Bandas que tiveram o tempo como um aliado

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Gabriel Menezes, Fonte: Blog Cena
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Assim como acontece com algumas bebidas, o tempo ao invés de ser um rival parece valorizar ainda mais certos nomes da música pop. O AC/DC é uma prova disto. Bastaram menos de 48 horas para que os ingressos para o show do grupo no dia 27 de novembro no Estádio do Morumbi, em São Paulo, se esgotassem. Com 36 anos de estrada, a banda australiana é atualmente uma das mais lucrativas do show business, seja com sua turnê ou com a venda de discos.

3647 acessosGNR: vídeo completo da participação especial de Angus Young5000 acessosMTV Unplugged: As 25 melhores apresentações da história

A idade dos integrantes, todos com mais de 50 anos, não afeta em nada a popularidade do grupo. Pelo contrário, a legião de fãs do AC/DC não para de crescer. E não são só pessoas da mesma faixa etária, mas também jovens que nem eram nascidos no auge da banda.

Mas este fenômeno não é exclusivo dos irmãos Young. Em outros casos, mesmo com os grupos não estando em atividade já há alguns anos, a popularidade parece ser cada vez maior.

Quarenta anos após o fim da banda, os BEATLES voltaram a ser massivamente falados na imprensa em 2009 com o lançamento de sua discografia remasterizada e do jogo “Beatles Rock Band”. Os álbuns já ocupam diversas posições entre os mais vendidos, e são considerados como o último grande lançamento da era do CD.

Em 2007 o LED ZEPPELIN também provou que sua popularidade continua em alta. O grupo, que não se reunia desde a morte do baterista JOHN BONHAM em 1980, anunciou que faria um show em homenagem ao fundador da Atlantic Records, Ahmet Ertegun, morto em 2006.

Para ter direito a um dos 20 mil ingressos disponíveis para a apresentação, o interessado deveria se cadastrar no site da banda e torcer para ser sorteado. Acontece que o número de acessos chegou a mais de 120 milhões e o site acabou saindo do ar. No final das contas tudo deu certo. A partir daí eles receberam ofertas com valores astronômicos para realizar uma turnê mundial, que só não aconteceu porque o vocalista ROBERT PLANT não quis.

Casos assim mostram que o verdadeiro sucesso está muito além de uma determinada época ou situação. Ele chega a ganhar vida própria. Uma vida muito maior até do que as pessoas que o construíram!

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Guns N RosesGuns N' Roses
Vídeo completo da participação especial de Angus Young

1285 acessosHard Rock e Metal: em vídeo, os dez álbuns mais vendidos nos EUA2481 acessosAC/DC: em vídeo, estúdio x ao vivo, expectativa e realidade0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "AC/DC"

AC/DCAC/DC
A banda deve mesmo continuar?

AC/DCAC/DC
Começou com ópera em programa de talentos mas depois...

AC/DCAC/DC
Brian Johnson dá sinais que quer se aposentar

0 acessosTodas as matérias da seção Opiniões0 acessosTodas as matérias sobre "AC/DC"0 acessosTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"0 acessosTodas as matérias sobre "Beatles"

MTV UnpluggedMTV Unplugged
As 25 melhores apresentações da história

Mônica GuedesMônica Guedes
"Seus heróis morreram de overdose, os meus morrem na estrada, trabalhando"

QueenQueen
10 coisas que você não sabe sobre Bohemian Rhapsody

5000 acessosKing Diamond: As opiniões do rei sobre Satanismo5000 acessosAxl Rose: "Sobe na porra do palco ou você vai morrer!"5000 acessosVan Halen: o constrangedor encontro de Eddie com o Nirvana5000 acessosBruce Dickinson: ver as Iron Maidens foi uma experiência estranha5000 acessosDisco Novo Pra Quê?: Catálogo do Metallica explodiu em 20155000 acessosSaul Gumz: Coleção de Classic Rock no interior de Santa Catarina

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Sobre Gabriel Menezes

Gabriel Menezes é jornalista, natural de Volta Redonda, no Sul Fluminense. Atualmente, mora na cidade do Rio de Janeiro. Edita o Blog Cena (www.blogcena.com), onde escreve sobre rock e cultura pop. É um apaixonado por rock’n roll, em quase todas as suas vertentes. É baixista e membro da banda Dakocaga (www.myspace.com/dakocaga).

Mais informações sobre Gabriel Menezes

Mais matérias de Gabriel Menezes no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online