da porcaria dos bastidores! Eu daria tudo agora para estar de volta no palco fazendo aquelas músicas do Demigod naquela turnê de merda. "Ele me disse:" Quer saber? Eu também tenho sonhos sobre estar em turnê! "Isto lhe prova o quanto amamos o que fazemos e como estamos apaixonados por isso. Isso não mudou. Estamos nos preparando.

Vamos colocar desta forma: Queremos começar a ensaiar em, digamos, seis semanas. Ensaiaremos todas as músicas e queremos estar prontos para alguns shows em poucos meses. Faremos os primeiros shows na Polónia em outubro. Eu sei que são daqui a seis meses, mas nós vamos fazê-los. Estou certo disso. Já se passaram três meses desde o transplante, e minha melhora tem sido enorme. Assim, dentro de mais três meses, eu estarei pronto para isso.

MetalSucks: Inacreditável.

Espere um segundo, OK?

MetalSucks: Claro!

«Um bate papo em polaco entre Nergal e a atendente do drive thru» Ok, vá em frente, cara!

MetalSucks: Você encomendou comida?

Eu estou viajando, então eu preciso do meu café. Estou meio sonolento. Eu pensei que você não iria me alcançar hoje, por isso, tirei uma soneca em um estacionamento.

MetalSucks: Onde você está indo?

Eu estou viajando por todo o país apenas para visitar amigos. Amanhã, terei uma reunião no sul da Polónia, pois poderíamos estar fazendo mais um vídeo de Evangelion neste ano. É bem possível que vamos fazê-lo. Não vai haver performance da banda, vai ser como um curta ou algo assim. Nós realmente queremos fazê-lo, então eu tenho essa reunião amanhã.

MetalSucks: Então os negócios do Behemoth continuam sem interrupção!

Sim, para ser honesto, «risos», eu nunca parei de trabalhar no meu negócio. Eu tive esse momento de dúvida quando estava passando pela quimioterapia. Tive alguns momentos muito ruins. Eu fiquei algum tempo fora - às vezes por uma semana, às vezes duas semanas. Eu não era capaz de sequer falar com as pessoas. Eu não tinha vontade de falar com as pessoas. Eu estava totalmente desgastado. Você pode imaginar.

MetalSucks: Yeah.

Mas então eu acordava e pensava: "Foda-se. Estou pronto para ir e há muito a ser feito". Então, eu estava trabalhando com Paul Conroy da nossa administração;. Eu estava falando com nossos selos e montando o DVD “Evangelion Heretika”. Eu estava tão fraco, mas eu ainda conversava com Orion a cada dois dias para estar a par dos detalhes, e falava com os caras que estavam no comando da arte gráfica. Mesmo que eu estivesse tão fraco, eu pensava, "Foda-se, vamos concluir esse projeto. Este DVD vai sair de qualquer maneira. E pouco me importa se eu estou meio vivo -. Vamos fazê-lo". Foi uma prioridade para mim, entende?

Esporadicamente, eu conversava com Orion «Tomasz "Orion" Wroblewski, baixista», Inferno «Zbigniew Robert "Inferno" Promiński, baterista», Seth e Malta, o nosso homem do som. Eu só dizia para o pessoal se acalmar, vai demorar alguns meses, depois mais alguns meses para uma recuperação completa - mas eu vou estar pronto. Basta esperar e ver. Eu não tinha nada além de um forte encorajamento, apoio e a fé deles e de todas as pessoas do metal. A mídia e as pessoas do selo, também. Todo mundo estava me ligando e mandando mensagens de texto. Foi incrível. Nenhum outro cenário seria possível com esse suporte.

MetalSucks: Você mencionou que essa forte demonstração de apoio o surpreendeu. Você prevê que as letras futuras do Behemoth e os temas irão refletir isto? Pois até este ponto, pode-se dizer que a mensagem do Behemoth é "conquista implacável."

Eu realmente vejo a atitude do Behemoth como algo muito positiva de qualquer maneira. Mesmo que a nossa música seja séria e violenta, tudo consiste sobre passar por cima de qualquer obstáculo ou problema. Nada vai mudar neste sentido. Mas, obviamente, isto sem dúvidas vai afetar as letras, eu estou antecipando algum efeito sobre a música, também. Esse é o fato. O Behemoth sempre se desenvolveu, mudou e evoluiu - musicalmente, liricamente e de todas as formas possíveis. Eu realmente espero algumas mudanças sérias.

Eu odiaria fazer um disco igual ao "Evangelion", apesar de ser um excelente disco. Mas ainda assim, eu quero fazer música diferente. Não tão diferente assim. Obviamente, nós vamos continuar extremos. Eu só quero que seja algo emocionante não só para os ouvintes, mas também para nós. Eu não quero ficar aborrecido comigo mesmo, cara. «Risos»

MetalSucks: Bem, aqui vai a minha opinião. As pessoas do Metal têm algo incrível para esperar, porque o próximo álbum do Behemoth vai ser único. Com as suas experiências ao longo do ano passado.

Você está certo, cara.

MetalSucks: - Você está em posição de fazer um disco muito especial.

É exatamente como eu vejo isso. E o que posso dizer, cara? Basta esperar e ver. Eu estou tão animado. Estou ansioso para pegar minha guitarra ... Quer dizer, eu estou tocando atualmente, mas não estou tocando metal. Estou apenas aguardando o momento certo. Eu sei que quando chegar a hora, terei muitas idéias insanas. E mal posso esperar para colocar todas estas experiências e emoções que eu coletei ao longo deste ano na música, e torná-la tão rica e real e séria. Isto ai, cara.

MetalSucks: Vai ser interessante. Não há dúvida sobre isso.

Exatamente!

MetalSucks: Então, quando há um problema na minha vida, parece que algum disco ou música sempre me livra de um momento ruim.

O mesmo comigo, cara. Música é como um antídoto para os problemas de merda na minha vida. Tantas músicas e álbuns eram como trilhas sonoras para diferentes situações na minha vida. Então, pode ser uma música incrível, mas eu não posso ouvi-la, porque na verdade ela estava me acompanhando em tempos difíceis, sabe?

MetalSucks: Ah, sim.

Mas sim, exatamente. A música me trouxe aqui, e me tirou de situações de merda e me ajudou muito. O melhor elogio que posso conseguir ... Eu não dou a mínima se as pessoas dizem: "Ei, você tem um som de guitarra impressionante!" Ou "eu amo o seu gutural" ou merdas desse tipo. Eu sou do tipo: "Ei, obrigado." «Risos» Isso é legal. Mas a melhor coisa que eu posso ouvir das pessoas é que a nossa música dá-lhes motivação. Que os mantém lutando, indo em frente e nunca desistindo. Isso é a maior recompensa que eu posso ter como um músico ou um artista.

MetalSucks: Eu estou interessado no que você tem escutado ultimamente.

Eu sou aberto a tudo, sabe. Eu escutei alguns black metal loucos ultimamente. Também quase todos os dias eu preciso colocar meus CDs do AC/DC também, porque eu sou viciado em suas músicas. Cara, quanto mais velho fico, mais eu gravito em torno de bandas como Motörhead e AC/DC.

MetalSucks: Eu sei o que você quer dizer. Eu vi Motörhead no mês passado.

Como eles tocaram?

MetalSucks: Muito alto.

Isso é legal. Eu provavelmente vou estar vendo Motörhead, juntamente com Killing Joke e o Iron Maiden aqui na Polónia. Eu mal posso esperar.

MetalSucks: O novo disco do Iron Maiden é muito bom!

Ah, eu o odeio!

MetalSucks: O quê?

Sim, o último álbum do Maiden ... Eu quero dizer que quando eu ver Steve Harris, eu vou bater-lhe na cara pelo que ele fez. «Risos»

MetalSucks: «Risos»

Eu não o agüento, honestamente. «Risos» É um dos piores discos da década. Mas hey, é acerca do gosto pessoal... Cada um tem seu próprio gosto e eu odeio esta porra de disco. «Risos»

MetalSucks: Mas o álbum é tão estilo Adrian Smith, tão musical e divertido! É mágico!

Ah, acho que exagerei. O último disco, “A Matter Of Life And Death”, foi mais furioso e progressivo, mas ainda era audível. Foi muito bom! Agora, todas essas malditas melodias... Não tenho palavras, sabe? Tentei entendê-lo de várias formas, mas eu não consegui entrar nele. Eu tive que ouvi-lo em partes porque ele é muito ruim. Eu ouvia apenas duas músicas - "Ah, elas são tão terríveis! - Em seguida, mais duas no dia seguinte: "Não, elas são ainda piores!" Porra, cara. «Risos» Mas, novamente, é acerca do gosto pessoal.

MetalSucks: Ok, discordamos sobre “The Final Frontier”. Droga. Ei, deixe-me perguntar-lhe sobre sua noiva e com o apoio que você teve dela -

Bem, para ser honesto, não é realmente o momento certo para falar sobre isso porque acabamos de separar.

MetalSucks: Ah, droga.

Sim, você pode apagar a pergunta, porque nos separamos duas semanas atrás. Houve uma de porra enxame na mídia polonesa, como você pode imaginar. Estou de saco cheio disto e eu não quero falar sobre isso. Falaremos sobre isso na próxima vez, quando fizermos uma entrevista para o próximo disco. Vou te dar uma perspectiva ampla sobre este assunto, mas agora é muito recente.

MetalSucks: Desculpe.

Não se preocupe, cara.

MetalSucks: Putz. Essa foi a minha última pergunta. Vamos falar de outra coisa?

Cara, eu só quero alertar todas as pessoas lá nos EUA que estamos planejando uma turnê por volta da Primavera no próximo ano. Vamos voltar mais fortes do que nunca. E, porra, eu mal posso esperar para ver as pessoas. Você pode esperar Behemoth no palco, ainda mais faminto e louco do que antes!

MetalSucks: Então, deixe-me ver se entendi: Você tem shows previstos para a Polónia já em outubro, e pretende atingir a América logo na Primavera?

Sim, exatamente. Os shows de outubro são apenas para se aquecer. Então nós vamos fazer alguns shows na Austrália e na Ásia - que é o plano. A prioridade para o início de 2012 é uma turnê européia, seguida pouco depois por uma turnê pelos EUA. Esta é a nossa prioridade para o próximo ano e vamos fazê-lo, porra!

MetalSucks: Você está louco!

«Risos» Espere e nos verá no palco. Você vai ver. Eu não vou revelar nada sobre isso, mas ... Não vai ser apenas Behemoth. Como o tempo tivesse parado, como se estivéssemos congelados no tempo e vamos aparecer com a mesma aparência a e as mesmas roupas. Não. Nós vamos voltar, queremos lembrar as pessoas de nossa existência, obviamente, mas queremos ter um impacto, uma impressão. Queremos mostrar-lhes que, hey, nós ainda estamos evoluindo. Não queremos que você (os fãs) venha nos ver porque eu estava doente. Foda-se. Eu vou estar melhor em breve e nós vamos honrar isto!

Criado em 1996, Whiplash.Net é o mais completo site sobre Rock e Heavy Metal em português. Em março de 2013 o site teve 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas e 8.590.108 pageviews. Redatores, bandas e promotores podem colaborar pelo link ENVIAR MATERIAL no topo do site.

Behemoth: Nergal diagnosticado com câncer

Todas as matérias sobre "Behemoth: Nergal diagnosticado com câncer"

Behemoth: Nergal é hospitalizado, tour é cancelada
Behemoth: leucemia é a doença que acometeu Nergal
Lamb of God: "Nergal está só se recuperando!"
Arch Enemy: "Nossos pensamentos estão com Nergal!"
Behemoth: "boatos de que vou me converter são ridículos"
Behemoth: mais eventos em prol da doação de medula
Behemoth: mais eventos para conscientização contra leucemia
Behemoth: encontrado doador de medula óssea para Nergal
Behemoth: Nergal solta nota comentando tratamento
Behemoth: Nergal submete-se a transplante de medula óssea
Behemoth: Nergal deixa hospital na Polônia
Behemoth: "Saí vitorioso do hospital", diz Nergal
Nergal: primeira aparição pública depois de tratamento
Behemoth: Nergal agradece jovem que salvou sua vida


  | Comentários:

Todas as matérias da seção Entrevistas
Todas as matérias sobre "Behemoth: Nergal diagnosticado com câncer"
Todas as matérias sobre "Behemoth"

Behemoth: "The Satanist" não é o nosso melhor disco
Loudwire: melhores músicas de 2014 (até agora)
Orion: "Somos nós ou o Behemoth nessa turnê", disse Mustaine
Behemoth: na capa da edição de abril da Roadie Crew
Separados no nascimento: Nergal e a Torre de Orthanc
Behemoth: produtora confirma show no Brasil
Behemoth: jornalista diz que banda virá ao Brasil em novembro
Fevereiro: conheça mais 10 bons discos lançados em 2014
Behemoth: Um retorno brutal e introspectivo a suas origens
Behemoth: "The Satanist" em primeiro lugar na Polônia
Behemoth: filmagens de boa qualidade do show de Amsterdam
Behemoth: "The Satanist" entra no Top 40 dos EUA
Behemoth: The Satanist estreia nos Top 40 da Billboard
Behemoth: nas capas das revistas Decibel e Terrorizer

Os comentários são postados usando scripts do FACEBOOK e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Pense antes de escrever; os outros usuários e colaboradores merecem respeito;
Não seja agressivo, não provoque e não responda provocações com outras provocações;
Seja gentil ao apontar erros e seja útil usando o link de ENVIO DE CORREÇÕES;
Lembre-se de também elogiar quando encontrar bom conteúdo. :-)

Trolls, chatos de qualquer tipo e usuários que quebram estas regras podem ser banidos sem aviso. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Carlos Henrique Schmidt

Conheceu o rock pesado no inicio dos anos 90. Atualmente organiza em sua cidade (Ibirubá/RS) eventos musicais.

Mais informações sobre Carlos Henrique Schmidt

Mais matérias de Carlos Henrique Schmidt no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

QUEM SOMOS | ANUNCIAR | ENVIAR MATERIAL | FALE CONOSCO

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em março: 1.258.407 visitantes, 2.988.224 visitas, 8.590.108 pageviews.


Principal

Resenhas

Seções e Colunas

Temas

Bandas mais acessadas

NOME
1Iron Maiden
2Guns N' Roses
3Metallica
4Black Sabbath
5Megadeth
6Ozzy Osbourne
7Kiss
8Led Zeppelin
9Slayer
10AC/DC
11Angra
12Sepultura
13Dream Theater
14Judas Priest
15Van Halen

Lista completa de bandas e artistas mais acessados na história do site

Matérias mais lidas