Dr. Sin: Uma lenda intacta do hard/heavy nacional

Resenha - Intactus - Dr. Sin

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Junior Frascá, Fonte: My Guitar
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Cara, assim como comecei a resenha do disco anterior do DR. SIN, “Animal”, também tenho que começar essa com um trocadilho com o nome do disco, pois como é bom ver uma das maiores instituições do Rock brasileiro ainda intacta, depois de 23 anos de carreira. E isso não é só em relação a formação, que ainda conta com os irmãos Ivan e Andria Busic, e o mito Eduardo Ardanuy, mas também em relação a sua sonoridade, sem jamais se tornar mais leve ou acessível.
1415 acessosDr. Sin: nova banda dos Irmãos Busic estreia em Santo André5000 acessosMetallica: o insistente uso do "Yeah!" por James Hetfield

Assim, “Intactus”, décimo primeiro disco da carreira da banda, traz aquele hard/heavy cativante e cheio de feeling que só o trio é capaz de criar, cativando o ouvinte com muita facilidade. E dessa vez é notável uma inserção bem mais generosa de peso, graças ao grande trabalho do monstro Edu Ardanuy, com seus riffs cavalares e precisos. “How Long”, bem intensa e cativante, e com um andamento cavalgado, é um grande exemplo disso, sendo uma das melhores composições do álbum.

Andria também está cantando muito, de forma bem agradável e intensa, como em “Saturday Night”, a ótima faixa de abertura do trabalho.

A agressiva “We’re Not Alone”, com afinação baixa; a progressiva “The Great Houdini”, que mostra toda a técnica do trio (em especial o baterista Ivan, em um dos melhores momentos da carreira); “The Big Screen”, que fala um pouco das emoções do cinema; e a cadenciada “Set Me Free” são os outros destaques do álbum, que no geral é bem sólido e consistente, sem baixas.

A ótima produção de Andria, e a belíssima capa do gênio Gustavo Sazes, são apenas outros atrativos de um material indispensável em qualquer coleção de apaixonados pela boa música.

E assim segue o DR. SIN como uma das principais bandas de nosso cenário, intacta como uma rocha, e mesmo ainda estando em meados de janeiro, fará com que as outras bandas suem sangue para tirarem de “Intactus” o título de melhor disco nacional de 2015.

Intactus – Dr. Sin
(2015 – Unimar/Voice - Nacional)

Eduardo Ardanuy – Guitarra
Andria Busic – Vocal e Baixo
Ivan Busic – Bateria E vocal

Track List
1. SATURDAY NIGHT
2. HOW LONG
3. WE’RE NOT ALONE
4. SOUL SURVIVOR
5. THE GREAT HOUDINI
6. THIS IS THE TIME
7. THE BIG SCREEN
8. SET ME FREE
9. WITHOUT YOU
10. FIGHT THE GOOD FIGHT

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Outras resenhas de Intactus - Dr. Sin

2083 acessosDr. Sin: "Intactus" é uma nova aula de Rock da banda2231 acessosDr. Sin: Dez faixas do mais puro Hard Rock mesclado com Blues3219 acessosDr. Sin: Evolução, criatividade e muito amor ao Rock N' Roll

1415 acessosDr. Sin: nova banda dos Irmãos Busic estreia em Santo André257 acessosCombate Rock: política acaba com amizades e estraga bandas804 acessosBusic: banda divulga terceiro videoclipe; confira116 acessosVitrola Verde: em vídeo, entrevista com Ivan Busic0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Dr Sin"

Dr. SinDr. Sin
A crise do rock nacional

Importando MetalImportando Metal
Músicos gringos que atuam ou já atuaram em bandas brasileiras

Rock nacionalRock nacional
10 solos de guitarra essenciais

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 26 de janeiro de 2015

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Dr Sin"

MetallicaMetallica
O insistente uso do "Yeah!" por James Hetfield

Rob HalfordRob Halford
Qual a canção mais demoníaca que existe no metal?

SepulturaSepultura
Saiba mais sobre as visões religiosas de Derrick

5000 acessosBeldades: 10 motivos para você gostar ainda mais de Rock/Metal5000 acessosMetallica: Perguntas, respostas e curiosidades diversas5000 acessosHeavy Metal: 10 ótimas novas bandas para atualizar o ouvido5000 acessosBruno Sutter: resumo da carreira em fotos e vídeo4964 acessosMyles Kennedy: como conciliar o Alter Bridge com a banda de Slash5000 acessosRush: "Ficávamos doidões no quarto de hotel com Ace Frehley"

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online