Matérias Mais Lidas

imagemRegis Tadeu se garante e não retira uma palavra do que disse sobre Di'Anno e Iron Maiden

imagemBruno Valverde diz que preconceito contra ele veio mais da igreja do que dos metaleiros

imagemPaul Di'Anno detona Regis Tadeu após vídeo em que critica seu encontro com Iron Maiden

imagem"A ingenuidade do fã do Iron Maiden é um negócio que beira o patético", diz Regis Tadeu

imagemGeezer Butler, Heavy Metal e a clássica canção do Black Sabbath inspirada por Jesus

imagemFãs protestam contra Claustrofobia após banda fazer versão de música do Pantera

imagemStjepan Juras retruca comentário de Regis Tadeu sobre reencontro de Di'Anno e Harris

imagemA dura crítica de Angus Young a Led Zeppelin, Jeff Beck e Rolling Stones em 1977

imagemComo foram os últimos meses de Renato Russo e a causa da sua morte

imagemAC/DC: Angus Young recorda como fazia para ouvir rock em seus tempos de garoto

imagemHelloween divulga vídeo de "Best Time", com participação de Alissa White-Gluz

imagemIron Maiden: Bruce fala sobre groupies; "parei de transar com elas quando me apaixonei"

imagemComo era a problemática relação do Angra no "Aurora Consurgens", segundo produtor

imagemIggor Cavalera manda ver em "Dead Embryonic Cells" ao vivo; confira drumcam

imagemTobias Forge, do Ghost, diz que ABBA deveria receber um Prêmio Nobel


Stamp

Curitiba: Sem reunião, Gamma Ray e Helloween fazem o básico

Resenha - Gamma Ray e Helloween (Hellooch, Curitiba, 15/04/2008)

Por Clóvis Eduardo
Em 19/04/08

Uns queriam ver apenas o Gamma Ray. Outros, somente o Helloween. E há também quem tenha ido para assistir as duas bandas juntas. Mas esperar que os dois grupos fizessem uma jam no palco, já seria considerado um pouco de exagero.

Fotos: Makila Crowley

E era sim um exagero. Com naturalidade, o Helloween terminou o show de aproximadamente 1h30min e se recolheu. Após a saída, começou uma movimentação diferente no palco, inclusive com a colocação de mais um microfone ao centro. Mas com o fechar das cortinas, luzes acesas e o som mecânico subindo nos alto-falantes, pouca gente queria acreditar, mas o show havia terminado.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Antes mesmo da festa começar, a expectativa era grande para que pelo menos, o líder do Gamma Ray, Kai Hansen subisse ao palco, junto com os compatriotas alemães do Helloween. Muita gente foi inclusive motivada a comparecer à Helloch para presenciar tal momento histórico que vem acontecendo com freqüência desde o ano passado, quando foi iniciada a "Hellish Rock", entre as duas bandas. E como a primeira parada da turnê brasileira foi em Curitiba (com mais sete datas previstas no restante o país), cabia aos paranaenses, e meia dúzia de paraguaios alvoroçados, dar as boas vindas ao Gamma Ray e ao Helloween.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A última vez que o Helloween esteve no Brasil foi em 2006, para divulgar a terceira parte do "Keeper of The Seven Keys". Agora com o novo CD "Gambling With The Devil", o grupo criou a oportunidade de fazer uma nova turnê, e ainda conseguiu um feito bastante comemorado pelos fãs. Tocar junto com o Gamma Ray, que colhe os frutos da segunda versão do disco "Land of The Free", lançado em 2007. A união dos dois grupos resultou numa noite memorável.

Sem banda de abertura, o Gamma Ray ficou com a responsabilidade de abrir o espetáculo. É notável o talento de Kai Hansen, mas no geral, o grupo ganha por ser equilibrado, com ótimos músicos e canções bastante variadas. Dan Zimmermann é tão técnico na bateria que chega a chamar mais atenção do que qualquer outro dos três músicos que fica mais à frente do palco. Peso e força na medida certa para a abertura com "Into The Storm", recebida com vibração pelo público. Aliás, todas as canções foram cantadas com emoção e muito aplaudidas.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O show continua com os já habituais clássicos, como "Heaven Can Wait", "New World Order" e "Rebellion In Dreamland", bela música que sempre é considerada um dos momentos altos, por se tratar de um trabalho mais cadenciado e de belo refrão. O guitarrista Henjo Richter como sempre, é tranquilo, mesmo quando precisa executar os solos mais rápidos e complicados. Ele apareceu de óculos de grau no palco, mas sem se intimidar, mostrou habitual perícia e carisma com o público. Kai Hansen também conquista fácil a simpatia dos presentes, já que está sempre sorridente e manda muito bem na guitarra e nos vocais.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Um dos grandes momentos foi em "Ride The Sky", música oroginalmente do Helloween, que mesmo não tocada na íntegra, mostra a precisão de Kai e Henjo, em duetos durante o solo. Outra figura marcante da banda é o baixista, Dirk Schlächter, grande agitador e que auxilia Kai nos backing vocals, função que por vezes, toda a banda executa.

Em pouco mais de uma hora, deu tempo para reviver grandes momentos da carreira do Gamma Ray, como a tradicional brincadeira em "Heavy Metal Universe" e as várias divisões em "Somewhere Out In Space". Para fechar, veio "Send Me A Sign", um dos maiores sucessos do grupo e que já virou um típico cartão de despedida.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após a saída, houve um longo intervalo até o início da apresentação do Helloween. Seria uma tarefa difícil para Andi Deris, Michael Weikath e companhia manter o nível do show que o Gamma Ray fez, já que a euforia no local era imensa. Mas tendo um pouco mais de tempo no palco, os alemães souberam aproveitar o talento e as várias brincadeiras no palco para enlouquecer de vez os curitibanos. A banda inicia com a antiga "Halloween", já mostrando que Andi Deris estava afiado nos vocais e pronto para mais uma ótima noite, assim como foram as últimas passagens pelo Brasil.

Um erro talvez tenha sido a escolha de duas músicas extensas para o show, como "Halloween" e "King For A 1000 Years", que teve a parte lenta levemente reduzida. O solo de bateria com cerca de cinco minutos também não tem um efeito muito bom, apesar de dar um descanso para o grupo. Da parte boa, "Eagle Fly Free", não poderia faltar, assim como "Dr. Stein", sempre bem recebida.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sascha Gerstner na guitarra e Markus Grosskopf no baixo agitam muito, chamam o público para cantar e bater palmas a todo momento, além de serem os responsáveis pela parte mais bem humorada do show, como quando um joga uma palheta para o outro tentar pegar com a boca ou quando se inicia uma pequena guerra de toalhas e garrafas de água com o baterista Dani Löble. Michael Weikath está mais magro, mantém o ar sisudo com o cigarro na boca, mas perde as estribeiras vez em quando, mostrando a língua e fazendo caretas para o público. Só não poderia esquecer de dizer, lógico, que todos os músicos são altamente competentes, em uma apresentação sem imprevistos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O set-list teve espaço para boas surpresas, como "Sole Survivor", a bela "March Of Time", do "Keeper Of The Seven Keys II" (quanto tempo!), e o medley que envolveu cinco das melhores músicas que o Helloween já lançou em mais de 20 anos de carreira: "I Can", "Where The Rain Grows", "Perfect Gentleman", "Power" e "Keeper Of The Seven Keys", com coros e palmas incentivadas pelo vocalista.

A parte final já se sabe. Com o fim de "Keeper...", imaginava-se que seriam tocadas "I Want Out", e "Future World", com Kai Hansen. O público permaneceu de frente ao palco, mas as luzes se acenderem aos poucos, e as cortinas se fecharem de vez. Era a confirmação de que acabava aí a chance de vermos uma reunião absolutamente impensável há alguns anos. Ninguém entendeu nada. Mesmo assim, as duas bandas fizeram belos shows e certamente, já deixam saudade para o público curitibano.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Agradecimentos: Ana Paula Flores e equipe do Grupo JAM, Makila Crowley.

Set-list Gamma Ray:

1 - Welcome
2 - Into The Storm
3 - Heaven Can Wait
4 - New World Order
5 - Fight
6 - From The Ashes
7 - Valley Of The Kings
8 - Rebellion In Dreamland
9 - Heavy Metal Universe
10 - The Silence
11 - Ride The Sky
12 - Somewhere Out In Space
13 - Man On A Mission
14 - When The World
15 - Send Me A Sign

Set-list Helloween:

1 - Intro
2 - Halloween
3 - Sole Survivor
4 - March Of Time
5 - As Long As I Fall
6 - Eagle Fly Free
7 - A Tale That Wasn’t Right
8 - Solo de bateria
9 - The Bells Of The Seven Hells
10 - King For A 1000 Years
11 - If I Could Fly
12 - Dr. Stein
13 – Medley: I Can, Where The Rain Grows, Perfect Gentleman, Power e Keeper Of The Seven Keys

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Helloween: Decifrando o disco "Master of The Rings" (podcast)


Helloween: Jack O. Lantern não foi o primeiro mascote da banda?


Death Metal: menina de 6 anos detona no America's Got Talent


Sobre Clóvis Eduardo

Clóvis Eduardo Cuco é catarinense, jornalista e metaleiro.

Mais matérias de Clóvis Eduardo.