Apathy: impossível não lembrar do Elegy de Hovinga

Resenha - Mother Of Sin - Apathy

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Júlio Oliveira
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Imagem
Ao escutar o Apathy, torna-se impossível não lembrar-se do Elegy, e mesmo que por motivos desconhecidos Eduard Hovinga não goste do fato, as diferenças restringem-se apenas ao line-up e à velocidade das composições. O trabalho de guitarra executado por Eduard, que em sua outra banda era apenas vocalista, é muitíssimo semelhante ao estilo de Henk van der Laars.
Nirvana: o bizarro gosto gráfico de Kurt CobainPhotoshop: Luan Morrison, Ivete Osbourne, Axl Teló e mais

O estilo das duas bandas também é correspondente e isso é evidenciado logo em "Apathy" que abre o disco em alto estilo e demonstra que todos na banda são capazes de produzir um som coeso e técnico dentro de um estilo onde tais características são essenciais, vide o exemplo do Kamelot, Adagio e do próprio Elegy.

"Cover My Eyes" é um pouco mais pesada e lenta e novamente escutamos o excelente trabalho de guitarras recheado de arpeggios e harmônicas. Algumas passagens chegam a lembrar o Black Sabbath.

De fato o som que o Mother Of Sin faz é bastante consistente e todas as características já mencionadas permeiam o álbum do início ao fim, sendo "Part Of Creation" e "Hate" as músicas que mais remetem a banda ao rótulo Power Metal, que não chega a ser um rótulo a que a banda restringe-se. O mais interessante é ler que Eduard Hovinga apesar de ter sido apresentado à cena metálica como vocalista do Elegy e posteriormente Prime Time, define-se como um guitarrista que canta.

Formação:
Eduard Hovinga - Guitarra/Vocal/Teclado
Remko de Jong - Guitarra
Johan Hovinga - Baixo
Gerry de Graaf - Bateria

01 - Apathy
02 - Cover my Eyes
03 - Beyond Fear
04 - Introspective
05 - Buried a Life
06 - Mother of Sin
07 - Insomnia
08 - Part of Creation
09 - Into the Fire
10 - Hate

Mother Of Sin – Apathy
(2005 – Adrenaline/SteelHeart)

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Apathy"

Nirvana
O bizarro gosto gráfico de Kurt Cobain

Photoshop
Luan Morrison, Ivete Osbourne, Axl Teló e mais

Heavy Metal
Como é o som das grandes bandas sem distorção?

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1992Bateristas: os trinta mais ricos do mundoEm vídeo: A diferença entre ser músico e ser rockstarLacuna Coil: após polêmica, músico pede desculpa a brasileirosGuns N' Roses: Richard Fortus compreende e aceita as críticasIron Maiden: conheça o responsável pelos teclados na banda

Sobre Júlio Oliveira

Recifense, atualmente divide seu tempo entre trabalhar em Copenhague (Dinamarca) e morar/estudar em Malmö (Suécia). Começou a escutar Metal no início dos anos 90 com os companheiros do Colégio da Polícia Militar e desde então não parou mais, mas nunca se restringindo a um estilo, mas à qualidade da musica em questão. Resolveu começar a colaborar com o site depois de anos lendo as noticias trazidas por outros. "Tava na hora de eu dar minha colaboração também...".

Mais matérias de Júlio Oliveira no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online