Música: saber tocar é uma questão de "dom"?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Renan Soares, Fonte: Roadie Metal
Enviar correções  |  Ver Acessos

Dia desses, estava eu navegando pelas redes sociais, até que me deparei com a tirinha abaixo e a achei um tanto interessante por conta da sua mensagem abordada, algo que eu nunca tinha parado para pensar sobre anteriormente, e me fez questionar um pouco o uso do termo "dom" em algumas situações, principalmente, na música.

Bateristas fodas no youtube: uma seleção dos melhores com vídeos de exemplosOlavo de Carvalho: Segundo ele, o Heavy Metal emburrece

Após isso, comecei a fazer esse questionamento para algumas pessoas, começando por aquelas que não tocam nenhum instrumento, e uma considerável maioria respondeu aquilo que já ouvi muito durante minha vida - que sim - tocar seria uma questão de dom.

Depois, fiz a mesma pergunta para alguns amigos que eram músicos (ou que sabiam tocar), e exatamente TODOS responderam a mesma coisa: Tocar não é uma questão de ter dom, e sim de muita dedicação e estudo, assim como é dito na tirinha mostrada logo acima.

E agora, o que eu, Renan Soares, acho disso?

Dando minha humilde e sincera opinião, eu concordo com o argumento de que tocar NAO É uma questão de dom, e a própria tirinha mostrou o melhor argumento para explicar isso.

Outra coisa que exemplifica bem esse argumento são esses meus amigos que tocam, porque se eles todos tem algo em comum é a DEDICAÇAO aos seus instrumentos, e percebo isso neles principalmente com o fato deles basicamente estarem sempre com os mesmos em seus colos quando estão em casa, independente do que estão fazendo. Ou seja, eles basicamente aproveitam o tempo livre para aperfeiçoar ainda mais as suas técnicas.

Mas, o que separa os "homens dos meninos" nesse caso? É o fato que uns levam mais jeito do que outros, uns tem a coordenação motora nas mãos melhor do que outros, fazendo que alguns sejam mais limitados em sua técnica e outros mais "soltos".

Por exemplo, há algumas músicas mais simples que qualquer um consegue tocar, mas outras exigem uma técnica muito mais avançada da pessoa, e uma agilidade a mais nos dedos, o que não é possível para qualquer um.

Mas de qualquer forma, os que falam que saber tocar é uma questão de ter dom, falam isso de uma forma como se não fosse qualquer um que conseguisse pegar um violão e aprender a tocar nem mesmo os acordes mais básicos das músicas mais fáceis, o que definitivamente não é verdade.

Por isso, para mim, aquilo que eles chamam de "dom", eu prefiro chamar de "amor a música", porque todos aqueles que sabem tocar tem amor pelo que faz, e esse amor faz eles terem dedicação e determinação para se aperfeiçoarem ainda mais.

Aqueles que afirmam nunca terem aprendido a tocar por "não terem dom", na verdade, não tiveram força de vontade, porque como muitos de vocês sabem, aprender a tocar qualquer instrumento não é fácil, principalmente no início. Com isso, alguns que tentam aprender passam por esses obstáculos, acham que tocar é um "bicho de sete cabeças" e acabam desistindo. Mas, como todos aqui imaginam, ninguém nasce sabendo de tudo, então mal sabe esse cidadão que diz "não ter o dom" que os instrumentistas passaram pelas mesmas dificuldades passadas por ele quando começaram a aprender.

Mas o que fez um aprender e o outro a desistir?

A determinação, porque eu acredito que quando você quer aprender algo, não existe desculpa no mundo para te impedir disso.

Mas claro, tem aqueles que aprendem com mais facilidade, os que aprendem sozinhos (os chamados "autodidatas") e aqueles que sentem mais dificuldade na hora de aprender, mas cada caso é um caso, e isso se aplica não apenas na música, mas em tudo na vida.

Portanto, também há uma outra coisa para diferenciar os mais habilidosos daqueles que simplesmente sabem tocar - a criatividade - principalmente na hora de compor. Porque definitivamente, qualquer um, se praticar com frequência, consegue pegar uma música composta por terceiros (da mais básica pra mais complexa) e toca-la perfeitamente, mas, quando o assunto é compor, realmente não é qualquer um que consegue, por isso, muitos músicos por aí cantam, mas não compõe a própria música. No entanto, ainda assim não diria que "compor" é uma questão de ter "dom", e sim, de ter "criatividade", coisa que realmente não é qualquer um que tem.

Agora, um recado para você que tem o desejo de aprender a tocar um instrumento, mas vive dando a desculpa de não ter "dom":

DEIXE DE SER PREGUIÇOSO!

Se você realmente quer aprender a tocar, se dedique, vá atrás de um professor (ou de um amigo que saiba tocar, ou de tutoriais na internet, você quem sabe), sente a bunda na cadeira, pegue seu instrumento e o estude, saiba como se executa cada acorde, tenha DETERMINAÇAO, porque nenhuma força divina irá cair em cima de você e lhe fará aprender a tocar a 9ª sinfonia de Beethoven da noite para o dia. E sim, no início será difícil, mas lembre-se que todos os músicos que estão aí no mercado também passaram por isso, e se eles conseguiram, você também consegue. E lembre-se, toda a sua dedicação será recompensada lá na frente.

Mas, se ainda assim você está com desculpa esfarrapada para não aprender a tocar, aí lhe digo sinceramente, você não ama tocar, porque como eu disse anteriormente, quando você realmente quer, não há desculpa no mundo que lhe impeça, e se tu não queres priorizar isso com o argumento de que não tem tempo, aí não há muito a se fazer, porque afinal, já dizia meu pai que "tempo" é muito mais uma questão de prioridade, e cada um tem a sua.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção OpiniõesTodas as matérias sobre "Instrumentos"


Bateristas fodas no youtube: uma seleção dos melhores com vídeos de exemplosBateristas fodas no youtube
Uma seleção dos melhores com vídeos de exemplos

Led Zeppelin: Page comenta quando tocou com pedal que poderia ligar e desligar com o péLed Zeppelin
Page comenta quando tocou com pedal que poderia ligar e desligar com o pé

Slipknot: baixista mostra detalhes de instrumento ao Total GuitarSlipknot
Baixista mostra detalhes de instrumento ao Total Guitar

Metallica: Aria Guitars anuncia Cliff Burton Custom BassMetallica
Aria Guitars anuncia Cliff Burton Custom Bass


Olavo de Carvalho: Segundo ele, o Heavy Metal emburreceOlavo de Carvalho
Segundo ele, o Heavy Metal emburrece

Spike: os sete piores solos de guitarraSpike
Os sete piores solos de guitarra


Sobre Renan Soares

Nascido em Recife no dia 03 de novembro de 1994, Renan adentrou ao mundo do rock/metal a partir dos 13 anos de idade e até hoje permanece fielmente no mesmo. Desde que se formou em Jornalismo pela Universidade Católica de Pernambuco, tem se dedicado a conseguir dar a relevância merecida ao nome do estilo.

Mais matérias de Renan Soares no Whiplash.Net.

adGoo336