Dr. Sin: Evolução, criatividade e muito amor ao Rock N' Roll

Resenha - Intactus - Dr. Sin

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Paulo Pontes
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 10

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
É muito difícil uma banda com mais de 23 anos de carreira, manter sempre um nível alto de criatividade e musicalidade, com lançamentos sempre acima da média. São poucas as que conseguem se manter por tanto tempo com discos de qualidade. E para orgulho nacional, o Dr. Sin é uma delas. E ainda por cima, é evidente a evolução da banda a cada lançamento.
Busic: banda divulga terceiro videoclipe; confiraArte: Quando rockstars encontram as telas e pincéis

O trio paulista formado por, Andria Busic (baixo e vocal), Ivan Busic (bateria e vocal) e Edu Ardanuy (guitarra), acaba de lançar pela Voice Music o disco Intactus, um álbum pesado, com excelentes composições e que figura entre os melhores de toda a carreira da banda.

"Saturday Night" abre o disco de forma pesada, rápida e certeira, com uma letra que como o próprio nome já diz, exalta as noites de sábado repletas de Rock n' Roll. A produção, que ficou a cargo do próprio Andria Busic, deixou tudo nítido, claro e na cara, realçando o peso das músicas.

Na sequência vem a já conhecida "How Long", com um refrão marcante, que funciona muito bem ao vivo.

Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Um riff pesadíssimo de guitarra executado por Edu Ardanuy, mostra toda a força de "We're Not Alone", faixa que tem uma temática alienígena e que é guiada pela bateria precisa de Ivan Busic. Nesta música vemos a evolução vocal de Andria, cantando de forma mais agressiva que o habitual. Uma das melhores do disco.

"Soul Survivor" é quase um southern rock, mas com muito mais peso. Ivan alterna os vocais com Andria, o que dá uma dinâmica bem interessante à música, aliás, como em alguns outros lançamentos da banda, aqui os vocais de Ivan são muito bem aproveitados. A faixa ainda trás um clima denso, com toques de violão executados em uma performance perfeita de Edu Ardanuy.

Não é preciso falar sobre a técnica absurda que os três têm em seus respectivos instrumentos, mas se ficar alguma dúvida, ouça a intrincada "The Great Houdini", uma aula de técnica e bom gosto em uma música que conta a história de Harry Houdini, famoso ilusionista húngaro, que fez fama e sucesso no mundo todo. Um trecho no meio da faixa, quase em seu final, me lembrou muito os melhores momentos do Rush, influência assumida do trio paulista.

O cd ainda conta com as mais intimistas "This is the Time" e "Without You", duas belíssimas baladas, que contam com a participação do tecladista Marcelo Souss.

https://scontent-b-mia.xx.fbcdn.net/hphotos-xap1/v/t1.0-9/10...
Foto por Marco Bavini

Edu Ardanuy está avassalador na faixa "The Big Screen". Técnica e feeling invejáveis. A cada disco, o cara faz jus ao título de um dos melhores guitarristas do Brasil - na minha humilde opinião, o melhor. O mesmo acontece em "Set Me Free", que também apresenta um solo muito bom de Andria.

"Fight the Good Fight"encerra o trabalho com uma melodia cativante e uma aula de bateria ministrada por Ivan Busic. A música termina, o álbum chega ao seu fim, e você se pega ouvindo tudo novamente.

Vale ressaltar o excelente trabalho do ilustrador Gustavo Sazes, que mais uma vez mostra todo seu potencial, criando uma capa muito bonita. Todo o material gráfico do disco é excelente e de muito bom gosto. Na embalagem, um encarte que conta com as letras das músicas e com fotos tiradas por Marco Bavini.

O Dr. Sin prova com Intactus, que o tempo não tem feito mal algum à banda, muito pelo contrário, são 23 anos de evolução, criatividade, garra e muito amor ao Rock n' Roll. Que venham os próximos 23 anos.

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Intactus - Dr. Sin

Dr. Sin: "Intactus" é uma nova aula de Rock da bandaDr. Sin: Dez faixas do mais puro Hard Rock mesclado com BluesDr. Sin: Uma lenda intacta do hard/heavy nacional

Top 5
Discos de metal nacional com nomes de outros estilos

Busic: banda divulga terceiro videoclipe; confiraVitrola Verde: em vídeo, entrevista com Ivan BusicYngwie Malmsteen: super grupo brasileiro presta homenagemTodas as matérias e notícias sobre "Dr Sin"

Top 5
Discos de metal nacional com nomes de outros estilos

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 15 de janeiro de 2015

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Dr Sin"

Arte
Quando rockstars encontram as telas e pincéis

Megadeth
"Nós éramos os reais bad boys", diz Mustaine

História do Rock: dos primórdios aos anos 70Metallica: James Hetfield explica suas tatuagens preferidasMetal Ostentação: "Se essa moda pega os headbanger vira patrão"Gene Simmons: filho desmonta mito de atleta sexualCapas de álbuns: versão "cultura pop" de capas famosas

Sobre Paulo Pontes

Nascido em Valinhos, interior de São Paulo, é estudante de jornalismo e iniciou-se no universo do rock ouvindo Guns n' Roses. É fã de Led Zeppellin, Richie Kotzen e Edguy, mas adora o rock em todas as suas vertentes, do Classic Rock ao Black Metal. Depois de escutar o refrão de "Eagle Fly Free" pela primeira vez, passou a curtir muito Power Metal, e achou que jamais iria ouvir um refrão tão bom quanto aquele dentro de tal vertente, realmente estava certo, ainda não ouviu. Casado e pai de duas lindas meninas, também se diverte muito com bons filmes e livros.

Mais matérias de Paulo Pontes no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online